activa

s

Perfil

Saúde e Beleza

Cirurgia íntima: fomos saber em que consiste e porque é cada vez mais procurada pelas mulheres

A revista ACTIVA esteve à conversa com o Dr. Francisco Ibérico Nogueira sobre cirurgias íntimas, mais precisamente, labioplastias. Porque começaram a ser feitas, o seu objetivo e como se processam foram alguns dos tópicos abordados.

Catarina Palma

EHStock

A labioplastia é uma cirurgia estética da redução dos pequenos lábio vaginais sendo cada vez mais procurada pelas mulheres que se preocupam com a aparência do seu órgão sexual, com o objetivo de se sentirem mais auto-confiantes.

Em entrevista com o Drº Francisco Ibérico Nogueira, cirurgião plástico na ClinicaIn, aprofundámos mais o tema da saúde estética a nível íntimo.

O cirurgião é filho de ginecologista e obstetra e conta que, quando terminou a faculdade, já ajudava o pai neste tipo de intervenções.

Trata-se de uma cirurgia reconstrutiva que tem vindo a ser cada vez mais procurada devido à tendência da depilação brasileira total e ao desaparecimento dos tabus relacionados com a cirurgia estética e íntima. Segundo o especialista, há duas razões que levam as mulheres a procurarem esta cirurgia, sendo elas a existência de "algumas dismorfias inestéticas da região íntima vaginal" que estão mais à mostra e, também, "a hipertrofia, portanto, o desenvolvimento exagerado dos pequenos lábios [que] pode perturbar as relações sexuais normais".

Todas as mulheres podem recorrer à labioplastia desde que não possuam nenhuma contra-indicação, sendo estas intervenções efectuadas sob anestesia local sem exigir internamento.

Após a cirurgia, o desconforto é quase inexistente, uma vez que a equipa utiliza cremes cicatrizantes e mantém o contacto com compressas frias ou sacos com gelo durante algumas horas. Segundo o cirurgião, "damos um pequeno analgésico para uma dorzita que seja mais desagradável".

A recuperação depende do organismo de cada pessoa, mas por volta de cerca de 15 dias os pontos são reabsorvidos e, ao fim de um mês, a mulher "pode começar a recuperar as suas atividades normais de ato sexual". A intervenção não só age a nível estético, o que é visível, mas também para fisiológico, ao contribuir para "uma melhor autoconfiança da mulher", segundo o especialista.

As pacientes mais jovens são as que mais procuram a redução dos pequenos lábios vaginais que se tornam "esteticamente desagradáveis" após a depilação total. A cirurgia é eficaz e a clínica, segundo o Drº Nogueira, tem "tido um alto índice de satisfação dos pacientes". Aquando a intervenção apenas é precisa uma ida à consulta após os pontos reabsorvidos, não tendo que voltar à clínica.

A labioplastica nada tem a ver com as consequências de uma gravidez, uma vez que a esta intervenção não contribui para a redução do alargamento causado ao canal vaginal durante o parto.

A respetiva cirurgia tem um valor aproximado de 1800 a 3000 euros.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!