activa

Perfil

Celebridades

Mandy Moore acerca do casamento com Ryan Adams: "Foi pesado, negro e solitário"

O cantor é, agora, acusado pela ex-companheira e mais seis mulheres de assédio sexual.

Activa.pt

Mandy Moore

Mandy Moore

John Shearer

Casada desde novembro de 2018 com Taylor Goldsmith, Mandy Moore revelou detalhes inéditos acerca do casamento anterior, com Ryan Adams, que durou cerca de seis anos. No passado dia 13 de fevereiro, o New York Times publicou um artigo em que, além da atriz, outras seis mulheres acusavam o músico de ser uma pessoa manipulativa e controladora.

Enquanto alguém que sempre tentou espalhar alegria através da música e da minha vida, ouvir que algumas pessoas acreditam que lhes causei algum tipo de dor, entristece-me profundamente. Empenho-me em ser o melhor homem que posso", escreveu Adams, no Twitter, após sair a história do jornal, seguindo-se um pedido de desculpas e a garantia de que nunca se tentaria aproximar de alguém menor de idade, acusando a reportagem de ter detalhes incorretos e exagerados.

Morre disse à publicação que, quando começou a sua carreira musical, em 2010, o companheiro a desencorajou de procurar outros produtores, e que, após escreverem músicas juntos, ele a "substituía por outras artistas femininas" quando chegava a hora de gravar as composições. "O comportamento controlador dele bloqueou a minha habilidade de fazer novos contactos na indústria durante um período inicial e potencialmente lucrativo", acrescentou, caracterizando-o como uma pessoa "psicologicamente abusiva". Através do advogado Andrew B. Brettler, Ryan Adams veio negar estas acusações da ex-mulher

Ryan Adams

Ryan Adams

Em 2016, quando o divórcio de ambos foi finalizado, a atriz deu uma entrevista exclusiva à revista People, na qual afirnou, "a minha história desviou-se da direção que eu esperava. Mas, no final de contas, a vida é sobre ser feliz e realizada e, por vezes, isso significa que temos de fazer escolhas difíceis. Há momentos de ficar encolhida no chão. É muito difícil. Mas segui em frente e progredi das fases de luto e irritação. Acredito que tudo acontece por um motivo, e esse mantra tem-me feito superar os maus momentos".

Embora tenha admitido que a relação teve momentos muito felizes, a atriz acabou por revelar ter chegado a um momento em que não se sentia realizada, em que acreditava estar a deixar os seus sonhos para trás.

Numa outra entrevista, desta vez para a Glamour, Mandy disse não se sentir culpada pelo divórcio, "Só deveria lamentar se tivesse ficado numa situação pouco saudável. Não fiquei. Encontrei uma saída. E quando o fiz, começaram a abrir-se portas novamente".

A resposta de Ryan não tardou e, após a atriz falar acerca do divórcio de forma pública, seguiram-se vários tweets contra ela,marcados pela ironia. Um dia depois, uma fonte próxima do ex-casal disse à revista People que o músico "por vezes, era terrível para a Mandy, quando estavam casados. Ele tinha muitos problemas. Diminuía-a frequentemente.Era egoísta e centrou tudo nele", acrescentando que a atriz "sempre tentou ser uma boa mulher e amiga, mas ele tornou isso impossível".

Eventualmente, tudo se compôs e Moore veio a conhecer o atual marido, com quem demonstra ter uma relação bastante saudável e feliz. Uns dias antes do recente casamento, em novembro de 2018, o site Bustle divulgou um artigo em que a atriz fez uma reflexão sentida acerca do último relacionamento. "Foi pesado, negro, confuso e solitário. Não havia espaço para mim nem para algo extra na minha vida. Pus toda a minha pressão em encontrar alguma realização através de uma perspetiva de carreira, unicamente", rematou.

Mandy e o atual marido, Taylor

Mandy e o atual marido, Taylor