RTX16EZ3.jpg

REUTERS

Engordamos e não sabemos porquê. Soa-lhe familiar? Então o mais provável é que esteja a comer sem se aperceber.

– Porque engordamos sem comer – “Ai eu não como nada, e não páro de engordar!” Quantas vezes não ouvimos já isto? Pior, quantas vezes não o dissemos? Também há o clássico “até a água me engorda.” Problema: a água não engorda ninguém. E se já não cabe nas calças do verão passado, a culpa de certeza que não é da água. Os problemas hormonais não são assim tão comuns.

Então por que é que engordamos se de facto estamos a comer pouco? Resposta óbvia: porque não estamos…

Na maioria das vezes, lembramo-nos daquilo que comemos à refeição: sabemos que ao pequeno almoço comemos uma sandes de fiambre e um café, ao almoço um bifinho grelhado e salada de alface como manda a pirâmide alimentar e ao lanche um iogurte e uma maçã e ao jantar uma sopa e peixinho grelhado. E mesmo assim engordamos! Porquê? Porque o nosso cérebro só regista como ‘comida’ a ‘comida oficial’, ou seja, a que comemos às ditas refeições. Mas, e a outra?

– O que comemos enquanto não comemos – Qual outra? As toneladas de ‘coisinhas’ aparentemente inocentes que devoramos entre as refeições. As bolachinhas, os frutos secos, os inocentes rebuçadinhos. Quantas vezes, enquanto estamos à espera que a sopa aqueça ou que a massa coza, não nos fartamos de depenicar? Como estamos cheias de fome, comemos tudo o que nos apareça à mão, e quanto mais calórico melhor. Às vezes, nós nem sabemos que aquilo é calórico, mas o nosso corpo, intuitivamente, sabe. Nunca nos foge a mão para os brócolos, mas para as nozes ou para as bolachas. Problema adicional: como toda a gente sabe, quando se começa um pacote é difícil descansar enquanto não se lhe vê o fim…

– A culpa é dos leões – Porque é que nos foge a mão para as bolachas e não para os brócolos: é fácil e pré-histórico: a culpa é dos leões. Há muito muito tempo, o importante para qualquer humano que prezasse a sua sobrevivência era consumir o maior número de calorias no menor espaço de tempo, porque nunca se sabia quando vinha aí um mamute atrás de nós pela savana e ia ser preciso fugir sem olhar para trás.

Hoje em dia, já não há leões atrás de nós, nem estamos na savana (enfim, a maioria de nós) mas o nosso corpo continua a funcionar segundo as leis pré-históricas. Problema: não gastamos nem metade do que gastávamos quando o nossos dia era passado a fugir de sermos jantar e/ou a perseguir o jantar.

– Nenhuma bolacha é inocente – Geralmente, não contabilizamos o que bebemos: achamos que isso não é ‘comida’. E no entanto, alguns sumos estão carregados de açúcar, os refrigerantes ainda mais, e depois há o chá e o café, onde deitamos mais um pacotinho de açúcar. Se beber seis cafés por dia e deitar açúcar em todos, são logo seis pacotes diários!

– O que deitamos na comida? – Além disso, também raramente pensamos na forma como preparamos a comida. Não fazemos nada sem o refogado da praxe e quase tudo leva molho. E em vez de pormos apenas duas colheres de sopa de azeite na panela, pegamos na garrafa e vamos deitando em fio… Sabia que o azeite é o alimento mais calórico em todo o mercado, mesmo contando com os chocolates? Devemos consumi-lo diariamente porque é uma gordura saudável, mas, como todas as gorduras, com moderação.

Quanto aos iogurtes, dizem-nos quantas calorias têm por 100 gr. Problema: se reparar, têm todos mais de 100 gr, os líquidos podem mesmo ter quase o dobro. Muitos cereais de pequeno-almoço exortam-nos a consumir menos calorias na alimentação diária, mas não indicam as próprias (o que tem graça…)

– Pão ou bolos? – A maioria das pessoas tem um peconceito contra o pão, mas é melhor comer uma carcaça ou uma sanduiche de fiambre sem manteiga do que um bolo ou bolachas. O pão de padaria não tem gordura acrescentada, ao contrário do pão embalado (comece a ler os rótulos e já fica com uma ideia do que está a comer).

Tudo o que seja embalado, precisa de gordura para conservar ou melhorar o sabor. A maioria das pessoas acha que está em dieta quando desata a comer tostas, quando as tostas podem ter mais gordura que o pâo. Uma carcaça equivale a apenas 4 tostas.

Também achamos que as ‘cream-crackers’ são dietéticas quando cada uma tem 32 calorias. Faça as contas: se comer 5, que se come às vezes quase sem dar por isso, vai ficar com 160. Cada bolacha de água e sal tem 27, mais do que uma bolacha Maria, que é das mais inocentes. Resultado: é preciso meia aula de aeróbica para gastar umas miseráveis cinco bolachinhas… valerá a pena?

– Esqueça os folhados – Tudo o que seja folhado é uma bomba calórica, porque a massa, para folhar, precisa de camadas de manteiga ou margarina. Os ‘palmiers’ são os bolos mais gordurosos, bem como os ‘Mil-Folhas’. Se devorar um Mil-Folhas vai ficar com uma ‘conta bancária’ de calorias tão exagerada que precisa, não de meia, mas de duas aulas de aeróbica para as gastar. Sendo que a maioria das pessoas não faz nenhuma, essa calorias vão-se acumular em gordura.

Um croissant folhado com três fatias de queijo tem 650 calorias, ou seja, o equivalente a 10 fatias de pão de forma com 7 fatias de queijo ‘light’! Os bolos-de-arroz também não são boa ideia. Contrariamente ao que se pensa, os pastéis de nata ainda são os bolos mais inocentes. Mesmo assim, continua a ser mais saudável pedir uma sanduiche…

– Não é preciso tanto – Precisamos de muito menos paras sobreviver do que aquilo que consumimos. Uma mulher com um emprego de secretária e que não faça exercício, precisa de pouco mais do que 1700 calorias por dia (para ter uma ideia, é quase metade dos pratos que geralmente comemos).

– E então, o que é que podemos fazer? – É mais fácil do que parece. Em primeiro lugar, ter a noção do que comemos de facto, e escolher aquilo que queremos mesmo comer. Se é adepta do ‘depenicanço’ antes do jantar, faça chá e vá bebendo enquanto cozinha. Ou então, se come bolachas, tire o arroz e a massa do prato. Se adora rebuçados, pelo menos escolha a versão ‘light’. Não leve o pacote de bolachas para o trabalho: leve uma ou duas doses de cinco. Arranje outras coisas em que pensar que não na comida.

Prefere comer inocentemente sem nada destas contagens? Está no seu direito. Mas depois não diga que engorda e não sabe como…

– Nada como… gastá-las – Se não quer andar a dar caça à caloria escondida, o melhor remédio é mesmo… gastá-las. Aproveite que agui pode gastar à vontade. Vá andar para a rua, corra com o cão, inscreva-se num ginásio ou experimente a zumba.

QUANTAS CALORIAS TEM…

Sendo que, em média, uma mulher precisa de apenas 1700 calorias por dia, em média, veja o peso que estes alimentos têm na sua ‘conta calórica’.

Amendoins (1 pires) – 595 calorias

Nozes (10) – 353

Avelâ (uma) – 19

Azeitonas (10) – 110

Bolacha de água e sal (1) – 27

Cream Cracker (1) – 32

Bolacha Maria (1) – 25

Bolacha recheada (1) – 72

Brigadeiro (1) – 100

Refrigerante de cola (1 copo pequeno) – 78

Croquete (1) – 78

Empadinha (1) – 94

Folhado misto (1) – 738

Tosta (1) – 31

Pão de forma (1 fatia) – 70 calorias

Maionese (1 colher de sopa) – 183

Rebuçado (1) – Entre 18 e 52

Assine a ACTIVA

ASSINE AGORA A REVISTA ACTIVA COM OFERTA ISDIN. DEIXE-SE INSPIRAR. Saiba tudo aqui. ASSINAR

Relacionados

Saúde

Quivi: um superalimento para melhorar o sono?

Uma experiência científica concluiu que comer dois quivis antes de ir para a cama pode ajudar a aumentar a qualidade e quantidade do tempo que passamos a dormir.

Saúde

5 temperos que ajudam o organismo

Descubra as cinco especiarias e ervas aromáticas típicas desta época do ano, que beneficiam o nosso organismo.

Mais no portal

Beleza

A luz azul causa o chamado envelhecimento digital — entenda o que é e como prevenir

Um fenómeno que se caracteriza pelo aparecimento precoce de rugas, linhas de expressão e manchas.

Activa Verde

Ao comprar na C&A, estará a ajudar a plantar árvores

E habilita-se a ganhar uma bicicleta elétrica.

Lifestyle

Participe neste leilão para ajudar animais em risco

Estão há disposição 14 trabalhos de pintura, ilustração, cerâmica, design de moda e joalharia.

Moda

Este casaco está a tornar-se um fenómeno de popularidade

Sem dúvida é uma aposta ganha no que diz respeito a armários cápsula para a nova temporada.

Moda

10 visuais de inverno que estamos prontas para começar a usar agora

Estas combinações fogem ao clássico e, por isso mesmo, são uma lufada de ar fresco.

É só uma sugestão

Tratamento de beleza das estrelas de Hollywood chegou a Portugal - saiba onde fazer!

Disponível no Tivoli Marina Vilamoura e no Tivoli Carvoeiro graças a uma parceria com a marca Natura Bissé. Nós já testámos e contamos como foi a experiência.

Saúde

Bruxismo: 5 causas por detrás deste problema

O que provoca o hábito de ranger os dentes durante o sono e como o contornar.

Lifestyle

5 sugestões para a noite de Halloween

Opções para todas as idades.

Celebridades

Chrissy Teigen revela que ficou "feliz" por ter sido cancelada

Um escândalo de cyberbullying abalou a vida e carreira da modelo no verão passado. Teigen falou sobre o assunto na primeira entrevista televisiva desde o ocorrido.

Celebridades

Kourtney Kardashian e Travis Barker podem vir a ser os reis deste Halloween

Os dois foram as primeiras celebridades a surgirem mascaradas este ano.

Celebridades

Angelina Jolie parece ter eliminado tatuagem sore Brad Pitt

Uma marca que tinha no braço.

Celebridades

Alec Baldwin poderá enfrentar acusações criminais por acidente fatal na rodagem de "Rust"

Na sequência da morte de Halyna Hutchins, a hipótese não foi descartada pelas autoridades.