A prática regular de exercício físico pode contribuir para a diminuição de sintomas negativos característicos do ciclo menstrual como, por exemplo, as cólicas, dores nos seios, fadiga, alterações de humor e fome excessiva. Esta foi a resposta de 78% das mais de 14 mil mulheres que participaram num inquérito realizado pela FitrWoman (aplicação de monitorizção do ciclo menstrual e de desporto) em parceria com a Universidade de St Mary’s, no Reino Unido.

Com idade média de 40 anos e ativas, as mulheres do Reino Unido, França, Alemanha, Irlanda, Espanha, Estados Unidos e Brasil relataram ter notado uma diminuição dos sintomas com as atividades consideradas moderadas (aquelas que nos deixam ofegantes, mas ainda é possível conversar ao realizá-las). Isto acontece porque o desporto tem uma relação direta com a regulação das hormonas.

“Os benefícios de uma vida ativa incluem não só os efeitos positivos para a respiração, coração e metabolismo, como também a libertação de hormonas e neurotransmissores associados com o bem-estar e os níveis de humor,” explica a ginecologista Bianca Franco, de São Paulo, à revista “Boa Forma”.

Entre eles, a médica cita a dopamina, relacionada ao controlo do humor, a adrenalina, a serotonina, muito ligada à sensação de felicidade, e insulina, que gera saciedade ao cérebro. Se a vida ativa for associada a uma alimentação equilibrada, então, os resultados são ainda melhores ainda.

TPM, menstruação e treino

Mas calma. Mesmo com todos os hábitos saudáveis, não é incomum ficar mais cansada, desanimada e com cólicas durante algum período do seu ciclo menstrual. Quase todas (88%) as mulheres que responderam ao inquérito sentem o mesmo — 69% delas já tiveram que mudar o treino por causa disso. As “culpadas” são duas hormonas sexuais femininas: o estrogénio e a progesterona, que são os controladores do nosso ciclo menstrual e variam as suas concentrações no organismo durante o mês.

“No início do ciclo, os níveis hormonais são baixos e o desempenho físico costuma ser pior. Após a ovulação, a concentração de progesterona é alta, mas a de estrogénio é baixa, causando fadiga, irritabilidade, dores de cabeça retenção de líquidos e outros sintomas,” explica a Dra. Franco.

O período após a menstruação é aquele em que o estrogénio atinge o seu pico e, por conseguinte, é uma altura em que costumamos ter mais resistência e sentir mais ânimo.

Então, o que fazer quando está “naqueles dias”? O segredo é respeitar os limites do seu corpo. Isso não quer dizer que tem de fugir do ginásio; basta fazer alguns ajustes ao treino, que variam de pessoa para pessoa.

Palavras-chave

Relacionados

Mais no portal

Beleza e Saúde

Este óleo promete proteger a pele do rosto do frio

Com a chegada do outono, começamos a ter preocupações diferentes com a nossa pele.

Moda

Não vai acreditar no preço deste casaco

Uma solução cheia de estilo para acrescentar aos seus visuais de outono.

Lifestyle

O novo manifesto da Sport Zone é verdadeiramente inspirador

A marca partilha 5 histórias tocantes, nas quais o desporto é uma fonte de motivação diária.

Beleza e Saúde

Nem imagina o que a canábis pode fazer pela sua pele

Uma nova linha a descobrir.

Moda

Conheça os principais motivos para as mulheres não tirarem partido da imagem

No novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso, identifico as razões pelas quais muitas mulheres não se sentem felizes com a aparência e como ultrapassá-las com a ajuda da moda.

Beleza e Saúde

Diz quem sabe: é possível distinguir uma gripe de Covid-19?

Entenda a explicação, segundo um médico virologista.

Beleza e Saúde

Com esta solução, acabaram-se as idas ao cabeleireiro

Testei dois produtos cujos resultados são dignos de profissional. E quem não quer ter um "cabeleireiro" na própria casa?

Beleza e Saúde

10 formas de fortalecer a nossa saúde em menos de um minuto

Confira estas dicas eficazes (e rápidas) que devem fazer parte da sua rotina.

Lifestyle

Falafels de espinafres no forno: de comer e chorar por mais

A nutricionista Rita Pereira partilha esta receita, passo a passo, para uma refeição (ou um snack) vegetariano, saboroso e que só faz bem à saúde.

Celebridades

Emily Ratajkowski acusa fotógrafo de a assediar quando tinha 20 anos

Desde que a modelo revelou a história ao mundo, uma outra celebridade diz ter vivido um episódio semelhante com a mesma pessoa.

Lifestyle

Clube do Livro Finanças de A a Z: "A Poupança no Feminino"

No novo episódio da rubrica Finanças de A a Z estreio um espaço mensal onde vou deixar algumas sugestões de livros úteis para a educação financeira de miúdos e graúdos.

Lifestyle

Livro da semana: "A Quinta" inspira-se nos sacrifícios que mulheres fazem pelos que mais amam

Um livro de Joanne Ramos, publicado pelas Edições Saída de Emergência.