activa

Perfil

Saúde e Beleza

Descubra os segredos das mulheres que nunca se sentem cansadas

A primavera é aquela altura em que tudo parece voltar à vida. Estranhamente, também é a época do ano em que nos sentimos mais cansadas. Aqui ficam muitas ideias rápidas para um dia de guerra à moleeeeeeeza.

Catarina Fonseca

Getty Images/iStockphoto

Imite o seu gato: Acabou de acordar? Então espreguice-se e respire profundamente. Um minuto de alongamentos aumenta em 45% a energia vital.

Decore em vermelho: E nem é preciso ser benfiquista: o vermelho é uma dica energética tradicional do Feng Shui, mas deve ser usado em pequenas doses pois é uma cor potente. Pode usar em jarras de flores, velas, almofadas, em detalhes de decoração.

Coma em verde: “A alimentação tem grandes responsabilidades no nosso nível de energia”, explica a fisiologista Teresa Branco. “Os alimentos mais ricos em fibra, vitaminas e minerais, tal como vegetais e fruta, facilitam todos os processos energéticos. As proteínas também nos protegem de perder massa muscular. Se praticar exercício físico, inclua hidratos de carbono com fibra, como os cereais integrais.”

Use a água a seu favor: Duche quente, duche frio, alterne. A água sempre foi um dos nossos melhores amigos: gelada é revigorante – passe um pano com água gelada na cara a meio da tarde ou espalhe uma bruma termal. Quente, promove o sono e o relaxamento dos músculos.

Cheire um limão: Os aromas ajudam a levantar o astral. O site aromaweb.com sugere acrescentar umas gotas de óleo essencial a um óleo sem cheiro e fazer uma massagem, ou deitar algumas gotas na base da banheira, enquanto toma duche, para que o vapor ajude a espalhar o aroma. Óleos energéticos matinais: gerânio, alecrim ou citrinos. Para a noite: lavanda, camomila ou rosa repõem energias.

Vista-se ‘para cima’: “As pessoas vestem-se de acordo com o que sentem”, diz Sheila Dicks, consultora de moda no site selfgrowth.com. “Sentem primeiro e vestem-se depois”. Mas pode fazer o contrário: influenciar o seu dia pela maneira como se veste. O top 1 da energia é o laranja e o verão está cheio de vestidos dessa cor. Quer arriscar?

Controle o café: Num país onde 99% da população não funciona sem o cafezinho matinal, é mais fácil dizer que fazer. Mas então o café não nos dá energia? É simples, explica a terapeuta Kat Y. no site simply-living-simply.com: “O café vai drenar a nossa energia: a cafeína não ordena às células que fabriquem mais energia. Ao contrário, vai ativar o sistema nervoso, que por sua vez vai gastar ainda mais energia. A energia neuronal ativada pela cafeína faz com que o corpo produza adrenalina, que nos dá um curto ‘choque’. Quando o efeito passa, temos um ‘crash’ do sistema. E quando o ciclo se prolonga, transforma-se numa montanha-russa que nos esgota.” Que é, basicamente, o mesmo esquema do açúcar. Solução: limite-se a 3 chávenas
por dia, e tente não beber depois das 4 da tarde.
Ou beba chá verde...

Canse-se: Então a ideia não era ter mais energia? E agora mandam-me cansar? É que o exercício é só por si um potenciador de energia. A ideia é básica: quanto mais fortes ficamos, melhor nos aguentamos... O tipo de exercício mais ‘energizante’ é o matinal: “Quando treinamos logo de manhã, desde que tenhamos dormido 7 a 8 horas, sentimos mais energia ao longo do dia porque há uma ativação dos vários sistemas neuronais, musculares e hormonais”, explica a fisiologista Teresa Branco.

Resolva ou esqueça: Tem um problema na vida? Se não, não se preocupe. Se sim, pode fazer alguma coisa? Se sim, resolva-o e não se preocupe. Se não, não se preocupe... O ‘esquema’ de vida é do site zen blog.luz.vc

Escolha as palavras certas: Já reparou que certas frases nos fazem mesmo sentir em baixo? Coisas como ‘tenho de...’ dão-nos logo vontade de não fazer nada daquilo. Experimente substituir por ‘quero’ ou ‘vou’. Parece pouco, mas faz diferença.

Cozinhe à indiana: Sabe o que é uma mitocôndria? Ai não passe já à alínea seguinte! Basicamente, são as células responsáveis pela transformação daquilo que comemos em energia. “As mitocôndrias são a nossa central elétrica”, explica o Dr. Oz em ‘You: Sempre Jovem’. “Mas assim como as velhas fábricas, à medida que as mitocôndrias envelhecem lançam mais lixo industrial no meio ambiente. E também nós precisamos de mais reguladores antioxidantes para limpar os detritos.” Alimentos antioxidantes há muitos: do quivi ao gengibre, da curcuma (açafrão- -das-índias) ao alho, do chá de urtiga ao chá verde... é só escolher.

Coma num prato mais pequeno: A digestão é o processo corporal que consome mais energia, o que explica por que ficamos com tanto sono depois de um almoço daqueles. O efeito sedativo do álcool também piora tudo.

Defenda-se dos vampiros: Fuja das pessoas que sugam energia. Claro que algumas não podemos mesmo evitar, como o chefe que ninguém merece, o colega do lado sempre maldisposto ou o senhor da repartição de finanças (calha-lhe sempre o antipático). Mas alguns ‘vampiros’ fazem mais do que deitar-nos abaixo, diz a americana Judith Orloff, professora de psiquiatria na Universidade da Califórnia. “Algumas pessoas fazem-nos sentir tão mal na sua presença que se tornam uma fonte de stresse permanente. E o stresse é o maior sabotador de energia” (webmd.com). Se não puder fugir, experimente imaginar uma bolha protetora à sua volta... Enfim, é só imaginária, mas funciona melhor do que se pensa.

Aprenda a dizer ‘Amo-te’ em islandês: São 3 horas de um dia de trabalho. A típica quebra. Como é que reage? Vá ver uma amiga ao andar de baixo. Beba um copo de água. Verifique o que se passa no Facebook (aviso da equipa técnica: se mostrar este artigo ao seu chefe esta alínea desaparecerá automaticamente). Mas, segundo um estudo da Universidade de Michigan, a melhor tática para combater a quebra do meio do dia é aprender qualquer coisa nova, nem que seja durante uns minutos.

Vai uma pastilha? Sim, as pastilhas fazem com que produza mais suco gástrico, que pode agredir as paredes do estômago. Mas mascar pastilha aumenta ligeiramente o ritmo cardíaco, o que faz aumentar o aporte de sangue ao cérebro.

Apanhe o lugar da janela: Se está a sentir-se sonolenta, apanhe sol ou fique perto da claridade (enfim, pode ser complicado para quem está a tentar não adormecer no cinema).

Torne o seu gelado energético: O gelo dá ‘pica’, o gengibre revitaliza: compre uma embalagem de gelado de baunilha ou nata e junte raspas de gengibre. Uma dica da cozinheira Filipa Gomes, do canal 24Kitchen.

Declare guerra à bagunça: Pode ser só alguns papéis desarrumados ou chegar ao caos da casa de pernas para o ar, mas a ‘bagunça’ afeta--nos mais do que parece: por isso é que nos sentimos tão bem depois de arrumar a casa. “À medida que ordenamos e limpamos os objetos, também colocamos em ordem a mente e o coração”, explica a terapeuta Vera Caballero, em corpoinconsciencia.com. Não deixe energia estagnada junto de si: termine tarefas, não esqueça aquele cachecol do ano passado a gritar-lhe ‘Acaba-me! Please!’ (era lã inglesa) de cada vez que passa por ele. Acabe-o de vez, desmanche ou dê a alguém que o termine.

Rapte uma criança: Enfim, não literalmente... Se tem as suas, leve-as a jogar à bola. Se não tiver, peça uma emprestada ou ofereça-se para passear o cão do vizinho. O bom de pedir emprestado é que depois pode devolvê-los quando começarem a fazer birra porque querem ver o ‘Masterchef’’. Bem, as crianças.

Invista em massagens: Segundo um estudo da McMaster University em Ontário, as massagens combatem a inflamação do organismo e promovem o aumento de mitocôndrias (lembra-se delas?), o que explica por que se fica menos cansado. Pode ainda massajar-se a si mesma: antes de dormir, massaje os pés. E sempre que estiver cansada, experimente esfregar o lóbulo da orelha (está a experimentar, não está?).

Poupe-se: Doseie a energia mental: organize- -se, não perca tempo. Dica tradicional de todas as gurus da decoração: quando for de uma divisão da casa para outra, pense sempre em levar qualquer coisa (regra geral andamos de um lado para o outro a levar e trazer coisas, já repararam?)

Vai jantar? Coma ovos mexidos: Os ovos são o tipo de proteína que mais lhe dará energia, segundo a American Heart Association. Mas cuidado com o colesterol...

Durma como... uma estrela de cinema: Segundo o livro ‘Hollywood Confidencial’, do realizador Edgar Pêra, na Hollywood dos anos 50 as estrelas de cinema estavam proibidas de se deitar depois da meia noite, para que a sua beleza se mantivesse…

Invista em 3 vitaminas anti-quebra:
Vitamina C - Bomba antioxidante, favorece as trocas de energia entre as células.
Vitamina D - Mantém o equilíbrio entre as outras potenciadoras de energia.
Vitamina B12 - Responsável pela manutenção dos glóbulos vermelhos.

Renda-se às 4 formas de meditação:
A ARTÍSTICA Acenda uma vela e concentre-se na luz por 10 minutos
A GULOSA Aprecie e concentre-se em cada pedacinho que saboreia
A ATLÉTICA Faça-se à estrada sem o ipod, aprecie a paisagem e controle a respiração
A POÉTICA Repita uma palavra ou frase que a acalma enquanto relaxa em silêncio