GettyImages-960096296.jpg

WPA Pool

Desde os contos de fadas, à vida real, um casamento é sempre oficializado com um beijo apaixonado do casal. Contudo, parece que nas famílias reais, as normas são outras. E prova disso foi o casamento de Harry e Meghan, no passado dia 19 de maio, que não viu tal troca de carinhos entre os noivos, após o “Sim“, dentro da capela de St. George.

Ora, na realeza, o beijo entre os recém-casados não deve acontecer dentro da igreja, pelo que os duques de Sussex mantiveram os espectadores ansiosos, à espera do grande momento. O beijo veio a acontecer quando estes saíam da capela, num registo que ficará para sempre na memória de milhares.

Tanto William e Kate, como Diana e Carlos cumpriram a mesma tradição, que já vem de há muitos anos. “Muitos consideram a igreja um local sagrado, pelo que não se beijam lá como forma de respeito, mas há vigários que perguntam ao casal se quer beijar-se“, esclarece Myka Meier, fundadora da Beaumont Etiquette, à revista People.

Palavras-chave

Relacionados

Moda

Os melhores 'looks' pré-mamã de Meghan

Não usou ainda uma única peça especifica para grávidas, mas tem enc...

Celebridades

O que se passou na reunião privada entre Meghan e Michelle Obama?

As duas estiveram juntas em Londres, durante a apresentação do livr...

Celebridades

Estes são os 5 casamentos mais românticos de 2018

Diversas celebridades e figuras da realeza deram o nó ao longo dest...

Mais no portal