activa

Perfil

Celebridades

Os 3 segredos de Cameron Diaz para envelhecer com saúde e de forma graciosa

Complementam-se e são muito simples.

Activa.pt

Tibrina Hobson

"Por volta do meu 40º aniversário, comecei a pensar no que signifaca envelhecer," escreve Cameron Diaz na introdução do livro The Longevity Book (2016). Inspirada a aprender mais sobre como o passar do tempo afeta os nossos corpos, a estrela começou a viajar pelo país e a consultar especialistas no assunto. O que aprendeu? São as coisas simples na vida que têm os maiores efeitos à medida que ficamos mais velhos.

"Consumir alimentos nutritivos, movermo-nos com frequência e descansar o suficiente são os fatores chave para um envelhecimento saudável," concluiu.

No excerto abaixo, Diaz descreve a sua fórmula ideal para um dia "perfeito".

Acordo descansada de uma noite de sono e sonhos. A primeira coisa que faço é a minha cama, alisando os cobertores com propósito, porque isto é um dos rituais que, para mim, maram o início de um novo dia. Depois lavo os dentes, bebo um litro de água e medito durante 20 minutos, porque relaxa o meu corpo e cérebro, deixando-me num estado calmo e energético. Depois é altura de comer, alguma proteína, hidratos de carbono e gordura [saudável] - talvez uma torrada de abacate ou uma taça de aveia. Depois disso, treino. Toda esta rotina demora cerca de uma hora e 15 minutos do início ao fim, e o equilíbrio destes componentes - descanso, nutrição e movimento - é o que descobri ser a fórmula perfeita para me deixar com energia, entusiasmada e pronta para o resto do dia.

Durante o meu dia, tento ter consciência dos alimentos que ingiro e do meu movimento. Como me sinto indica se me dei um descanso, nutrição e atividade adequados. Se for ativa sem alimento suficiente, sinto-me esgotada. Se comer demasiado e me mexer muito pouco, dói-me a barriga ou sinto-me lenta e pesada. Se me mexer durante o dia e abastecer esse movimento com snacks saudáveis constantes, a minha energia mantém-se.

Janto cedo, porque não gosto de ir dormir cheia. À noite é altura de inverter aquele fluxo de energia e começar a descontrair. Portanto evito alimentos pesados antes da hora de me deitar. Certifico-me de que o meu quarto está escuro. Mantenho todos os equipamentos eletrónicos e as suas luzes intermitentes azuis, verdes e vermelhas fora do meu espaço para dormir. Crio o melhor ambiente para descanso possível para mim mesma, para que possa ter energia no dia seguinte. E de manhã acordo, e o processo começa de novo.

É claro que este dia perfeito é imaginário, porque nenhum dia é perfeito. Mas qualquer dia em que eu implemente alguma versão desta fórmula é melhor que aqueles em que não o faça. Se eu não dormir bem, se saltar o pequeno-almoço ou comer algo que parece rico e delicioso de um menu que acaba por ser demasiado rico e delicioso, se faltar ao treino porque tenho muitas reuniões que parecem mais importantes no momento - bem, sofro por causa disso, tal como todos sofremos por escolhermos não tomar conta de nós mesmos. E apenas um elemento da trindade não é suficiente, e dois de três também não funcionam. Deixar que essas necessidades básicas se tornarem desequilibradas prejudica os nossos corações e cérebros, e acelera a taxa de envelhecimento nas nossas células e órgãos. Nenhum dia é perfeito, mas alguns dias parecem aproximar-se mais do que outros.