Inglês em ponto pequeno

Ensinar inglês a um aluno de 14 anos, qualquer professor sabe. Mas ensinar esta língua a crianças muito pequenas implica algumas mudanças de método

Catarina Fonseca/Activa
17 Março 2009, 22:31

Imaginem uma criança de quatro anos. Está sentada na pontinha da cadeira. Ri-se, fala com a amiga do lado, dá pontapés ao da frente, depois distrai-se com a formiga no chão, ou é um avião que vai a passar, ou começa a fazer desenhos na folha, isto para não dizer que se aguenta sentada três minutos. Agora tentem ensinar-lhe uma língua nova…

Isabel Flores, professora de Inglês, percebeu esta lacuna: até agora, ensinava-se uma língua nova maioritariamente a adolescentes. Com a mudança de estratégia escolar, começou a ensinar-se cada vez mais cedo. Problema: ensinar crianças de três anos não era a mesma coisa que ensinar um pré-adolescente. "Os professores não tinham nem experiência nem formação nem material para crianças pequenas. Só ouvia gente a dizer-me: 'Isto é tudo muito bonito, mas não sabemos como ensiná-los. Não lhes vamos dar gramática...' Crianças de quatro anos concentram-se pouco, e se não percebem, concentram-se ainda menos…"

Isabel decidiu então criar o seu próprio material de ensino, baseado numa forma diferente de aprender uma língua estrangeira, aproveitando material recolhido ao longo dos anos de experiência, a que deu um lado lúdico. Assim nasceu o site www.key4english. com, que fornece material de aprendizagem tanto a pais como a professores de crianças mais pequenas.



"A grande diferença é que podemos descarregar só o que queremos, não é um manual de curso, dá para seleccionar o que se quer, dependendo dos grupos e das crianças", explica a sua criadora. "É mais flexível e muito mais barato."

Aprendendo a ouvir

No método de Isabel, a imagem é sempre o ponto de partida, e não há traduções. "A maior parte dos meus alunos não sabe escrever, portanto, aprendem sobretudo pela oralidade. Temos jogos, ideias para aulas de arte, histórias e documentos de som. É assim que se aprende uma língua: quando nascemos não sabemos escrever… A ideia é introduzir vocabulário como se fosse a língua materna." Ainda por cima, falamos muito melhor quando não sabemos como é que se escreve. "Reparei que, quando os miúdos aprendem com base na leitura, a memorização é muito menor."

Os resultados práticos têm sido os melhores: "As crianças adoram, cada aula é uma festa. Faço aulas abertas com os pais e muitos me dizem que eles próprios se fartam de aprender coisas com os filhos. As crianças corrigem-nos imenso, especialmente a pronúncia."

Imagem

Junte-se à festa

www.key4english.com fornece materiais de aprendizagem a pais e professores de crianças entre os três e os 12 anos. Para se tornar sócia, basta pagar uma anuidade de 40 euros para poder fazer os downloads que quiser: cartões, jogos, exercícios, histórias, artes, gramática, e também há material físico que pode ser enviado. Na Bertrand e no El Corte Inglés pode comprar alguns livros e kits de aprendizagem, e em breve estará disponível um CD de download.

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

RECEBA GRÁTIS NO SEU EMAIL AS NOTÍCIAS QUE ESCOLHEMOS PARA SI!

SUBSCREVA AQUI!

Pesquise as melhores ofertas de emprego para si

últimas da TVMAIS

as nossas escolhas

Activa, tudo o que você é.

ASSINATURAS

A sua revista com ofertas e descontos até 60%

MOBILE

No seu telemóvel ou tablet, todos os dias

LOJA

X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .