activa

Perfil

Joe Raedle

Celebridades

Ivanka Trump aconselha mães trabalhadoras em novo livro

A filha de Donald Trump escreveu um livro sobre os malabarismos que as mulheres fazem para equilibrar a carreira e a vida familiar.

Activa.pt

Pool

Ivanka Trump tem três filhos e um lugar na fila da frente do cenário político norte-americano. Aos 35 anos, atingiu a harmonia entre a vida pessoal e profissional e lançou o livro 'Women Who Work: Rewriting the Rules for Success' (algo como “Mulheres Trabalhadoras: Reescrever as Regras do Sucesso).

Na obra, a empresária, a quem foi atribuído um cargo de assistente não-remunerada na administração do pai, Donald Trump, faz a ponte entre as carreiras das mulheres modernas e o trabalho (não menos cansativo) que têm enquanto mães. E Trump saberá bem: é mãe de Arabella (com cinco anos), Joseph (com três anos) e Theodore (de 13 meses).

"Algumas pessoas vão julgar-vos e pensar que somos menos produtivas que elas só porque temos que nos apressar para ir ao recital de dança da filha às seis ou a uma reunião de pais ao meio-dia", avisa.

Instagram

Trump aconselha que as mulheres se dediquem primeiro ao trabalho, tendo em conta a imprevisibilidade do relógio biológico.

“Pode levar até um ano para uma mulher conceber de forma natural", escreveu. "Se escolherem ter filhos cedo na carreira, e decidirem mais tarde voltar ao mercado de trabalho, estejam preparadas para o facto de serem mais velhas que colegas ao mesmo nível [profissional]”.

A carteira de Ivanka não vai engordar com as vendas do livro, uma vez que já anunciou que vai doar os lucros para a caridade. A imprensa norte-americana, citando informações divulgadas pela própria Casa Branca, estima que Ivanka deverá valer, em conjunto com o marido Jared Kushner (que tem a cargo várias pastas da Administração Trump), pelo menos 740 milhões de dólares - ou cerca de 680 milhões de euros. A empresária também confirmou que não irá participar em nenhuma tour publicitária ao livro, justificando a decisão com a vontade de evitar que a acusem de utilizar a sua posição oficial na em Washington D.C. para promover as vendas do livro.

À revista 'PEOPLE', a empresária afirmou que a obra é um “projeto pessoal”, terminado antes das eleições presidenciais de novembro de 2016, “na perspetiva de uma executiva e uma empreendedora”. A autora é ainda o rosto da Ivanka Trump Fine Jewelry, uma marca de joalharia que já deu que falar pelos conflitos de interesse entre o universo político do pai e o empresarial da filha.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!