activa

s

Perfil

Celebridades

Donald e Melania Trump enfrentam escândalo de traição

A terceira pessoa envolvida será uma ex-modelo da Playboy.

Laura Pinheiro

Pool

Donald Trump mal tomou posse e já há um escândalo a pairar sobre a Casa Branca.

O 'Wall Street Journal' (WSJ) relata que Karen McDougal, que foi eleita pela revista 'Playboy' a Playmate do Ano em 1998, terá chegado a um acordo chorudo com o 'National Enquirer' no passado mês de agosto para contar todos os detalhes da sua alegada relação consensual com o magnata do ramo imobiliário, que terá durado 10 meses, entre 2006 e 2007, altura em que o agora Chefe de Estado norte-americano já era casado com Melania Trump.

Reprodução

McDougal esperava que a história fosse publicada, mas isso nunca aconteceu. De acordo com o WSJ, que teve acesso aos documentos do acordo e falou com algumas fontes com conhecimento de causa, o tabloide terá adotado a tática para impedir que outros meios de comunicação chegassem à história. Porquê? Porque não só apoiou a candidatura de Trump como o seu CEO, David Pecker, é amigo de longa data do empresário.

Num comunicado, a editora AMI nega que alguma vez tenha pago "a alguém para 'matar' histórias sobre o Sr. Trump".

"No entanto, o acordo incluía os direitos a «qualquer relação romântica, e/ou física que a Sra. McDougal alguma vez tenha tido com qualquer homem casado'", lê-se no documento.

Vídeo relaccioando: Kristen Stewart sobre Donald Trump: "Ele estava mesmo obcecado por mim"

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!