activa

Perfil

Saúde e Beleza

Meghan lança a moda das sardas tatuadas (e não só)

Pontinhos pretos que, após sarados, se transformam em sardas semelhantes às naturais são a nova moda de beleza. E Meghan foi uma das grandes inspirações.

Filipa Bulha Pereira

1 / 5

WPA Pool

Instagram @sarahtellierd
2 / 5

Instagram @sarahtellierd

Rita Pereira com sardas pintadas e cabelo curto
3 / 5

Rita Pereira com sardas pintadas e cabelo curto

Myraï Lavoie com sardas tatuadas
4 / 5

Myraï Lavoie com sardas tatuadas

A evolução das sardas (tatuadas por Brianne Tweddle)
5 / 5

A evolução das sardas (tatuadas por Brianne Tweddle)

Tatuadas ou feitas com produtos de maquilhagem, as sardas têm dominado o mundo das tendências de beleza. Até quem não gostava das suas começou a deixá-las à vista. Um processo de aceitação que foi impulsionado após serem partilhadas ao mundo as imagens do casamento de Harry e Meghan, no passado dia 19 de maio.

A maquilhagem - ou falta dela - usada pela duquesa de Sussex na cerimónia elevaram esta moda - que já existe há alguns anos - a um outro nível, criando uma espécie de movimento por todo o mundo.

"A Meghan Markle e as suas bonitas sardas elevam-me a confiança para usar a menor quantidade de maquilhagem possível", "Um modelo no que toca a beleza natural", "Quero apenas dizer que irei aceitar as minhas sardas o verão inteiro, já que a Meghan não disfarçou as dela. Adorei" ou "A Meghan Markle é fantástica. Adoro-a. Ela não deixa que os media disfarçem as suas sardas e faz questão que a sua maquilhagem seja o mais natural possível. A cara dela é a cara DELA", foram alguns dos comentários feitos acerca do visual da mulher de Harry.

Mas não só de maquilhagem e sardas naturais é feita esta moda. Agora, várias pessoas têm aderido às tatuagens. Através de pequenas punções na pele, na zona das bochechas e nariz, alguns artistas conseguem um efeito natural. "Como é na cara, é importante que se faça a devida pesquisa e se encontrem tatuadores que mostrem o respetivo portfólio e trabalhos sarados. Mesmo que seja 'semi permanente', há riscos, como 'picar' demasiado fundo ou não usar a tinta apropriada", refere a artista Gabrielle Rainbow.

Estas micro punções deixam, inicialmente, o rosto inchado e vermelho, e adquirem uma tonalidade negra que, com o tempo se vai esvanecendo, tornando-se mais natural. Por norma, duram cerca de dois anos.

Uma outra versão destas pequenas manchas tatuadas - e que também se está a tornar viral - são as AstroFrecks (AstroSardas). A artista Jessica Knapik partilha, na sua página de Instagram, os trabalhos que vai fazendo, incluindo aqueles que mostram esta recente tendência. Muitos procuram significados ocultos para as suas tatuagens, e que melhor maneira de o fazer que desenhar, através de pontinhos semelhantes a sardas, a constelação associada ao respetivo signo solar?

AstroFrecks

AstroFrecks

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!