activa

Perfil

Saúde e Beleza

Sete alternativas ao café para ter mais energia

Veja pequenas mudanças que pode itroduzir na sua rotina já hoje.

Activa.pt

Oliver Fernandez

Se se sente cansada e com as energias em baixo, veio ao lugar certo.

O HuffPost reuniu algumas estratégias de especialistas que podem ajudá-la a ter mais vigor e ânimo ao longo do dia. E a melhor parte é que não requerem grandes esforços.

Conheça-as, abaixo.

1. Mastigue Mais

Giphy

Edwina Clark, chefe de nutrição e de conteúdo editorial na plataforma Raised Real, descreve a digestão como um processo exigente e explica que se os alimentos forem mastigados rapidamente, o corpo tem de trabalhar mais para absorver os nutrientes, acabando com as reservas de energia no processo. "Não há um número ideal certo, contudo já foi sugerido que é necessário mastigar a comida entre 25 a 40 vezes para beneficiar de uma digestão correta".

_____________________________________________________________________________________________

2. Beber menos uma chávena de café

Giphy

A cafeína presente no café bloqueia certos recetores no cérebro de receberem adenosina, um neurotransmissor que causa fadiga. "Apesar de a cafeína evitar que o cérebro receba adenosina, não impede o corpo de produzi-la," explica Niket Sonpal, professor assistente na The Touro College of Osteopathic Medicine, em Nova Iorque. Portanto, assim que passa o efeito da cafeína, é o acumular de adenosina que causa a famosa quebra e a necessidade de consumir mais cafeína, criando um ciclo vicioso.

Para sair deste labirinto, considere doses menores de café e dividi-las, para que não as consuma umas atrás das outras. Esta mudança subtil pode diminuir o consumo sem a sensação de privação e, consequentemente, aumentar os níveis de energia. "Apesar de reduzir a nossa dependência do café parecer assustador, pode ajuda-nos a sentirmo-nos com mais energia a longo prazo," conclui Sonpal.

_____________________________________________________________________________________________

3. Dê 250 passos extra

Giphy

Mais movimento significa uma maior circulação sanguínea, o que diminui a quantidade de esforço que o corpo tem de fazer para manter os sistemas em funcionamento. "Ao acrescentar mais 250 passos à sua rotina diária todas as semanas, está a treinaro corpo e mente a moverem-se mais e a ficarem melhores a fazê-lo," diz Menachem Brodie, treinador no Human Vortex Training.

À medida que a condição cardiorrespiratória melhorar, terá mais energia para as lides do dia-a-dia, diz Brodie. Andar rápido durante chamadas telefónicas ou a sair do escritório, e subir escadas em vez de apanhar o elevador são formas simples de aumentar o seu número de passos diários.

_____________________________________________________________________________________________

4. Respire fundo

Giphy

As suas células precisam de oxigénio para a obtenção de energia. Assim sendo, quando a respiração é lenta, o corpo segue o exemplo.

A respiração rasa é um dos (muitos) efeitos colaterais do stress, explica Sonpal. Quando uma pessoa não respira profundamente o suficiente, muitas vezes acaba por enviar um sinal ao sistema nervoso que amplia ainda mais a sua ansiedade. Mudar os hábitos respiratórios, com respirações longas e lentas ao longo do dia, reduz a resposta ao stress enquanto energiza as células.

Para lá chegar, experimente fazer um exercício de respiração abdominal: simplesmente inspire pelo nariz, contando até três. e expire pela boca, contando até três. Repita conforme necessário. "Quanto mais praticar a respiração profunda, mais natural se torna e, com o tempo, o seu corpo vai respirar dessa maneira sem que tenha de lembrar-se de fazê-lo, diz Dori Gatter, uma psicóloga que exerce no estado norte-americano do Connecticut.

_____________________________________________________________________________________________

5. Acrescente mais uma dose de fibra às suas refeições

Giphy

Os hidratos de carbono complexos, que são encontrados em alimentos como cereais integrais, vegetais, legumes e sementes, contêm glicose, que é a principal fonte de energia para o cérebro e o corpo, diz a dietista Lisa Cooper. E como eles também contêm fibra, são digeridos num ritmo mais lento, "fornecendo energia mais sustentada ao longo do tempo."

Como bónus, a fibra ajuda a dormir melhor, o que, por sua vez, aumentará a sua energia. "Os alimentos com maior teor de fibra têm sido associados ao aumento do sono de ondas lentas, a fase do sono tipicamente associada à sensação de estar mais descansado no dia seguinte", explica Vikas Jain, especialista em medicina do sono no Hospital Northwestern Medicine Central DuPage, no Illinois.

_____________________________________________________________________________________________

6. Verifique a cor da sua urina

Giphy

"Quando uma pessoa está desidratada, a pressão arterial cai, a frequência cardíaca aumenta e a circulação sanguínea para o cérebro fica mais lenta - e tudo isso pode deixá-la cansado," diz Sonpal. Ao certificar-se de que bebe água suficiente, garante que o seu corpo não terá de fazer um esforço tão grande para funcionar.

Preste atenção à cor da sua urina quando for à casa de banho - deve ser um amarelo claro, estilo palha, para garantir que está bem hidratado, diz Cooper. Se for mais escuro que isso, está na hora de beber mais água.

_____________________________________________________________________________________________

7. Anote três coisas que correram super bem no seu dia

Giphy

"Os nossos cérebros lembram-se das coisas más e esquecem as boas," afirma a psicóloga clínica Elizabeth Cohen. "Isto acontece porque era evolutivamente vantajoso recordar onde foi encontrada dor, enquanto fazer o mesmo em relação à alegria foi menos essencial para a sobrevivência."

Hoje em dia, não é bem assim: quando uma pessoa remói o que deu errado e preocupa-se com o que pode falhar a seguir, o corpo liberta mais hormonas de stress, algo para o qual não foi concebido.

Tire algum tempo para refletir sobre o positivo, anotando três coisas que correram bem durante o dia ou apenas itens pelos quais se sente grato. Este exercício pode estimular a mente nesse sentido, freando os picos de hormonas do stress ao mesmo tempo que ajuda a proteger as reservas de energia.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!