activa

Perfil

Estilo de Vida

Aqui, o 'Zero' é só no nome

Aos amantes de gastronomia italiana: esta casa é um 'must-go'.

Filipa Bulha Pereira

Numa escala de 0 a 10, este restaurante é um claro 10. Se olharmos para o nome, a história é outra. Na pizzeria ZeroZero, tudo é saboroso: desde o que nos é colocado nos pratos, ao ambiente em que somos convidados a desfrutar de uma refeição da qual - garantidamente - não saímos menos que cheios. A menos que tenhamos uma força de vontade digna de super-herói.

O serviço também não deixa a desejar. Somos recebidos com um sorriso, é-nos explicada a confeção dos pratos e, na altura de servir, se assim desejarmos, podemos degustar queijo ralado na hora - a quantidade fica, felizmente, à nossa mercê - ou ser surpreendidos por um moinho de pimenta cujo tamanho dificilmente deixa alguém indiferente.

No menu, há cocktails de fazer crescer água (ou vodka) na boca - experimente o Passione ou o Soprano, este último com gin - e as pizzas não ficam mesmo nada atrás. Mas comecemos pelo início: as entradas. Não pode deixar de provar o Carpaccio di Manzo, com rúcula, pistácio, queijo pecorino e um molho que preferimos não saber o que leva. É um segredo dos deuses e o comum mortal poderia estragá-lo. E se é fã de presunto cortado bem fininho, experimente a Burrata con Prosciutto. Não ficará desiludido.

Nas Pastas, o spaghetti ai gamberi é um clássico (que, ainda assim, consegue surpreender). E se, pela carta, encontramos risottos e saladas, é nas pizzas que nos perdemos. As escolhas são infinitas, ou quase, e os sabores difíceis de escolher. Desde as mais leves, como a de Prosciutto Crudo di Parma e Bufala Campana Dop, às picantes, como a deliciosa Diavola, passando pelas mais 'fortes', como a de Tartufi e Porcini, não há como não gostar.

Num dia de primavera ou verão, a esplanada é imperdível. Nada melhor do que estar no centro da cidade, com muito pouco em redor a defini-la como tal. Se quer esquecer, por momentos, o frenetismo lisboeta, esta 'floresta', mesmo à beira do rio Tejo, é a localização ideal.

Caso prefira um ambiente mais acolhedor, no interior, as plantas são substituídas por uma luz amarelada, muita madeira, duas paredes decoradas com a lenha destinada à confeção das pizzas - num forno à vista de todos -, ou mesmo uma charcutaria na qual pode mesmo fazer compras.

A originalidade, ambiente, diversidade do menu, qualidade dos ingredientes, atendimento, e, sobretudo, sabor, não poderiam ser menos que um 10/10. Já as críticas negativas, a falta de sal, o açúcar (nunca a mais) - basta provar o cremoso Tiramisú ou o crocante mil folhas de caramelo salgado para perceber do que falamos - ou a decoração de mau gosto são um evidente ZeroZero. E não poderia ser de outra forma.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!