57488055_400342780548735_8200887736226013159_n.jpg

Kate Garraway

Calma, não falamos de “todos os dias” no sentido de algo “para todo o sempre”. A questão é que uma famosa jornalista britânica, Kate Garraway, que celebra 52 anos amanhã, 4 de maio, disse planear as relações sexuais com o marido, através de uma tabela. Além disso, como revelou em The Joy of Big Knickers, livro lançado em 2017, o casal comprometeu-se com um desafio de sexo por 14 dias consecutivos, isto é, duas semanas. E o objetivo foi claro.

Quando já estamos numa relação há muito tempo, as questões físicas podem tornar-se muito pouco espontâneas. Portanto, a ideia é agendar a relação sexual, e forçares-te a fazê-lo uma vez por dia“, revelou ao The Sun. E parece que esta é, de facto, uma técnica eficaz.

Holly Richmond, terapeuta sexual, explicou, em conversa com a Health: “Eu prescrevo isto a toda a hora, a vários casais. Se um casal chega e me diz que não estão a ter tanto sexo quanto gostariam, a melhor forma de normalizar a situação é agendar as relações sexuais. E eu sei que isto não parece romântico, mas tem a ver com criar hábitos e rotinas, tornar a sexualidade a norma“. E se for impossível ter relações todos os dias, três ou quatro vezes por semana são suficientes para voltar a ganhar o hábito, garante.

Catorze dias de sexo pode ser um grande desafio. Mas o principal objetivo do agendamento é cultivar o companheirismo e criar um momento que eles possam ansiar. Recomendo que o façam em diferentes horários, para que não pareça quase uma tarefa doméstica, mas sim algo que recria novidade“, diz.

De acordo com a especialista, este desafio pode ajudar a aumentar a diversão entre o casal, e a apimentar as coisas, já que, ao saber que estarão juntos “naquele dia, àquela hora”, cria-se uma certa excitação e expectativa positiva para o relacionamento.

Relacionados

Mais no portal

Celebridades

Simon Cowell no hospital após acidente de bicicleta

O jurado do 'America´s Got Talent' está no hospital.

Lifestyle

Unique Sushi Lab: onde comer é sempre uma (boa) surpresa

O restaurante que os amantes de sushi têm de conhecer e que ér capaz de converter mesmo os mais desconfiados em fãs da culinária japonesa. A culpa é do chef Johnny Keep.

Moda

"Eco friendly', portuguesa e trendy: esta é a marca de denim que tem de conhecer

A loja online da My Fair by Just.O disponibiliza ainda alguns best sellers da coleção primavera-verão de 2020, como o Curry Hoddie ou o camisolão oversized.

Beleza e Saúde

Aprenda a recriar esta maquilhagem perfeita para um "date" de verão

Na rubrica Beauty Spot desta semana, partilho o tutorial de um visual simples para um encontro romântico.

Beleza e Saúde

#ActivaEmCasa. O treino da semana do CrossFit Cais

Mais uma segunda-feira, mais um circuito de exercícios preparado pela personal trainer Susana Carromeu.

Moda

10 artigos da Zara que vão arrasar em qualquer destino de férias

Estes visuais prontos a usar prometem fazer furor nos seus dias de descanso.

Moda

Encontrámos as Havaianas perfeitas para dar brilho ao verão

Se é fã da famosa marca brasileira e gosta de dar um toque de brilho a tudo o que faz, vai delirar com esta novidade.

Lifestyle

6 dicas para viajar de carro tranquilamente com crianças

"Estou com fome! Quanto chegamos? Preciso de fazer xixi!" Viajar com crianças durante um longo período de tempo pode ser um verdadeiro pesadelo.

Beleza e Saúde

Afinal, o que é uma "depressão de baixo grau"?

Recentemente, Michelle Obama fez um desabafo sobre a sua saúde mental. Entenda o que se passa com a antiga Primeira-dama dos Estados Unidos.

Celebridades

Michelle Obama admite que sofre de uma "depressão de baixo grau"

A pandemia aliada a todo o clima de tensão que se vive nos Estados Unidos afetou a saúde mental da antiga Primeira-dama do país.

Celebridades

Daisy Coleman, de documentário da Netflix sobre abuso sexual, morre aos 23 anos

O caso da jovem, que se tornou uma defensora das vítimas de violação, é retratado numa série documental do serviço de streaming.

Lifestyle

Estes podem ser os motivos para continuarmos a ver filmes para adolescentes

Sim, tenho mais de 30 anos e por vezes vejo (e revejo) filmes com histórias para adolescentes. Mas sei que não sou a única!

€2,95 por edição 20% desconto  

Assine já!

Papel