activa

Perfil

Saúde e Beleza

12 mitos alimentares em que ainda acreditamos

Conheça-os e saiba porque não são válidos.

Activa.pt

AlexRaths

Os mitos alimentares vão crescendo connosco. Se, desde cedo, ouvimos os nossos pais ou avós dizer que comer laranja à noite faz mal, acreditaremos nisso até prova em contrário. E o mesmo se passa com tantas outras crenças. Aqui, desmistificamos 12, reunidas pelo jornal Independent, relacionadas com a alimentação. Conheça-as:

1. As laranjas são a melhor fonte de vitamina C

Na verdade, existem alimentos mais ricos neste composto, tais como os morangos.

2. Cozinhar os alimentos retira-lhes sempre valor nutricional

O ato de cozinhar a comida pode, de facto, destruir algumas vitaminas sensíveis ao calor. Quanto mais expostos ao calor, menos benefícios à saúde. Ainda assim, nem sempre isto acontece. Com determinados alimentos, o valor nutricional pode mesmo ser maior quando confecionado. É o caso dos tomates - a absorção do licopeno é maior quando estes são cozinhados.

3. Demasiada fruta apodrece os dentes

Frutas muito ácidas podem danificar o esmalte. Contudo, apenas se consumidas em excesso. O açúcar que contêm naturalmente também não apodrece os dentes, como muitos acreditam.

4. Cenouras melhoram a nossa visão noturna

Embora este seja um óbvio mito, a verdade é que consumir este alimento favorece a saúde ocular, graças à vitamina A.

5. Comer aipo queima mais calorias do que o próprio alimento contém

Não existem alimentos de calorias negativas. O ato de mastigar e processo digestivo não queimará mais calorias do que os próprios alimentos.

6. Fruta orgânica é mais saudável

Em termos nutricionais, as diferenças entre fruta orgânica e não-orgânica são praticamente inexistentes.

mediaphotos

7. O chocolate é afrodisíaco

Neste caso, a veracidade deste tópico carece de evidências concretas, até porque o alimento contém pequenas porções das substâncias que, de facto, influenciam o desejo humano.

8. Beber sumo natura é tão saudável quanto comer a própria fruta

O proceso de liquidificação dos frutos retira-lhes fibras essenciais, pelo que não é o mesmo comer uma laranja ou beber um sumo natural deste fruto (ou de qualquer outro).

9. Os valores nutricionais de fruta seca e fresca são os mesmos

Tal como acontece ao cozinhar os alimentos, o processo que torna as frutas secas pode destruir vitaminas sensíveis ao calor, reduzindo-lhes algum valor nutricional.

10. São precisos sete anos para digerir pastilha elástica

Embora o processo de digestão seja diferente, para um alimento e uma pastilha elástica, este produto percorre "o mesmo caminho" que a comida normal.

11. Não devemos comer fruta após as 14h

Aqui não há dúvidas: comer fruta é um hábito saudável a qualquer hora.

12. Devemos comer fruta de estômago vazio

Não há evidências científicas que comprovem que comer fruta antes ou depois de outros alimentos é mais ou menos saudável.

    newsletter

    Receba GRÁTIS no seu email as notícias que selecionamos para si!