160537274.jpg

Getty Images/iStockphoto

O uso intensivo de computadores é uma das principais causas do aumento de problemas oculares. Os nossos olhos, antes habituados a horizontes largos e luz natural, são hoje sujeitos a um esforço inédito: horas e horas em frente a ecrãs de televisão e de computador, tablets, smartphones, e ainda horas e horas em ambientes de luz artificial e sob o efeito agressivo do ar condicionado. Este estilo de vida tem consequências: secura ocular, progressiva dificuldade de focagem, ardor e dores de cabeça, sintomas facilmente evitáveis se mudarmos alguns hábitos na nossa forma de ver o mundo.

MAIS LÁGRIMAS, POR FAVOR!

Para se manterem húmidos, os olhos produzem constantemente uma fina camada de lágrimas que se espalham pelo olho com a ajuda do pestanejar. Em condições normais, pestanejamos cerca de 14 a 18 vezes por minuto, mas a ler esse número reduz-se para quatro a seis vezes por minuto, e no computador acontece ainda menos já que o globo ocular quase não precisa de se mover. Tudo isto aumenta a probabilidade de ficar com o olho seco, o que não sendo grave é muito desconfortável.

ALARGUE OS HORIZONTES

A miopia (incapacidade de ver bem ao longe) também tem vindo a aumentar e uma das razões apontadas é o facto de precisarmos cada vez menos de ver a grande distância. Entre os povos antigos, habituados a perscrutar o horizonte, a miopia era praticamente desconhecida. Algumas gerações depois, e sobretudo com o aparecimento da televisão, tornou–se mais comum. Outra causa apontada é a escola: “Um estudo norte-americano da década de 70, que seguiu uma população durante 30 anos, verificou um aumento de 15% para 42% da miopia, que foi atribuído ao aumento de escolaridade”, explica o oftalmologista Florindo Esperancinha. “Estar muitas horas em frente a um ecrã obriga o cristalino a um esforço de acomodação permanente, é como estar a erguer um peso durante muito tempo, os músculos acabam por ficar cansados.” Atente nalguns conselhos úteis para proteger os seus olhos.

Olhe ao longe: se trabalhar ao computador, lembre-se de levantar o olhar, para contemplar o horizonte e focar um objeto ao longe de forma regular. Assim estimula a elasticidade dos músculos oculares e o foco da visão ao longe.

Pestaneje com frequência: piscar os olhos é uma forma de espalhar a película lacrimal pelo olho, o que o hidrata e protege. Geralmente, fazemos isso de forma involuntária mas pode fazê-lo conscientemente.

Descanse os olhos: cansamos a vista porque obrigamos os olhos a focarem uma coisa durante muito tempo, por norma o ecrã, ao longo do dia, o que pode causar dores de cabeça. É importante ter períodos de descanso e que saia da frente do monitor, idealmente de duas em duas horas, por 15 minutos. Se não puder, feche os olhos alguns minutos.

Regule a altura do ecrã: se conseguir ter o ecrã ligeiramente abaixo do nível dos olhos, não vai precisar de os ter tão abertos, diminuindo a probabilidade de secura ocular.

Ajuste a luz do monitor: opte por mais contraste e menos luminosidade e evite ficar de costas ou de frente para uma janela. O ideal é de lado, para evitar reflexos e sombras.

Relacionados

Beleza

Nova técnica propõe mudar a cor dos olhos

Uma clínica espanhola propõe uma cirurgia laser para transformar olhos castanhos em azuis. A técnica é perigosa, alertam alguns especialistas.

Saúde

Vinho tinto ajuda a prevenir doenças dos olhos

A pele da uva tem componentes que podem ajudar a combater doenças como a degeneração macular ou a retinopatia diabética e a deterioração da visão. Alguns vegetais e frutas de 'cores vivas' podem também ter o mesmo efeito

Mais no portal

Comportamento

O fenómeno que promete afetar o início de novas relações num mundo pós-pandemia

A sigla assemelha-se a um palavrão e os especialistas estimam que poderá dificultar novos relacionamentos.

Beleza

Nem imagina o impacto que uma fronha pode ter na pele do rosto

Parece um detalhe inofensivo, mas pode fazer toda a diferença na condição da tez.

Finanças de A a Z

Animais domésticos: como cuidar bem deles e ainda poupar dinheiro

Este é o tema do novo episódio da rubrica Finanças de A a Z.

Saúde

Entenda a relação entre o stress e a queda de cabelo

Um estudo recente da Universidade de Harvard debruçou-se sobre o tema e, para além disso, encontrou uma substância que poderá estimular o crescimento dos fios.

Moda

5 'looks' perfeitos para um casamento intimista (mas de sonho)

A estilista Elsa Barreto regressa ao segmento nupcial.

Moda

Saiba como escolher (sempre) o modelo perfeito de calças de ganga

Com tantas opções no mercado, é fácil ficarmos confusas.

Moda

Estas cinco combinações de cores são a definição de luxo

Quer dar mais cor ao seu guarda-roupa? Então, inspire-se nestes visuais que encontram equilíbrio em apostas inesperadas.

Moda

Parfois: 10 artigos imperdíveis em promoção

Confira as sugestões que selecionámos.

Saúde

Um beijo, três consequências para a saúde oral

O Dia do Beijo celebra-se anualmente a 13 de abril, e Portugal não foge aos festejos. Aqui ficam três consequências (boas e más) deste gesto de carinho na saúde oral.

Body Shaper

A receita caseira que combate três grandes preocupações estéticas das mulheres

No novo episódio da rubrica Body Shaper, partilho uma massagem que ajuda a eliminar a celulite, a má circulação e a retenção de líquidos.