activa

Perfil

Celebridades

Foi esta a forma subtil que Meghan encontrou para se proteger do Zika?

Um vestido pode ser bem mais do que um vestido.

Activa.pt

Pool/Samir Hussein

Na passada segunda-feira, os duques de Sussex aterraram nas ilhas Fiji, zona que foi recentemente afetada pelo vírus Zika. Ora, estando Meghan grávida, as precauções deveriam ser ainda maiores. Em vez de faltar aos eventos agendados, a ex-atriz decidiu proteger-se de uma forma simples e, em simultâneo, elegante.

"Usar mangas compridas e roupas largas poderá ajudar. Os mosquitos conseguem mesmo picar através de calças de ganga, pelo que, com roupa não tão justa, torna-se mais difícil", referiu James G. Logan, responsável pelo departamento do controlo de doenças da London School of Hygiene and Tropical Medicine, acrescentando que é provável que a mulher de Harry use ainda um repelente de mosquitos.

Ora, se olharmos para os looks da duquesa enquanto esteve nas ilhas, é fácil perceber que teve alguns cuidados, ao seguir as dicas referidas. Além disso, "Usar roupas claras também pode ajudar, já que os mosquitos são normalmente atraídos por tons escuros. Também ajuda pelo facto de, assim, serem mais facilmente detetatos", acrescentou Logan.

Este é um vírus transmitido através da picada de mosquito e, durante a gravidez, poderá causar problemas no bebé, como a microcefalia, uma condição na qual o cérebro não se desenvolve corretamente, ficando menor que o suposto, cegueira, surdez, entre outras complicações.

Pool/Samir Hussein

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!