Vamos começar por relembrar os essenciais:

Higiene e hidratação

O primeiro gesto de uma rotina eficaz é sem dúvida a higiene. Limpar diariamente, de manhã e à noite no caso do rosto e uma vez por dia a nível corporal, é fundamental para manter a pele saudável.

Nem sempre damos a devida importância a este gesto, porém, numa altura em que nos é recomendado lavarmos com maior frequência as mãos, conseguimos perceber a importância de um cuidado de limpeza que proteja a nossa barreira cutânea enquanto limpa.

Produtos demasiado agressivos fragilizam a pele tornando-a áspera, por isso devemos escolher produtos específicos para o nosso tipo de pele. A água, por si só, não limpa nem higieniza de forma conveniente. Porém, no momento de escolha do produto de limpeza há alguns aspetos a ter em consideração: a zona do corpo a limpar, o estado da nossa pele e, claro, a nossa preferência.

São várias as opções: a nível corporal, onde incluo as mãos, é importante a escolha de um gel que limpe de forma suave enquanto protege a barreira natural da pele.

Para o rosto estão disponíveis águas micelares, geles ou leites de limpeza. Devemos evitar o uso de algodão, optando por compressas de não tecido, pois, para além de deixar resíduos na pele (consequentemente maior risco de sensibilização), há maior desperdício de produto porque a absorção de produto é maior do que das compressas. Muito importante: nunca devemos dormir sem limpar o rosto que vai acumulando sujidade ao longo do dia, mais importante ainda se tivermos maquilhagem!

Depois da pele estar bem limpa, a hidratação é o cuidado que se segue. A hidratação é sinónimo de proteção e o primeiro cuidado anti-idade. Uma pele desidratada cria uma barreira à absorção de outras substâncias. Assim, para tirarmos o maior benefício de qualquer fórmula (antirrugas, antiacne, antivermelhidão), é fundamental termos o nosso “terreno” permeável ou seja, a pele bem preenchida de moléculas de água.

Esta necessidade é transversal a todos os tipos de pele e extremamente importante para manter uma pele bonita, saudável e macia. Para uma pele oleosa sugerimos uma hidratação matificante. Para uma pele com rosácea, a melhor opção é uma fórmula calmante. Para uma pele mais madura, o melhor é usar um antirrugas ou refirmante.

Agora em casa, e com um pouco mais de disponibilidade, é uma boa altura para se fazerem máscaras hidratantes de modo a repor os níveis basais de água na nossa pele; o stress e ritmo acelerado dos dias de trabalho contribuem para perdas elevadas de água que nem sempre conseguimos compensar apenas com o creme diário.

As máscaras

As máscaras proporcionam um boost de hidratação imediato à pele… São compostas por uma elevada concentração de ingredientes ativos que permitem hidratar, nutrir, desintoxicar, dar luminosidade… dependendo do tipo de pele e das suas necessidades. Devem ser feitas 1x por semana, mas por norma é um hábito que a maioria não inclui na sua rotina porque leva o seu tempo. Esta pode ser a altura ideal para oferecer à sua pele 10 ou 15’extra da sua atenção. Não se esqueça dos pés. Os dias já estão mais longos e quando pudermos passear novamente, vamos querer ter pés bonitos e hidratados.

Os esfoliantes

A esfoliação é um outro gesto complementar que nem sempre fazemos com a regularidade necessária devido à falta de tempo. Esta é a nossa oportunidade!

A principal função da esfoliação é a remoção de células mortas, o que permite melhorar a aparência geral da pele, tornando-a mais uniforme e macia, ajudar na absorção dos cuidados diários que usamos, potenciando a sua ação e ajudar na desobstrução dos poros. No entanto, é necessário espaçar a aplicação de esfoliantes, principalmente dos mais abrasivos. A esfoliação em excesso pode aumentar a sensibilidade na pele, tornando-a fragilizada e reativa.

Aplicação recomendada: 1x por semana. Aplicar em pele molhada, em movimentos circulares, enxaguar e aplicar o hidratante. Após a esfoliação há maior necessidade de hidratação.

Manter uma alimentação saudável e beber muita água

Uma pele saudável é também reflexo daquilo que comemos. Sabia que o excesso de açúcar impede o bom funcionamento das células responsáveis pela firmeza e elasticidade da pele e que o álcool provoca desidratação? Mesmo em casa e com mais algum tempo livre, a compensação não deverá passar pelo açúcar. Devemos manter uma alimentação variada, que inclua carnes brancas, peixe e gelatina, que ajudam na produção de colagénio, e beber muita água.

Não é suficiente aplicarmos cremes hidrantes, é fundamental beber água para que a pele se mantenha saudável. A principal fonte de hidratação da pele vem de dentro para fora.

Palavras-chave

Mais no portal

Celebridades

Simon Cowell no hospital após acidente de bicicleta

O jurado do 'America´s Got Talent' está no hospital.

Lifestyle

Unique Sushi Lab: onde comer é sempre uma (boa) surpresa

O restaurante que os amantes de sushi têm de conhecer e que ér capaz de converter mesmo os mais desconfiados em fãs da culinária japonesa. A culpa é do chef Johnny Keep.

Moda

"Eco friendly', portuguesa e trendy: esta é a marca de denim que tem de conhecer

A loja online da My Fair by Just.O disponibiliza ainda alguns best sellers da coleção primavera-verão de 2020, como o Curry Hoddie ou o camisolão oversized.

Beleza e Saúde

Aprenda a recriar esta maquilhagem perfeita para um "date" de verão

Na rubrica Beauty Spot desta semana, partilho o tutorial de um visual simples para um encontro romântico.

Beleza e Saúde

#ActivaEmCasa. O treino da semana do CrossFit Cais

Mais uma segunda-feira, mais um circuito de exercícios preparado pela personal trainer Susana Carromeu.

Moda

10 artigos da Zara que vão arrasar em qualquer destino de férias

Estes visuais prontos a usar prometem fazer furor nos seus dias de descanso.

Moda

Encontrámos as Havaianas perfeitas para dar brilho ao verão

Se é fã da famosa marca brasileira e gosta de dar um toque de brilho a tudo o que faz, vai delirar com esta novidade.

Lifestyle

6 dicas para viajar de carro tranquilamente com crianças

"Estou com fome! Quanto chegamos? Preciso de fazer xixi!" Viajar com crianças durante um longo período de tempo pode ser um verdadeiro pesadelo.

Beleza e Saúde

Afinal, o que é uma "depressão de baixo grau"?

Recentemente, Michelle Obama fez um desabafo sobre a sua saúde mental. Entenda o que se passa com a antiga Primeira-dama dos Estados Unidos.

Celebridades

Michelle Obama admite que sofre de uma "depressão de baixo grau"

A pandemia aliada a todo o clima de tensão que se vive nos Estados Unidos afetou a saúde mental da antiga Primeira-dama do país.

Celebridades

Daisy Coleman, de documentário da Netflix sobre abuso sexual, morre aos 23 anos

O caso da jovem, que se tornou uma defensora das vítimas de violação, é retratado numa série documental do serviço de streaming.

Lifestyle

Estes podem ser os motivos para continuarmos a ver filmes para adolescentes

Sim, tenho mais de 30 anos e por vezes vejo (e revejo) filmes com histórias para adolescentes. Mas sei que não sou a única!

€2,95 por edição 20% desconto  

Assine já!

Papel