158757753.jpg

Choreograph

Numa fase de vida em que a auto-imagem é tão importante, “ter de encarar o futuro com borbulhas no rosto”, como cantava Rui Veloso, pode ser bem difícil. “A acne juvenil deve-se à produção excessiva de sebo por parte das glândulas sebáceas, que acontece usualmente na altura da puberdade por influência das hormonas sexuais”, explica a dermatologista Marília Moreira da Fonseca. “Aparecem as primeiras lesões – que poderão ou não evoluir –, os ‘comedões’. Comedão é uma dilatação do canal excretor da glândula sebácea (com dilatação do poro, se for aberto, ou sem poro, se for fechado), onde se acumula o sebo secretado pela glândula. Os comedões abertos são pretos na superfície, pela oxidação do sebo em contacto com o ar. Os fechados, têm tonalidade amarelada e podem complicar-se em lesões de acne.” 
Se a retenção deste excesso de produção sebácea se mantiver, pode ser colonizada por micro-organismos, como estafilococos albus e propionibacterium acnes, habitantes naturais da pele, e levar à inflamação, passando de pápula a nódulo e daí a quisto. 

O que a causa?
“Os fatores para o aparecimento da acne são muito variáveis. A predisposição genética para a desenvolver pode juntar-se a fatores locais. Todo o exercício físico em excesso aumenta a atividade glandular, bem como as temperaturas elevadas”, explica a dermatologista. Alimentos que podem ser alergénicos para algumas pessoas, como o chocolate ou o leite, nem sempre são os verdadeiros culpados no agravamento de um surto. “Podem desencadear surtos brutais em alguns casos e em outros não ter qualquer efeito.” Nas raparigas, a fase pré-menstrual também costuma corresponder a um agravamento de sintomas, por se verificar uma ligeira contração dos poros.
O verão é normalmente aproveitado para os tratamentos naturais. “Os raios ultravioletas diminuem a inflamação da pele; é como se secassem as lesões. À exceção dos casos mais graves com nódulos e quistos, é necessário parar a medicação por que quase toda ela é fotossensível”, explica Marília Moreira da Fonseca. Se os ultravioletas melhoram a acne, os infravermelhos, que transmitem o calor, podem piorá-la. Por isso, nos primeiros dias de praia as lesões podem até agravar, mas melhoram à medida que eles ficam mais bronzeados. “Depois do regresso às aulas, entra de novo em jogo o stresse (sobretudo na altura dos testes e exames), eles passam mais tempo em casa ou dentro de portas e voltam as lesões inflamatórias.”

Cuidados a ter em casa
As peles de tendência acneica “são complicadas”, observa a dermatologista, que nos deixa conselhos de higiene e prevenção. 
– “Baixar a temperatura da água nos duches.”
– “Não utilizar produtos agressivos para a pele e sim de linhas vocacionadas para peles de tendência acneica. Este tipo de peles acumula, diariamente, muita sujidade e excesso de produção a nível cutâneo. Aconselha-se a lavagem com gel lavante, de manhã e diariamente; à noite, uma lavagem com esfoliante, feita de forma suave.”
– “Usar hidratante diariamente, de manhã, que deve ser matificante se a pele for muito oleosa. À noite, a seguir à esfoliação, o creme vai depender do tipo de acne e já entra na linha dos produtos de tratamento.”
– Não espremer as borbulhas.

Como se trata?
O tratamento será indicado em função do tipo de pele, lesões e até do estado de espírito do vida do jovem. “Hoje existem muitas alternativas terapêuticas para a acne juvenil. O tratamento tópico [de aplicação na pele] é eficaz nas acnes mais incipientes mas também pode complementar tratamentos sistémicos, nos casos de lesões mais graves. Os derivados de retinóides vêm à cabeça na primeira linha no tratamento. Existem ainda produtos como ácido glicólico e salicílico, já incorporados em muitas gamas de dermocosmética e de prescrição médica. Podemos ainda usar antibióticos tópicos, que tratam a colonização bacteriana e ainda têm algumas propriedades anti-inflamatórias.”

E a acne nos adultos?
“É muito mais evidente nas mulheres (em mais de 90%) e está habitualmente relacionada com síndromes hormonais, nomeadamente ovários poliquísticos ou quistos nas glândulas suprarrenais (menos comuns)”, diz-nos a dermatologista. “É um tipo de acne mais refratário, com lesões mais complexas e profundas, que se manifestam por nódulos, comedões e quistos de retenção numa zona da face diferente da usual na acne juvenil, na metade inferior da cara e pescoço.” O tratamento pode passar pela terapêutica hormonal antiandrogénica.

Assine a ACTIVA

Deixe-se inspirar, assine a ACTIVA, na sua versão em papel ou digital, a partir de €2,00 a edição. Saiba tudo aqui ASSINAR

Relacionados

Beleza

Empresa portuguesa lança linha de cosméticos à base de leite de burra

A velha receita de beleza está de volta: agora, uma empresa nacional resolveu voltar a pô-la no mapa dos produtos cosméticos. 

Beleza

Maquilhagem: uma ferramenta para uma aparência mais competente ou superficial?

Estudos mais antigos já mostravam que a simetria, também no rosto, é considerada um sinal de beleza e que as pessoas mais bonitas são consideradas mais inteligentes e melhores pessoas (N. Etcoff).

Beleza

Em 15 minutos, por 15 euros, um serviço de cabeleireiro

Para resolver o problema de falta de tempo, surge um serviço que assegura uma mudança de look num quarto de hora!

Beleza

Vídeo: Maquilhagem rápida e fácil para uma saída à noite

Quer fazer uma make up simples para uma saída com as amigas? Veja o vídeo com passo a passo de tudo o que tem que fazer para uma maquilhagem perfeita! 

Mais no portal

#VozActiva

Vera Kolodzig: "É cada vez mais importante vivermos em compaixão"

No Voz ACTIVA deste mês, a nossa protagonista de capa Vera Kolodzig fala sobre a missão de inspirar as pessoas a viverem de uma maneira mais positiva.

Nas Bancas

ACTIVA de outubro: as mulheres que são forças de mudança

A edição deste mês, com Vera Kolodzig na capa, já está nas bancas!

Celebridades

Kate regressa ao trabalho com abordagem fresca à tendência da alfaiataria

Depois de uma pausa de verão, a duquesa de Cambridge retomou os deveres oficiais com uma visita a oficias da Força Aérea Real.

Celebridades

Sofia Vergara celebra o trigésimo aniversário do filho com festa animada

A atriz foi mãe aos 19 anos e Manolo Gonzalez Vergara é o seu único filho.

Celebridades

O motivo para Morgan Freeman usar uma luva na mão esquerda

Muitos pensam que o ator teve a mão amputada ou que se trata de uma afirmação de moda, mas não é o caso.

Celebridades

Os artistas lusófonos que já se apresentaram na plataforma internacional ColorsxStudios

Carolina Deslandes fez manchetes recentemente ao apresentar o novo single "Eco", que homenageia a fadista Amália através do refrão de "Grito", neste palco global.

Saúde

Vírus que ataca plantas de feijão-frade pode proteger os pulmões do cancro metástico

A técnica preveniu, ou pelo menos minimizou, a disseminação de tumores malignos e melanoma em ratos-domésticos.

Moda

Como usar cabedal com estilo e elegância

Com o aproximar da nova temporada, é altura de tirar estas peças da gaveta.

Beleza

Cabelos: conheça as tendências fortes da nova temporada

Dos cortes aos penteados, estas são algumas das apostas fortes para os meses de outono e inverno.

Comportamento

Psicóloga recomenda estratégia de 7 passos para deixar um parceiro controlador

Neste tipo de dinâmica, uma pessoa domina ou participa na intimidação do parceiro. Pode acontecer a qualquer pessoa.

Moda

Ideias de looks casuais que exigem pouco esforço

Inspire-se nestas sugestões!

Beleza

Cabelos espetados nunca mais! Este acessório veio acabar com o problema da eletricidade estática no nosso cabelo

Há um novo acessório para secador de cabelo que elimina o encrespamento