activa

Perfil

Celebridades

Scarlett Johansson e Romain Dauriac: um divórcio conturbado

No centro da discórdia está a filha, Rose Dorothy, de apenas três anos.

Activa.pt

Kevork Djansezian

O divórcio de Scarlett Johansson e Romain Dauriac começou por estar longe das luzes da ribalta, mas isso mudou rapidamente e aquilo que era uma negociação privada, tornou-se bastante pública.

Ao fim de dois anos, o casamento chegou ao fim e o processo de divórcio está a ser penoso e demorado para ambos. O advogado de Dauriac, Hal Mayerson, contou à 'PEOPLE' que a custódia da filha do ex-casal, Rose Dorothy, é o ponto que gera mais discórdia: Scarlett solicitou a custódia total da filha e, por sua vez, Dauriac quer que a menina de dois anos viva com ele em França.

Segundo Mayerson, estrela de Hollywood, que viaja muito em trabalho, insiste em "horários híbridos e inconstantes" que não são no melhor interesse do seu cliente.

"Nenhuma mãe ou pai quer ser o babysitter ocasional para outro pai ou mãe", alegou.

Charley Gallay

Agora que Johnasson pediu oficialmente o divórcio, o advogado de Dauriac fez saber que este pretende a custódia partilhada da menina, tendo a custódia física primária, além de "alívio económico" para pensão de alimentos e despesas legais.

Embora Romain tenha sido apanhado de surpresa pelo pedido de divórcio de Scarlett, uma fonte próxima da atriz explica que a decisão não foi tomada com malícia e que a sua equipa legal apenas estava a "dar seguimento a um procedimento standard quando se está a passar por um divorcio".

"O advogado dele parece estar a contradizer-se ao pedir privacidade e depois fazer declarações públicas".

Hal Mayerson discorda: "O ato de pedir o divórcio é um assunto sério no estado de Nova Iorque, ponto".

Entretanto, Scarlett Johansson emitiu um comunicado no qual diz que nunca vai falar sobre a separação.

"Como mãe dedicada e pessoa reservada com completa noção de que a minha filha um dia vai ter idade suficiente para ler notícias sobre ela mesma, gostaria apenas de dizer que nunca vou comentar a dissolução do meu casamento", diz o texto. "Por respeito aos meus desejos enquanto mãe e por respeito por todas as mães trabalhadoras, é com gentileza que peço a outras partes envolvidas e aos meios de comunicação que façam o mesmo".

Vídeo relacionado: Scarlett Johansson não acredita que a monogamia seja algo natural