112094286.jpg

É normal o abrandamento da perda de peso quando se segue uma dieta. Afinal, os quilos em excesso não foram ganhos de um dia para o outro, mas sim ao longo de anos e anos, pelo que é natural que não se percam rapidamente. Se numa fase inicial, a dieta resulta melhor é porque o emagrecimento é mais acelerado, até porque há mais quilos para perder, seguindo-se um abrandamento – e é nesse altura que a pessoa se convence, erradamente, que não está a chegar ao objectivo. O segredo é não desistir da sua dieta e, para isso, há alguns conselhos que lhe podem ser úteis:

*Mantenha-se fiel à dieta. “Nesta fase é muito importante não desistir da dieta: a pessoa tem de estar consciente que, apesar de demorar mais tempo, o objectivo pode ser cumprido, pelo que deve continuar a obedecer ao regime prescrito”, reforça o endocrinologista.

*Combata o desejo de ver resultados da dieta.  Não vale a pena estar sempre a pensar no assunto e a pesar-se todos os dias. Faça-o apenas uma vez por semana. Lembre-se que está provado que, quanto mais depressa emagrece, mais rapidamente esses quilos regressam; sendo assim, as dietas em que o peso é perdido de forma gradual e sustentada são os que oferecem resultados mais sólidos.

*Aumente a actividade física. Se o seu organismo se adaptou ao menor número de calorias que passou a receber, é preciso dar-lhe uma ajuda extra, acelerando o metabolismo e permitindo-lhe queimar as calorias que sobram. Só perde peso conjugando um regime alimentar equilibrado com exercício físico e é chegado o momento de investir a sério neste último: se vai duas vezes por semana ao ginásio, passe a ir três, se faz caminhadas de meia hora, comece a andar durante mais dez minutos e, se usa o elevador, habitue-se às escadas.

*Faça testes de despitagem. Caso não tenha realizado exames médicos antes de iniciar a dieta, é possível que tenha chegado a altura de os fazer. Fale com o seu médico, dado que alguns problemas de saúde podem estar a dificultar-lhe a vida. Encontram-se nesta lista os distúrbios ao nível da glândula tiróide (hipotiroidismo) e da glândula supra-renal, que condicionam a tendência para uma não redução de peso. O mesmo se aplica à Síndrome do Ovário Policístico (SOP) ou aos medicamentos à base de cortisona.

*Controle os factores de stress. A ansiedade é causadora de um aumento da produção de cortisol que, por sua vez, ajuda a produzir maior quantidade de açúcar que se acumula no organismo sob a forma de gordura, o que é um factor que pode agir como um factor de contra regulação da perda de peso. Se até agora andou preocupada com o corpo, dê alguma atenção à mente e encontre maneiras de se acalmar: a prática de ioga, de tai-chi ou de meditação revelam-se ferramentas poderosas no combate ao stress.

Palavras-chave

Relacionados

Beleza e Saúde

Oito mudanças alimentares para uma vida muito mais saudável

Com o objetivo de melhorar os hábitos alimentares e de vida nas famílias portuguesas surgiu um movimento que lhe propõe mudar de hábitos com oito passos muito simples!

Beleza e Saúde

Mitos dos truques e dietas mágicas

Todos já ouviram falar sobre alguns pequenos truques e magias que se dizem eficazes na perda de peso rápida. Desconfiem! A Nutrição é uma ciência lógica, de causa-efeito, e o nosso corpo metaboliza e digere os alimentos como uma máquina com livro de instruções, por isso não há espaço para magias.

Beleza e Saúde

Conheça a dieta de Catherine Middleton

Para manter o corpo elegante, Catherine Middleton, Duquesa de Cambridge, segue a dieta da mãe

Beleza e Saúde

4 alimentos que nos ajudam a ficar sem fome durante mais tempo

Existem alimentos que lhe transmitem uma sensação de saciedade rapidamente, mas que cinco depois a deixam cheia de fome, enquanto que outros são seus ‘amigos’. Além de serem igualmente deliciosos, permitem com que a sensação de ‘buraquinho no estômago’ não seja uma constante.

Beleza e Saúde

Sabe onde foi parar a sua última refeição?

Segundo os cálculos do Dr. M.Jenson, professor de endocrinologia e metabolismo da Clínica Mayo, nos E.U.A., as calorias que ingerimos são distribuídas da seguinte forma...

Mais no portal

Beleza e Saúde

COVID-19: usar duas máscaras protege-nos mais?

Algumas pessoas adotaram este método. Mas será que é necessário?

Lifestyle

Assine 9 revistas por apenas €9,90 por mês e garanta boa informação, em sua casa

Beleza e Saúde

Esperam-se menos nascimentos em 2021

Entenda o motivo.

Imagem de Sucesso

O fator essencial para construir uma Imagem de Sucesso em 2021

No novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso, explico-vos como podem comunicar de forma assertiva através da vossa imagem e, assim, conquistar objetivos no novo ano.

Comportamento

Este truque curioso pode aliviar o stress durante o confinamento

Só precisa de um telemóvel ou computador - e deixá-lo fazer magia.

Moda

A psicologia por trás das cores românticas que vão estar em alta na primavera

Não só explicamos a origem da popularidade, como deixamos algumas sugestões de visuais para os dias mais quentes.

Beleza e Saúde

Pode haver uma inesperada cura para a acne

Pelo menos, para um dos tipos do problema. Saiba qual.

Moda

Revelado o próximo nome da alta-costura que irá colaborar com a H&M

Todos os anos, a gigante sueca lança uma coleção de edição limitada, que é fruto da colaboração com um estilista ou marca de renome.

Beleza e Saúde

3 acessórios para o cabelo que as mulheres nórdicas adoram

Estas sugestões são perfeitas para ter sempre no nécessaire e transformam qualquer visual num instante.

Beleza e Saúde

Saiba como manter um estilo de vida saudável em regime de teletrabalho

Aqui ficam seis sugestões para continuar a cuidar da sua saúde física e mental no novo confinamento.

15 Perguntas A...

Tânia Ribas de Oliveira: "O meu estilo é casual, confortável e descontraído"

Lançámos questionários com 15 perguntas a várias celebridades sobre temas como, por exemplo, estilo pessoal e rotinas de beleza. A apresentadora da RTP foi a primeira a aceitar o desafio.