activa

s

Perfil

Celebridades

Assalto a Kim Kardashian: Vários suspeitos detidos em França

Finalmente há avanços num caso que parecia não ter solução à vista.

Cláudia Turpin

Reprodução/Instagram

A polícia francesa tarda, mas não falha.

Segundo a imprensa internacional, as autoridades detiveram 17 pessoas, três mulheres e 14 homens, suspeitas de terem ligações ao assalto violento de que Kim Kardashian foi vítima no passado dia 3 de outubro e que a deixou 10 milhões de dólares mais pobre.

O TMZ avança que dois dos suspeitos são traficantes de diamantes e que as mulheres tiveram a função de seguir a socialite pela 'cidade luz' nos dias que antecederam o crime. O site acrescenta ainda que os assaltantes, que já tinham sido 'apanhados' por câmaras de vigilância, podem ter sido traídos por vestígios de ADN deixados na mordaça usada para silenciar Kardashian.

Os suspeitos foram detidos em cinco cidades diferentes naquilo que parece ser um trabalho coordenado entre as autoridades e podem ficar sob custódia durante 96 horas antes de serem acusados ou libertados.

Recorde-se que na sequência do ocorrido Kim afastou-se do olhar público e das redes sociais, às quais voltou recentemente com várias publicações dedicadas à família.

Vídeo relacionado: Há um novo vídeo dos assaltantes de Kim Kardashian (veja-o aqui)

Vídeo relacionado: Kim Kardashian está de volta ao Instagram! (e de que maneira)

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!