activa

Perfil

Celebridades

Conheça as histórias trágicas destes 4 youtubers

Qual o preço da fama?

Activa.pt

Seja por divertimento, seja pela ambição da fama, a verdade é que muitos youtubers vão longe demais. E lidar com a pressão, com os comentários dos fãs (ou nem tanto) ou mesmo com a própria vida pessoal nem sempre é fácil, quando tudo é tão público. Numa altura em que o debate sobre a saúde mental é tão importante, reunimos quatro histórias de youtubers cujo final não foi feliz.

ETIKA

Etika

Etika

A 19 de junho de 2019, Desmond Amofah, mais conhecido por Etika, no mundo dos gamers, foi dado como desaparecido. Cinco dias depois, foi encontrado morto, dentro de água, perto do bairro South Street Seaport, em Manhattan. E tudo isto aconteceu na sequência de um alarmante vídeo de quase 8 minutos em que, repetidamente, pediu desculpa por ter afastado tanta gente.

"Gostava que não tivesse de ser desta forma. Mas, infelizmente, estou a quebrar as minhas próprias regras...Não devia ter afastado tanta gente. Agora, não tenho ninguém", chegou a dizer, na gravação. Além dos vídeos acerca de jogos, o youtuber ficou conhecido pelos comentários irreverentes, nomeadamente acerca da insignificância da morte.

PEDRO RUIZ

Pedro Ruiz e Monalisa Perez

Pedro Ruiz e Monalisa Perez

De acordo com a namorada, Monalisa Perez, autora do canal de youtube La MonaLisa, Ruiz era viciado em adrenalina. Youtuber em crescimento, quis fazer um vídeo viral, colocando em risco a própria vida. A ideia era que a namorada - grávida, na altura -disparasse uma arma contra o seu peito, na esperança de que o livro que segurava à frente bloqueasse a bala.

"Não consigo fazer isto, estou tão assustada. Se eu te matar o que é que acontece à minha vida? Isto não está certo...", dizia Perez, em lágrimas, enquanto segurava a arma e Pedro a apressava para disparar, garantindo-lhe que a enciclopédia era larga o suficiente para impedir que ele se magoasse. A jovem acabou por ceder e Pedro foi atingido, em frente a 30 testemunhas, incluindo a filha de 3 anos. Morreu mesmo antes de ser levado para o hospital.

CHRISTINA GRIMMIE

Christina Grimmie

Christina Grimmie

Ganhou milhões de seguidores após participar no The Voice 2014, mas já era conhecida anteriormente, graças às covers de músicas de artistas famosos que fazia no youtube. Tornou-se bastante popular e o seu trabalho era admirado por milhões. Incluíndo um fã dissimulado.

Em 2016, enquanto dava autógrafos e tirava fotografias após uma atuação em Orlando, foi morta por um homem que era obcecado com ela desde o ano anterior, de acordo com as autoridades. Achava que a cantora era a sua "alma gémea" e "via tudo o que tinha a ver com ela". ainda assim, de acordo com um amigo do autor do homicídio - que disparou uma arma em direção à artista - este nunca tinha falado em magoá-la. Após ser abordado pelo irmão de Grimmie, o homem suicidou-se.

WU YONGNING

Wu Yongning

Wu Yongning

Este youtuber tornou-se mundialmente famoso pelas imagens que conseguia no topo dos edifícios mais altos que se possa imaginar. Em novembro de 2017, escalava um arranha-céus em direto, em Changsha, sem qualquer segurança. Fazia-o no âmbito de um desafio que lhe podia fazer ganhar um prémio de cerca de 18 mil euros.

Ora, de acordo com relatos da família, em entrevista no Xiaoxiang Morning Herald, o jovem precisava do dinheiro para pedir a namorada em casamento no dia seguinte ao desafio, bem como para ajudar a mãe doente.Nunca chegou a conseguir fazê-lo, já que caiu do gigante edifício - um vídeo que ainda hoje circula pela internet.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!