activa

Perfil

Saúde e Beleza

Há 8 tipos de cancro a aumentar entre os jovens

Saiba se deve preocupar-se.

Activa.pt

Saklakova

Cada vez mais, o cancro é uma das doenças que mais nos preocupam. Sobretudo, à medida que envelhecemos. Contudo, um recente estudo publicado no Lancet Public Health, da Sociedade Americana do Cancro, revelou algo surpreendente.

Após analisarem dados de diagnósticos de cancro em adultos entre os 25 e os 84 anos, relativos a um período de cerca de 20 anos, descobriram uma mudança dramática numa certa faixa etária. Os casos de cancro tipicamente associados à obesidade aumentaram significativamente em pessoas entre os 25 e os 49 anos de idade.

Foram observados 12 tipos da doença, e, desses, seis - colorretal, do endométrio, da vesícula biliar, renal, do pâncreas e mieloma múltiplo - registaram um grande aumento entre os jovens americanos. Um cenário preocupante, tendo em conta que estes são diagnósticos que, por norma, surgem a partir dos 60 ou 70 anos de idade.

Os casos de maior aumento de cancro nos rins registaram-se em pessoas entre os 25 e 29, e de mieloma múltiplo entre os 30 e os 34 anos de idade. A incidência de cancro gastrointestinal e leucemia - dois tipos que não são diretamente associados à obesidade - também aumentou entre jovens adultos.

Embora o estudo não se tenha focado nas causas deste aumento, sabe-se, de acordo com dados do Centers for Disease Control and Prevention, que os níveis de obesidade têm aumentado entre os americanos - neste caso, o público-alvo da investigação. E este poderá ser um dos principais fatores.

No que toca aos casos de cancros gastrointestinal e leucemia, a hipótese colocada pelos investigadores é que o aumento se fique a dever ao aumento de doenças autoimunes, uso de antibióticos e exposição a carcinógenos presentes no ambiente que nos rodeia.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!