activa

Perfil

Saúde e Beleza

As consequências de beber vinagre para emagrecer

Uma dica (pouco saudável) usada por várias pessoas.

Activa.pt

katerinakorovina

Se já procurou, na internet, dicas para emagrecer, com certeza já se deparou com o milagroso vinagre de maçã, certo? Ora, embora este não seja, por si só, pouco saudável, usá-lo consistentemente pode trazer várias consequências indesejáveis. "O vinagre de maçã não é um elixir mágico que irá resolver todos os nossos problemas", afirma a nutricionita Amanda Baker Lemein, citada pela Women's Health.

Além disto, parece que qualquer tipo de vinagre - e não só o de maçã - tem efeitos positivos, no que toca à perda de alguns quilos, à regulação do colesterol ou mesmo dos níveis de açúcar no sangue. O problema é que, usado diariamente, pode também levar a sérios problemas digestivos. Conheça 9 das principais consequências de consumir este produto todos os dias!

1 - Graves problemas de estômago. "Porque o vinagre é ácido, há quem não o tolere nada bem", afirma a nutricionista Leslie Bonci. Se sofre com colite ulcerativa, inflamação do sistema digestivo ou se, simplesmente, tem tendência a ter dores de estômago, evite o vinagre.

2 - Alterações nos movimentos dos intestinos. Sendo que o vinagre de maçã é feito com estes frutos já fermentados, contém pectina. E isto significa que pode ajudar nas idas à casa de banho (boas notícias para quem em prisão de ventre), mas, consumido todos os dias, também promove casos de diarreia.

3 - Problemas nos rins. Lemein afirma: "Tem havido alguma pesquisa que mostra que, se temos algum tipo de sensibilidade ou condição médica renal, consumir algo altamente ácido não é recomendado". A nutricionista Eliza Savage refere ainda que o vinagre deve ser sempre diluído em água.

4 - Inchaço abdominal, gases e náuseas. Se o vinagre pode ser um aliado na perda de alguns quilos, a verdade é que também pode causar inchaço. Isto porque atrasa o esvaziamento do estômago.

5 - Refluxo ácido. Se já sofre com a famosa azia, o vinagre não será um grande aliado à sua dieta, já que pode piorar os sintomas. Se quer evitar a sensação de estômago ou garganta a arder, evite este produto.

6 - Fraqueza. O consumo de vinagre em demasia pode fazer com que fique com poucas calorias para gastar, levando a uma grande perda de energia, sensação de fraqueza e desequilíbrio geral. De modo a evitar estes sintomas, não o ingira às colheres (ou da garrafa), mas sim como tempero de uma refeição.

7 - Sistema imunitário debilitado. Alimentos fermentados podem levar a uma maior formação de bactérias nos intestinos, levando a um sistema imunitário mais debilitado. Além disso, o consumo exagerado de vinagre pode fazer com que o organismo não absorva bem alguns nutrientes essenciais, contribuindo, igualmente, para este cenário.

8 - Perda de peso temporária. Os resultados animadores na balança, graças ao vinagre, não duram muito. E o motivo é simples: grande parte do peso perdido constituía água, pelo que, ao repormos os níveis de água no corpo, voltaremos ao normal. E mais: uma perda de peso rápida pode desacelerar o metabolismo e fazer com que tenha mais dificuldades em emagrecer, no futuro.

9 - Aumento do apetite. Bonci afirma que pessoas que consumam demasiado vinagre diluído podem deparar-se com maiores níveis de apetite, dadas as poucas calorias do produto. "Sentimo-nos cheios no momento em que o ingerimos, já que consumimos bastante água, mas, após urinar, sentir-nos-emos com mais fome", diz.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!