activa

Perfil

Saúde e Beleza

Leggins no ginásio: talvez esteja a usá-las mal

Eis uma dica que talvez desconheça.

Activa.pt

Choreograph

Já experimentou ir ao ginásio e não usar absolutamente nada por baixo das leggins? Não por uma questão estética, mas sim em nome de uma melhor higiene? Pois bem, saiba que este pode ser um truque bastante valioso, capaz de evitar infeções.

Em conversa com o HuffPost, o médico Scott Osmun afirmou, "As bactérias e fungos têm tendência para se desenvolver em ambientes quentes e húmidos. Odeio usar esta expressão, porque não gosto dela, mas é a verdade. Qualquer humidade extra na área vaginal pode levar a infeções fúngicas ou vaginoses bacterianas".

Dito isto, o facto de não usarmos roupa interior ao fazer exercício físico é, segundo o especialista, "completamente seguro".Uma outra médica, Mary Rosser, afirma que é mais uma questão de preferência pessoal, "Eu digo às pessoas para fazerem o que acharem melhor. Há quem não consiga sequer pensar em fazer exercício sem roupa interior".

Para todos os que não têm problemas em fugir à norma, em nome do conforto e higiene, há que saber que o material da roupa com que se vão exercitar faz toda a diferença. "Devem escolher-se materiais que não permitam a acumulação de humidade na zona vaginal", refere Osmun. O algodão, a lycra e a polpa de bamboo são três das melhores opções. Roupas com tecido de prata, componente que ajuda a reduzir as bactérias, também são uma boa escolha.

Além destas dicas, é aconselhável que o tecido das leggins não seja demasiado fino, para que não haja transmissão de bactérias ao sentar-se no banco de uma bicicleta no ginásio, por exemplo, e que tome banho o mais rápido possível, após o treino. E caso não dispense usar roupa interior, já sabe: o segredo está no material da mesma.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!