activa

Perfil

Celebridades

Calvin Harris revela por que perdeu a cabeça com Taylor Swift

O DJ e produtor falou pela primeira vez sobre a desavença muito pública com a ex-namorada.

Cláudia Turpin

Pascal Le Segretain

Calvin Harris e Taylor Swift certamente tiveram a sua quota de desavenças após o fim do namoro.

Mas, ao contrário dos ex famosos da cantora que normalmente se limitam a ser protagonistas de canções pós separação, o DJ fez-lhe frente com um conjunto de tweets muito pouco simpáticos.

Tudo aconteceu por causa da canção 'This is what you came for'. Enquanto ainda estavam juntos, Taylor escreveu a letra e gravou uma demo no seu telemóvel, que mais tarde enviou a Calvin. Os dois sabiam que tinham um hit em mãos e concordaram que era má ideia que o mundo soubesse da colaboração, visto que essa informação poderia ofuscar o resultado final. Portanto Swift, que manteve os direitos de autor, usou o pseudónimo Nils Sjoberg nos créditos.

A versão final, já com a participação de Rihanna, tornou-se mesmo um êxito, mas condenou o romance. Durante uma entrevista, Ryan Seacrest perguntou a Harris se se via a colaborar com a então namorada, ao que o convidado respondeu: "nunca sequer falámos disso. Não vejo isso a acontecer".

Swift terá ficado magoada com as declarações e sentiu que o produtor levou as coisas longe demais. Por sua vez, o artista britânico viu a divulgação do verdadeiro autor da música como uma tentativa de o 'enterrar' e disse de sua justiça na rede social Twittter.

"Eu escrevi e produzi a música, e fiz os arranjos vocais. E inicialmente ela queria manter tudo em segredo, daí o pseudónimo. Magoa-me que ela e a sua equipa vão tão longe para tentar fazer-me parecer mal", escreveu. "Pensei que estivesses feliz na tua nova relação e devias focar-te nisso em vez de tentar destruir o teu ex só para teres algo que fazer", continuou. "Sei que não estás em digressão e precisas de alguém novo para enterrar como fizeste com a Katy, etc. mas desculpa, eu não sou essa pessoa. Não vou permitir".

Reprodução

Agora, olhando para trás, Calvin Harris admite que gostaria de ter lidado com a situação de forma diferente.

"Foi completamente o instinto errado", disse em entrevista à 'GQ'. "Estava a proteger aquilo que vejo como o meu único talento no mundo a ser denegrido. Senti que as coisas se estavam a amontoar em cima de mim, e foi aí que me passei".

A estrela explicou ainda quão difícil é terminar um romance perante o olhar e escrutínio público, especialmente quando não se está confortável com o papel de celebridade.

"As consequências da relação foram muito mais mediáticas que a relação em si", continuou. "Quando estávamos juntos, tínhamos cuidado para não se tornar um circo mediático. Ela respeitava os meus sentimentos nesse sentido. Não sou bom a ser uma celebridade. Mas quando acabou, tudo se descontrolou", explicou. "Agora vejo que isso do Twitter era eu a ceder à pressão. Levei algum tempo a perceber que nada disso importa. Sou um tipo positivo".

O ex-casal separou-se em 2016 depois de 15 meses de namoro. Taylor entretanto seguiu em frente com Tom Hiddleston, com quem terminou em setembro do ano passado. O seu romance mais recente é com outro ator britânico, Joe Alwyn.

Vídeo relacionado: Katy Perry pede desculpa a Taylor Swift

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!