2174875.jpg

Gollum, um dos vilões dos livros de J.R.R. Tolkien. Foto: Getty Images

Getty Images

Os vilões de “O Senhor dos Anéis” e “O Hobbit” não são apenas invejosos, trapaceiros e gananciosos. Segundo um curioso estudo publicado no Medical Journal of Australia, eles também sofrem de falta de vitamina D. "A análise sistemática do texto de ‘O Hobbit’ apoia a nossa hipótese inicial de que o triunfo do bem sobre o mal na literatura fantástica pode ter beneficiado, em certa medida, da má alimentação e da falta de luz solar experimentada pelos personagens do mal", afirmam, no estudo, os investigadores Nicholas e Joseph Hopkinson, do  Imperial College de Londres.

Se, em vez de tentar destruir a Terra Média, o dragão Smaug, Gollum e os orcs direcionassem os seus esforços para viver em ambientes luminosos, como os hobbits, e preferissem quiche com salada a peixe podre, a história de J.R.R. Tolkien poderia ser diferente. "A dieta hobbit é claramente variada, já que é capaz de oferecer bolos, chá, bolo de sementes, cerveja, vinho tinto, geleia de framboesa, torta de carne, queijo, torta de carne de porco, salada, frango, picles e torta de maçã", apontam os investigadores.

Além disso, os vilões de Tolkien vivem quase sempre em cavernas e subterrâneos, longe da luz solar e, por isso, com défices graves de vitamina D.

O que é que o nosso estilo de vida pode ter em comum com o dos vilões de ‘O Hobbit’? Esperemos que nada. Mas a falta de vitamina D pode mesmo ser um problema bem mais grave do que o mau humor de Smaug ou do Gollun.

Descubra o que a falta de vitamina D pode provocar a vilões de ficção e, sobretudo, a gente de carne e osso e saiba como proteger o organismo:

1 – Ficar com braços e pernas expostos ao sol, sem protector solar, durante 15 minutos por dia, é o suficiente para que seu corpo produza vitamina D e nos deixe com uma aparência bem melhor do que a do Gollum. Mas cuidado com o tempo de exposição, lembre-se dos riscos do cancro de pele.

2 – Não é preciso fazer um banquete de hobbit para ser saudável. Além dos raios de sol, suplementos vitamínicos e alimentos como peixes gordos (atum, sardinha, salmão) e o óleo de fígado de bacalhau são boas fontes de vitamina D.

3 – Pessoas de pele negra, idosos com mais de 70 anos, crianças com menos de um ano, pessoas que não saem de casa (e dragões que guardam tesouros) correm mais risco de sofrer deficiência de vitamina D.

4 – Dor crónica, ossos fracos, infecções frequentes, depressão (e apego a anéis mágicos) são sintomas de falta de vitamina D.

5 – A principal função da vitamina D é fazer com que os ossos absorvam o cálcio, por isso a osteoporose é uma das doenças causadas pela falta deste nutriente. Pesquisas também relacionam a insuficiência da vitamina com artrite, esclerose múltipla, doenças cardiovasculares e todo o mal da Terra Média.

Assine uma destas revistas e escolha um presente grátis. Estadas em hotéis, produtos de beleza e muitos outros. Aproveite. Assine aqui

Mais no portal

Comportamento

O tamanho não importa, mas há uma coisa que as mulheres valorizam bastante

De acordo com diferentes estudos sobre o assunto.

Mulheres Inspiradoras

Prémios Mulheres Inspiradoras: estas são as nomeadas na categoria Negócios

Em 2021 foram muitas as mulheres que se distinguiram em Artes, Ciência. Desporto, Negócios, Solidariedade e Sustentabilidade. Não foi fácil escolher, mas aqui ficam as nomeadas a mais um Prémio ACTIVA Mulheres Inspiradoras. Em breve poderá conhecer as vencedoras em cada uma das categorias.

Mulheres Inspiradoras

Prémios Mulheres Inspiradoras: estas são as nomeadas na categoria Desporto

Em 2021 foram muitas as mulheres que se distinguiram em Artes, Ciência. Desporto, Negócios, Solidariedade e Sustentabilidade. Não foi fácil escolher, mas aqui ficam as nomeadas a mais um Prémio ACTIVA Mulheres Inspiradoras. Em breve poderá conhecer as vencedoras em cada uma das categorias.

Moda

Sim, os mocassins ficam bem com qualquer visual — e aqui está a prova

Saias, leggings, vestidos.. não há como falhar ao combinar diferentes peças com estes sapatos.

Mulheres Inspiradoras

Prémios Mulheres Inspiradoras: estas são as nomeadas na categoria Ciência

Em 2021 foram muitas as mulheres que se distinguiram em Artes, Ciência. Desporto, Negócios, Solidariedade e Sustentabilidade. Não foi fácil escolher, mas aqui ficam as nomeadas a mais um Prémio ACTIVA Mulheres Inspiradoras. Em breve poderá conhecer as vencedoras em cada uma das categorias.

Mulheres Inspiradoras

Prémios Mulheres Inspiradoras: estas são as nomeadas na categoria Artes

Em 2021 foram muitas as mulheres que se distinguiram em Artes, Ciência. Desporto, Negócios, Solidariedade e Sustentabilidade. Não foi fácil escolher, mas aqui ficam as nomeadas a mais um Prémio ACTIVA Mulheres Inspiradoras. Em breve poderá conhecer as vencedoras em cada uma das categorias.

Mulheres Inspiradoras

Prémios Mulheres Inspiradoras: estas são as nomeadas na categoria Solidariedade

A vencedora será revelada em breve.

Beleza

8 verdades sobre cabelos brancos que não podemos ignorar

Mais cedo ou mais tarde, todas as mulheres passam pela experiência de ter cabelos brancos.

Mulheres Inspiradoras

Prémios Mulheres Inspiradoras: estas são as nomeadas na categoria de Sustentabilidade

São quatro as nomeadas nesta categoria, que conta com ao apoio da Endesa.

Lifestyle

Afinal, a loiça deve ser passada por água antes de ir para a máquina ou não?

A resposta pode surpreendê-la.

Saúde

A regra que ajuda a aumentar o consumo diário de fruta e vegetais

Consumir mais frutas, verduras e legumes está associado a vários benefícios para a saúde.

Moda

Eis como fazer com que as leggings passem de casuais a elegantes

Inspire-se nestes visuais que provam que as leggings não têm de ser básicas.