Nas redes sociais, cresce um movimento que se apresenta como #FreeBritney. Trata-se de uma mobilização provocada por fãs de Britney Spears, 38 anos, que pretendem ajudar a cantora através da exposição realidade em que vive. Afinal, e apesar de ter gerado cerca de 120 milhões de euros só no ano passado, a artista não tem liberdade, pessoal ou econónica. E a situação não é de agora.

O grupo que lidera este movimento assegura que Britney Spears viu a liberdade ser restriste desde o início da carreira. Quando começou na Disney, a artista terá sido “obrigada” a alterar a voz por cantar de uma forma demasiado idêntica à de Christina Aguilera, por exemplo. Mais tarde, com a fama, a cantora viveu momentos complicados, muito devido ao assédio da imprensa. Mas o pior aconteceu após o divórcio, em 2007, e a regulação da guarda dos dois filhos, Jayden e Sean.

Nessa altura, a cantora passou por um estado debilitado no que toca à saúde mental.  Chegou a cometer atos que fizeram correr muita tinta, tais como rapar o cabelo ou ir às compras nua. Fui neste momento que o pai de Britney decidiu intervir. Jamie Spears solicitou a tutela temporarária da filha. Desde então, a artista não tem liberdade para tomar simples decisões que fazem parte da vida de qualquer pessoa adulta. 

Construiu uma carreira que lhe rendeu centenas de milhões de euros, mas tem de pedir permissão para gastar dinheiro, conduzir um carro, dar um passeio, casar ou ter mais filhos. A cantora pagará cerca de 85 mil euros mensais ao pai, para gerir a sua vida, ficando com cerca de 5 mil euros mensais para despesas pessoais. 

Pelo menos é isso que o movimento #FreeBritney alega. Agora, estas pessoas, entre as quais se encontra a própria mãe de Britney, Lynne Spears, querem sensibilizar para realidade da artista. Querem provar que a cantora recuperou, sendo o seu trabalho na música e enquanto jurada do programa “X Factor” prova disso. Pede-se que a tutela da princesa da pop seja revista de forma a que esta consiga liberdade. 

Já nas redes sociais, Britney Spears tem por hábito mostrar-se em casa a dançar. Veja um desses momentos no vídeo.

Palavras-chave

Mais no portal

Moda

10 artigos da Zara que vão arrasar em qualquer destino de férias

Estes visuais prontos a usar prometem fazer furor nos seus dias de descanso.

Comportamento

Como lidar com a frustração sexual?

Existem várias causas para a insatisfação com a vida íntima, que pode afetar a qualidade de vida em geral.

Moda

Saiba como fazer uma mala de férias sem complicações

No episódio de hoje da rubrica Imagem de Sucesso, deixo algumas dicas para escolher os derradeiros essenciais de viagem.

Moda

Encontrámos as Havaianas perfeitas para dar brilho ao verão

Se é fã da famosa marca brasileira e gosta de dar um toque de brilho a tudo o que faz, vai delirar com esta novidade.

Lifestyle

6 dicas para viajar de carro tranquilamente com crianças

"Estou com fome! Quanto chegamos? Preciso de fazer xixi!" Viajar com crianças durante um longo período de tempo pode ser um verdadeiro pesadelo.

Beleza e Saúde

Afinal, o que é uma "depressão de baixo grau"?

Recentemente, Michelle Obama fez um desabafo sobre a sua saúde mental. Entenda o que se passa com a antiga Primeira-dama dos Estados Unidos.

Celebridades

Michelle Obama admite que sofre de uma "depressão de baixo grau"

A pandemia aliada a todo o clima de tensão que se vive nos Estados Unidos afetou a saúde mental da antiga Primeira-dama do país.

Celebridades

Daisy Coleman, de documentário da Netflix sobre abuso sexual, morre aos 23 anos

O caso da jovem, que se tornou uma defensora das vítimas de violação, é retratado numa série documental do serviço de streaming.

Lifestyle

Estes podem ser os motivos para continuarmos a ver filmes para adolescentes

Sim, tenho mais de 30 anos e por vezes vejo (e revejo) filmes com histórias para adolescentes. Mas sei que não sou a única!

Celebridades

O interior do frigorífico de Selena Gomez revela muito sobre a cantora

A estrela norte-americana mostrou o que armazena neste eletrodoméstico, bem como no congelador.

Beleza e Saúde

5 produtos de skincare que testei há um ano e agora fazem parte da minha rotina

O mais barato custa menos de 3 euros.

Moda

Criei 5 visuais diferentes com uma peça de roupa que todas temos no roupeiro

Por vezes - e falo por experiência própria -, só precisamos de um pouco de originalidade para não nos cansarmos daquilo que vestimos.

€2,95 por edição 20% desconto  

Assine já!

Papel