RTX16SJN.jpg

REUTERS

Originalmente, quando a nossa ligação às estações era mais estreita do que agora, o Inverno significava uma época de realinhamento, aprendizagem, prevenção. Hoje, continua a lembrar-nos a importância de reforçar o nosso sistema imunitário.

1 – Seja um balão de oxigénio – Na medicina chinesa, o Inverno está ligado ao elemento metal, que está relacionado com a energia dos pulmões, a cor branca, o sentimento de tristeza, e o sabor ácido. Solução: traga mais oxigénio à sua vida! Dê ao seu corpo todo o ar livre que puder, leve os seus filhos a passear à praia – o Verão pode já ter passado, mas ela continua lá… -, encha muitos balões e faça uma festa com eles, mexa-se mais, em resumo, ponha mais ar nesses pulmões!

2 – Crie calor – Ainda segundo a terminologia chinesa, o Inverno é a altura do ano em que a energia Yang (o calor do sol) dá lugar à energia Yin (o frio). Resultado: temos de gerar calor para nos protegermos do frio: temos de abrandar o ritmo, manter o espírito tranquilo, e ir para a cama cedo. Soa mesmo à chinês, não soa?

3 – Coma a quente… e a amargo – É altura de aquecer o estômago. Também não é preciso queimar a língua, mas aproveite para cozinhar pratos calmantes e quentes. Também segundo os chineses, que ligavam o Inverno ao sabor ácido, esta é uma boa altura para comer alimentos como pão ázimo, kiwis, azeitonas, alho-francês, vinagre, e limões. O alho também é um forte protetor do sistema imunológico. Problema: para manter as suas propriedades protetoras, não pode ser cozinhado por mais de dois minutos. Enfim, se não vai beijar ninguém nas próximas 24 horas, força. Senão, esqueça o alho e lembre-se que um beijo também é super-imunológico.

4 – Evite as correntes de ar – Já lá diziam as nossas avós, e nisto pelo menos tinham razão. Quando a temperatura no nosso corpo desce, o organismo fica mais sensível. E sabe quais são os pontos mais desprotegidos, as ‘portas’ por onde se é atacada? O pescoço, os pulsos e os tornozelos. Por isso é que o cachecol ou gola alta, as botas e as mangas compridas são nossos aliados. Mas continue a arejar a casa: não há nada pior do que o ar ‘concentrado’ de muitos dias…

5 – Descubra o seu tipo de exercício – Se o seu desporto preferido ainda é o sofá, saiba que há um mundo de possibilidades à sua espera: da concentração do pump à energia da zumba. É impossível não descobrir alguma coisa de que goste. Se já é praticante, dê energia nova ao seu treino. Às vezes, basta comprar um acessório novo. Aproveite os saldos.

6- Deixe o deserto – O ar condicionado que ligamos no carro, em casa, no trabalho afeta os pulmões e a pele, que não se dão bem em desertos: por isso dê-lhes água, sopa, fruta, legumes e creme hidratante. Também pode espalhar uma bruma hidratante no rosto três vezes por dia (custa 5 euros em qualquer perfumaria).

7 – Descubra o maravilhoso mundo do chá – Cá em Portugal chamamos chá a tudo, mas a verdade é que em três letrinhas apenas cabe o gigantesco universo dos chás propriamente ditos – verdes e pretos – e das tisanas – infusões de ervas. Cada um tem as suas qualidades: há os calmantes, os energéticos, os frutados. Uma boa receita para um chá de Inverno: deite umas raspas de gengibre fresco num púcaro de água. Deixe ferver 5 a 10 minutos, junte um pouco de mel e limão, enrole-se no ederdão e sonhe com os anjos (ou com o seu Diabo preferido).

8 – Invente uma receita de tarte de maçã – Já lá vai o tempo em que a alimentação natural se regia pelo que o campo dava nessa altura do ano, mas se quiser ser o mais natural possível, finja que acabou de chegar da colheita. O que é que, se vivessemos no tempo dos nossos trisavós, comeríamos por esta altura? Espinafre e couve-flor, abóbora, cenoura, cebola, batata, maçãs, amêndoas e nozes, todo o tipo de citrinos carregados de vitamina C. Laranjas, limões, toranjas. castanhas. Não é tão exótico que não se possa fazer, pois não?

9 – Proteja-se da… tristeza – Tristeza não são só aquelas depressões em grande quando o pai morreu, o patrão nos despediu ou o amor da nossa vida nos deu com os pés. Quem é que não sentiu pelo menos uma pontinha de ansiedade quando saímos do trabalho e é já noite cerrada? A tristeza pode ser uma séria inimiga do nosso sistema imunitário. Mas segundo os psicólogos, não convém fugir dela ou negá-la, antes ‘integrá-la’ na nossa vida sem deixar que a sua canção de sereia nos destrua. Há uma forma doce de ‘tratar’ esta tristeza: pela nostalgia – resta escolher a sua. Ouça uma música que já não ouvia há 10 anos. Faça um álbum de fotografias antigas. Escreva uma carta de amor (mesmo que não a mande). Também segundo os psicólogos, não convém manter-se neste estado durante muito tempo. Anime-se: planeie já uma viagem para a primavera, por exemplo. E tome vitamina D, que ajuda a lutar contra as depressões de inverno.

10 – Seja um girassol – Isto é que já vai ser mais difícil. Mas cá vai: outro conselho para quem quer resistir ao Outono da melhor maneira é – deite-se ao pôr do sol e levante-se de madrugada. Ou seja, siga o ciclo solar, e adapte o seu corpo aos ritmos do Universo. Soa poético, não é? E zen? O problema é que quem pode levantar-se ao pôr do sol que levante a mão… Veem alguma mão no ar? Enfim, fica o conselho: se puder, siga-o. Se não puder, tente pelo menos cumprir as 8 horas de sono aconselhadas. Se não dorme muito bem, tente evitar os calmantes: nada de acender todos os candeeiros da sala, diminua a luz duas horas antes de dormir, para ajudar o corpo a sincronizar-se. Lembra-se do chá de gengibre? E da carta de amor? Funcionam melhor que muitos calmantes.

11 – Telefone aos amigos – Faça amigos no trabalho, faça amigos no Facebook, faça amigos na fila do supermercado, no ginásio, enquanto passeia o cão… Construa uma rede social de amizades que a protejam do ‘frio afetivo’ do Inverno. Escolha amigos a sério, que a fazem feliz, não umas quantas melgas derrotistas que só lhe ligam para lhe contar como o (sacana do) Armando as deixou pela Sãozinha da contabilidade.

12 – Ponha-se ao fresco – Uma vida ao ar livre costuma ser a grande inimiga de todos os micróbios, por isso não se ponha a dizer que está muito frio para sair de casa, e saia mesmo. Isto costuma ser difícil de fazer sozinha – enfim, pode sempre ir correr para o paredão. Por isso, recrute as crianças – suas ou alheias – e use a sua imaginação. Vá com elas à praia e aproveite o vento do Inverno para fazer voar um papagaio de papel. Ponha um lanche na mochila e parta para um longo passeio a pé. Procure um picadeiro e experimente uma aula a cavalo. Enfim, aproveite para se divertir.

13 – Escolha a melhor roupa – Não sufoque em camadas grossas que não deixam a pele respirar. Use uma t-shirt leve junto ao corpo e depois mais uma ou duas camadas quentes, e é o suficiente.

14 – Ataque com rapidez – Não, não ande à pancada: esteja pronta para atacar com rapidez os princípios de gripe ou constipação. Se se sentir anormalmente arrepiada, tome um banho quente (se tiver algumas gotas de óleo essencial de gerânio é fantástico, mas não é indispensável) e siga para a cama com um saco de água quente. Mantenha o quarto arejado, se necessário com a janela aberta: o que é preciso é não haver correntes de ar. Se necessário, beba apenas líquidos quentes no dia seguinte. Outro remédio caseiro é chá de mirtilo: se tiver compota, deite uma colher numa chávena e junte água quente. Se tiver a garganta ‘apanhada’, gargareje com água salgada. Cuidado para não engolir.

15 – Descubra o Chakra do Palhaço – Já se está a rir? Mas é verdade: os investigadores descobriram que o riso tem um efeito benéfico em todo o corpo: reduz as hormonas ligadas ao stresse (a adrenalina e o cortisol) e aumenta a actividade do sistema imunológico libertando endorfinas, os químicos responsáveis pela nossa sensação de bem-estar. Além disso, limpam o ar dos pulmões (cá estamos outra vez) e fazem-nos sentir mais relaxadas. Os mais dedicados às matérias zen até já escobriram um novo chakra: é um ponto de energia entre o coração e a garganta, chamado ‘o Chakra do Palhaço’ – se alguém se sente infeliz, se a vida afectiva está de rastos, se já acorda com cara de caso, é sinal que o chakra do palhaço está fechado. Por isso, pratique a arte do riso. Ria-se de si própria, das anedotas que lhe mandam por mail, das asneiras dos seus filhos, das fotos no Facebook, da vida. Os seus pulmões agradecem-lhe. A sua alma também.

A campanha BLACK FRIDAY já começou

Até 28 de novembro, usufrua de descontos fantásticos nas suas revistas favoritas. Aproveite já esta promoção com descontos até 67%. ASSINAR

Mais no portal

Beleza

8 tendências de beleza simples para quem detesta maquilhar-se no inverno

Sejamos sinceras: as temperaturas baixas dão uma certa preguiça.

É só uma sugestão

12 filmes que são (quase) imperdíveis no Natal

O advento começa no dia 28. Significa isto que já podemos entrar oficialmente no espírito natalício, certo? Para o fazer, recomendo 12 dos filmes que mais gosto de rever nesta altura do ano.

Saúde

O que acontece no corpo após um mês sem álcool?

Eis o que aconteceria se aceitasse o desafio de passar 30 dias sem ingerir nenhum tipo de bebida alcoólica.

Comportamento

5 coisas que os julgamentos que fazemos dos outros dizem sobre nós

De acordo com uma psicóloga.

BeYoga

BeYoga: "Surya Namaskar", a Saudação Ao Sol

A Saudação ao Sol é um ritual, uma oração que fazemos com o corpo para saudar ao Sol. Não só ao Sol físico, que gera a vida no nosso planeta, mas também ao nosso Sol interior, a nossa Luz.

Moda

Eis a inspiração de que precisa para apostar em visuais monocromáticos no inverno

Usar peças separadas da mesma cor forma looks inegavelmente elegantes — e aqui está a prova.

Comportamento

As mulheres usam estas técnicas específicas para terem mais prazer durante o sexo

Um estudo recente pretende disponibilizar uma linguagem clara e que empodere as mulheres para tornarem o ato sexual mais satisfatório.

Comportamento

O maior preditor da felicidade numa relação pode não ser o que pensa

Estudo teve resultados inesperados - e bastante esclarecedores.

Moda

Black Friday: 10 artigos Bershka que vale a pena aproveitar

Desde vestidos a sapatilhas.

Moda

A Zara aderiu à Black Friday com descontos generosos — eis o nosso top 10

A marca está a oferecer menos 40% em artigos selecionados.

Moda

Mango e H&M: compras que valem a pena nesta Black Friday

Em dias como este, em que há inúmeras promoções, é importante não comprar por impulso e pensar naquilo de que realmente precisa.