activa

Perfil

Saúde e Beleza

Quimioterapia: a importância de desintoxicar o seu corpo

O cancro é infelizmente uma doença cada vez mais comum entre nós. Muitos dos leitores que se deparam com o artigo neste momento, já passaram pela doença ou estão a enfrentá-la actualmente e muitos outros tiveram ou têm pessoas próximas que a enfrentam.

www.dianapatricio.com

lindavostrovska

*artigo publicado originalmente em novembro de 2017

A informação acerca deste tema é também cada vez mais vasta e torna-se mais reconhecida a importância de determinados hábitos, nomeadamente no que toca à alimentação. Neste campo, dependendo do seu nível de consciência e conhecimento em relação ao impacto que aquilo que ingere tem para o seu corpo, a alimentação poderá ser a sua maior aliada ou a sua pior inimiga.

Não só é importante definir uma estratégia alimentar durante a quimioterapia como é igualmente importante fazê-lo mesmo depois dos tratamentos e é disso que falarei neste artigo.

Muitas pessoas tendem a negligenciar os seus hábitos depois de conseguirem combater ou controlar a doença pela via da quimioterapia, o que é um erro grave, já que, o desaparecimento do ou dos tumores em causa, não significa que o seu corpo tenha sido invadido por uma saúde plena. Antes pelo contrário. O facto de a quimioterapia ter destruído o tumor em causa, significa que muitas células saudáveis foram também destruídas, levando a um enfraquecimento da função dos órgãos e sistemas. É como se tivesse passado um furacão pelo seu organismo, que destruiu o que era indesejado mas também uma parte importante do que estava em ordem. Depois da passagem desse furacão é tempo de limpar, de recuperar, de repor, de reorganizar.

Os fármacos utilizados nos tratamentos de quimioterapia são altamente tóxicos e levam a efeitos secundários que perduram muitas vezes por vários anos, nomeadamente, perda de energia e vitalidade, dificuldade de absorção de nutrientes, já que toda a mucosa digestiva é bastante afectada, fraqueza muscular, neuropatia (dor, dormência e sensibilidade à temperatura que começam nas extremidades), perda de apetite, alternâncias de humor, etc.

Isto resulta de um estado inflamatório provocado por tamanha toxicidade e torna-se por isso imperativo dar ao organismo, todos os nutrientes de que precisa para que os seus mecanismos de desintoxicação possam operar normalmente e para que o sistema imunitário possa recuperar da agressão a que fora submetido. Desintoxicar e nutrir convenientemente o seu corpo depois da quimioterapia será também um trabalho de prevenção de uma recidiva.

Estes são os meus conselhos:

Sumos naturais

Refiro-me a sumos feitos numa centrifugadora (aparelho que separa a fibra do líquido). A fibra é obviamente uma parte importante dos alimentos, no entanto, pessoas que foram submetidas a tratamentos de quimioterapia terão uma mucosa digestiva mais inflamada e sensível, para além de estarem desnutridas e estes sumos permitem a ingestão de uma grande quantidade de nutrientes (vitaminas e minerais), de uma forma bastante suave que permite ao mesmo tempo, acalmar e desinflamar a mucosa do tracto digestivo.

Para estes sumos devem utilizar-se alimentos com propriedades anti-inflamatórias e anti-oxidantes. Uma das minhas sugestões é:

  • 2 Cenouras
  • 1 Maçã
  • 1 Limão
  • ¼ De Brócolo
  • ½ Polegar de Gengibre
  • 1 Dedo mindinho de Curcuma

Pode fazer este sumo duas vezes por dia. Ao sumo poderá ainda adicionar uma colher de café da alga Clorela, um superalimento que poderá adquirir sob a forma de pó. A Clorela tem uma excelente capacidade de desintoxicação do organismo, nomeadamente no que respeita à eliminação de metais pesados.

Shot de Erva de Trigo

A Erva de Trigo é um dos melhores superalimentos para desintoxicar o seu organismo e purificar o seu sangue. É rica em ferro, devido à clorofila, o que ajuda em estados de fadiga relacionados com anemia, em Vitamina A, B e C, assim como em enzimas e aminoácidos. Aconselho a preparar um shot de Erva de Trigo fresca que poderá adquirir através da Biovivos.pt ou em lojas de produtos biológicos. Este shot deve ser bebido em jejum e poderá prepará-lo cortando a erva, 2cm acima do vaso e utilizando uma mastigadora manual, que também poderá adquirir numa loja de produtos biológicos a um preço acessível.

O shot de Erva de Trigo será um excelente ritual de saúde a praticar todas as manhãs.

Alimentos a privilegiar

Alguns alimentos devem fazer parte do seu regime alimentar de forma bastante regular uma vez que possuem características particulares no que toca à desintoxicação e à estimulação do sistema imunitário, são eles:

Frutas

  • Frutos vermelhos (framboesas, mirtilos, amoras, morangos)
  • Romã
  • Kiwi
  • Abacate
  • Limão

Legumes

  • Couves: brócolos, couve-flor, couve-portuguesa, couve-roxa, nabiça, agrião.
  • Aipo
  • Espinafres
  • Cebola
  • Alho
  • Alho-francês
  • Beterraba

Ervas aromáticas

  • Salsa
  • Cebolinho
  • Manjericão

Pode usar estas ervas aromáticas frescas e picadas, juntamente com saladas ou por cima de um creme de legumes, imediatamente antes de servir.

É importante que os alimentos referidos sejam de produção biológica para garantirmos o objectivo que é o de limpeza e desintoxicação do seu organismo.

Aconselho-o também a consumir uma água de pH alcalino, cujo valor esteja entre 7 e 9,5. Uma água mais alcalina irá ajudar mais facilmente a recuperar de um estado de acidez e inflamação dos tecidos do corpo por consequência da quimioterapia. Deverá beber entre 1,5 a 2L de água por dia mas a melhor forma de avaliar se está a beber uma quantidade de água adequada é prestando atenção ao aspecto da sua urina, que deverá ser bastante clara e isenta de odor.

Se pretende obter outros conteúdos que lhe permitam fazer mudanças para uma vida com mais saúde, poderá adquirir o meu livro “Pare, escute e mude” à venda em livrarias.

Para contacto ou marcação de consultas deverá consultar o meu site www.dianapatricio.com

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!