activa

Perfil

Filhos

Prevenir a gripe com a Homeopatia

Não espere pelo inverno para atacar a gripe. Se a sua criança é daquelas que anda sempre de nariz tapado, use a homeopatia como aliada e aposte na prevenção.

Activa.pt

Todas as mães sabem: assim que eles entram para o infantário, apanham tudo uns dos outros – principalmente vírus. Como também todas as mães sabem, a gripe é das doenças mais ‘partilhadas’ pelas crianças: basta um deles começar a espirrar e os outros vão atrás.

O vírus da gripe é especialmente contagioso, por várias razões: o sistema imunitário das crianças ainda é pouco desenvolvido, e as creches e infantários também são creches... de vírus.

“Os infantários são espaços fechados e durante os meses frios, menos arejados, condicionam maior concentração de vírus”, explica a pediatra Marisol Anselmo. “Quando uma criança tosse ou espirra, pode contagiar facilmente quem está perto. O convívio próximo e a partilha de chupetas ou brinquedos são meios fáceis de contágio.”

Qual a diferença entre uma gripe e uma simples constipação? A constipação pode não dar febre e a criança anda bem disposta e come normalmente; com uma gripe, já vem a febre, tosse, espirros e dores musculares. A criança anda apática, recusa brincar e comer, e o pior é quando o resto da família ‘partilha’ o vírus.

Receita antigripe

A melhor forma de manter a gripe à distância é fortalecer o sistema imunitário da criança: alimente-a bem (com vegetais, frutas, iogurte natural e proteína, esquecendo os doces e os produtos processados), ponha-a a dormir a horas, proteja-o do frio (principalmente a zona do pescoço e peito) e use a homeopatia como aliada, pois esta é uma forma de ajudar a manter a gripe à distância. “A homeopatia como medicação não tóxica e como reforço do sistema imunitário é uma forte aposta para as crianças, mas o tratamento preventivo deve ser iniciado entre setembro e outubro”, explica Marisol Anselmo.

A prevenção também pode e deve ser alargada aos pais e restantes familiares que convivem no mesmo ambiente, de modo a que toda a família possa ficar mais protegida.

O que tomar

(Medicação aconselhada pela pediatra Marisol Anselmo).

Rodrigo, 20 meses, sempre constipado: Tomar Anas barbariae 200K, 1 tubo  de glóbulos ao fim de semana, e diariamente o Silicea 30CH, 5 grânulos de manhã. Pode ser acrescentado o Influenzinum 15CH, 10 grânulos uma vez por semana.

João, 2 anos, com bronquiolites que se repetem: A prevenção pode ser feita com Blatta orientallis 30CH e Equinacea 9CH, 5 grânulos de cada uma vez por dia, e Anas barbariae 200K, um tubo de glóbulos ao fim de semana.