activa

Perfil

Moda

Tendências outono-inverno: tudo o que se vai usar na nova estação

O regresso do preto, as cores vitaminadas, o estilo masculino e boémio são algumas das tendências-chave da moda para este outono-inverno.

Activa.pt

Boémio: descontraído e blasé, esta tendência combina veludos com peles pintadas, penas e casacos de pelo, sintético ou verdadeiro (foto: Dior)

Boémio: descontraído e blasé, esta tendência combina veludos com peles pintadas, penas e casacos de pelo, sintético ou verdadeiro (foto: Dior)

Boémio: descontraído e blasé, esta tendência combina veludos com peles pintadas, penas e casacos de pelo, sintético ou verdadeiro (foto: Dior)

Boémio: descontraído e blasé, esta tendência combina veludos com peles pintadas, penas e casacos de pelo, sintético ou verdadeiro (foto: Dior)

Boyish: a contrastar com silhuetas ultrafeminas, as passarelas encheram-se de modelos masculinos, com camisas, fatos, gravatas, smokings e sapatos de atacadores (foto: Dolce&Gabbana)

Boyish: a contrastar com silhuetas ultrafeminas, as passarelas encheram-se de modelos masculinos, com camisas, fatos, gravatas, smokings e sapatos de atacadores (foto: Dolce&Gabbana)

Boyish: a contrastar com silhuetas ultrafeminas, as passarelas encheram-se de modelos masculinos, com camisas, fatos, gravatas, smokings e sapatos de atacadores (foto: Dolce&Gabbana)

Boyish: a contrastar com silhuetas ultrafeminas, as passarelas encheram-se de modelos masculinos, com camisas, fatos, gravatas, smokings e sapatos de atacadores (foto: Dolce&Gabbana)

Boyish: a contrastar com silhuetas ultrafeminas, as passarelas encheram-se de modelos masculinos, com camisas, fatos, gravatas, smokings e sapatos de atacadores (foto: Dolce&Gabbana)

Boyish: a contrastar com silhuetas ultrafeminas, as passarelas encheram-se de modelos masculinos, com camisas, fatos, gravatas, smokings e sapatos de atacadores (foto: Dolce&Gabbana)

Fetiche: a moda explora o erotismo latente em elementos fetichistas, como botas, corpetes, fardas, fatos e vestidos em pele (foto: Louis Vuitton)

Fetiche: a moda explora o erotismo latente em elementos fetichistas, como botas, corpetes, fardas, fatos e vestidos em pele (foto: Louis Vuitton)

Fetiche: a moda explora o erotismo latente em elementos fetichistas, como botas, corpetes, fardas, fatos e vestidos em pele (foto: Louis Vuitton)

Fetiche: a moda explora o erotismo latente em elementos fetichistas, como botas, corpetes, fardas, fatos e vestidos em pele (foto: Louis Vuitton)

Fetiche: a moda explora o erotismo latente em elementos fetichistas, como botas, corpetes, fardas, fatos e vestidos em pele (foto: Alexander McQueen)

Fetiche: a moda explora o erotismo latente em elementos fetichistas, como botas, corpetes, fardas, fatos e vestidos em pele (foto: Alexander McQueen)

Futurismo retro: silhuetas inspiradas nos anos 60 e materiais futuristas, como látez e escamas de vinil (foto: Jean Paul Gaultier)

Futurismo retro: silhuetas inspiradas nos anos 60 e materiais futuristas, como látez e escamas de vinil (foto: Jean Paul Gaultier)

Futurismo retro: silhuetas inspiradas nos anos 60 e materiais futuristas, como látez e escamas de vinil (foto: Prada)

Futurismo retro: silhuetas inspiradas nos anos 60 e materiais futuristas, como látez e escamas de vinil (foto: Prada)

Glam Rock: pele metalizada, bordados metálicos, calças skinny, vestidos de cabedal e acessórios com muito brilho estão na ordem do dia (foto: Dolce&Gabbana)

Glam Rock: pele metalizada, bordados metálicos, calças skinny, vestidos de cabedal e acessórios com muito brilho estão na ordem do dia (foto: Dolce&Gabbana)

Híbridos: Neste estação, misturam-se materiais nobres, como veludo, seda e lantejoulas, com os rústicos, como malhas, fazenda e lã (foto:Dolce&Gabbana)

Híbridos: Neste estação, misturam-se materiais nobres, como veludo, seda e lantejoulas, com os rústicos, como malhas, fazenda e lã (foto:Dolce&Gabbana)

Glamour: o luxo chega através de peles, verdadeiras ou sintéticas, em tons vibrantes ou naturais (foto: Gucci)

Glamour: o luxo chega através de peles, verdadeiras ou sintéticas, em tons vibrantes ou naturais (foto: Gucci)

Híbridos: Neste estação, misturam-se materiais nobres, como veludo, seda e lantejoulas, com os rústicos, como malhas, fazenda e lã (foto: Jean Paul Gualtier)

Híbridos: Neste estação, misturam-se materiais nobres, como veludo, seda e lantejoulas, com os rústicos, como malhas, fazenda e lã (foto: Jean Paul Gualtier)

Minimalismo retro: linhas depuradas, materiais nobres e cortes impecáveis (foto: Lanvin)

Minimalismo retro: linhas depuradas, materiais nobres e cortes impecáveis (foto: Lanvin)

Minimalismo retro: linhas depuradas, materiais nobres e cortes impecáveis (foto: Lanvin)

Minimalismo retro: linhas depuradas, materiais nobres e cortes impecáveis (foto: Lanvin)

Neo burguês: um novo olhar sobre a mulher de alta sociedade: estampados piton, misturas inusitadas de padrões e tecidos rejuvenescem o guarda-roupa mais tradicional (foto: Gucci)

Neo burguês: um novo olhar sobre a mulher de alta sociedade: estampados piton, misturas inusitadas de padrões e tecidos rejuvenescem o guarda-roupa mais tradicional (foto: Gucci)

Dark Thriller: o preto dá o toque dramático a uma silhueta sensual e glamourosa (foto: Mango)

Dark Thriller: o preto dá o toque dramático a uma silhueta sensual e glamourosa (foto: Mango)

Revivalismo: os anos 60 e 70 serviram de inspiração para looks marcados pelos casacos 3/4, minissais, vestidos plissados, sapatos presilha e blusas de laçada (foto: Gucci)

Revivalismo: os anos 60 e 70 serviram de inspiração para looks marcados pelos casacos 3/4, minissais, vestidos plissados, sapatos presilha e blusas de laçada (foto: Gucci)

Snow White: o branco total esteve presente em todos os desfiles, em versões clássicas, desportivas ou exuberantes (foto: Alexander McQueen)

Snow White: o branco total esteve presente em todos os desfiles, em versões clássicas, desportivas ou exuberantes (foto: Alexander McQueen)

Cores vitaminadas: o encarnado, laranja, amarelo e roxo são uma das tendências deste outono-inverno, para usar em visuais monocromáticos (foto: Lanvin)

Cores vitaminadas: o encarnado, laranja, amarelo e roxo são uma das tendências deste outono-inverno, para usar em visuais monocromáticos (foto: Lanvin)

A moda está, pela sua essência - transitória e criativa - condenada a uma eterna transformação, readaptação, reinvenção. Duas vezes por ano, quando mudam as estações, mudam também as tendências e aparecem novas peças base, inspirações e looks que se confirmam como os essenciais da estação, fundados nas coleções que foram apresentadas nas passarelas dos principais desfiles de moda do mundo - Nova Iorque, Londres, Milão, Paris. E este outono-inverno, a oferta é para todos os gostos, do look masculino à inspiração boémia, dos modelos trazidos de volta dos anos sessenta e setenta, aos pormenores fetichistas e dark, todas podemos escolher o que vamos usar, de acordo com o nosso gosto e a nossa bolsa!

Veja também os modelos de botas, botins e sapatos que vamos usar este outono-inverno

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!