Afinal, onde andam os sete milhões que Amber Heard prometeu doar para caridade?

A atriz explicou por que motivo ainda não cumpriu a promessa que fez a duas instituições em agosto.

Cláudia Turpin
29/11/2016 15:01
GettyImages-520788724.jpg

Jason Kempin

No passado mês de agosto, Amber Heard ganhou sete milhões de dólares no acordo de divórcio a que chegou com Johnny Depp e prometeu repartir o valor entre duas instituições. O problema é que nenhuma delas viu um cêntimo até agora.

Conforntada com a questão, a atriz fez saber que a associação American Civil Liberties Union e o Hospital Infantil de Los Angeles podem respirar de alívio. Segundo o seu advogado, Pierce O'Donnell, o atraso prende-se simplesmente com o facto de o ex-casal ainda não ter assinado o divórcio.

"Os documentos do acordo estão a ser finalizados e serão assinados esta semana", explicou ao 'E! News'. "Segundo o acordo, o Johnny é obrigado a pagar à Amber, que por sua vez vai honrar as promessas ao Hospital de Crianças e à American Civil Liberties Union", continuou. "O compromisso da Amber com proteger vítimas de violência doméstica e ajudar crianças doentes é a sua missão".

Recorde-se que recentemente Amber protagonizou um video emocionante, cujo objetivo é consciencializar a população para a violência doméstica. Visivelmente emocionada, fala diretamente para a câmara enquanto descreve a "vergonha" que sentiu durante a sua experiência - sem nunca mencionar o ex. O'Donnel acrescentou ainda que o anúncio "não viola o acordo com Johnny".

"Ela vai continuar a dar a sua voz ao coro em ascensão de mulheres que falam sobre este terrível flagelo na família americana".

Artigos Relacionados

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

cada vez mais, ACTIVA!

Assinaturas

A sua revista com ofertas e descontos até 55%

Mobile

No seu telemóvel ou tablet, todos os dias

Facebook

Twitter