5 bons hábitos para os adolescentes

Stress, ansiedade, dúvidas existenciais… Quem não se lembra de como é ser adolescente? Mas com um pequeno estímulo da sua parte, eles podem adquirir hábitos e competências que lhes facilitam a vida, agora e nos anos futuros!



1. Permita-lhe descobrir a ‘sua’ maneira de estudar



A qualidade principal de um bom aluno: ler, ler, ler. Claro que isto não se treina em adolescente, começa em bebé, mesmo antes de ele saber ler. Mas mesmo quem não é um leitor voraz pode aprender a tirar o melhor partido das suas qualidades. Nem toda a gente estuda da mesma maneira, mas, geralmente, todos estudamos melhor com a televisão apagada, a uma hora certa e com o Messenger desligado… Aspectos que devem ser lembrados, tanto mais que esta é a idade crítica, em que a novidade de saber mais já desapareceu e a necessidade de lutar por uma carreira ainda vem longe e, por isso, pode ser preciso motivação extra. Por outro lado, não exagere: de vez em quando deixe-o sair de casa, jogar à bola e esquecer que a escola existe.



2.Faço-o compreender que dormir não é uma perda de tempo



Os adolescentes, descobriu um estudo das Universidades Americanas de Brown e Stanford, vivem uma contradição na hora de deitar: o seu relógio biológico mantém-nos alerta e o seu corpo exige-lhes mais horas de sono (mais ou menos 9 horas e meia por noite) do que aquelas que dormem. Resultado: andam a cair de sono… Os investigadores recomendam ar livre, bastante desporto, pouca luz e barulho antes de dormir e hora de deitar por volta das 10… Se conseguir isto, é uma heroína.



3. Ensine-o a comer de tudo



Os adolescentes estão especialmente vulneráveis a maus hábitos alimentares, uma vez que têm mais controlo sobre aquilo que comem fora de casa. "Vivemos num ambiente alimentar tóxico," afirma a nutricionista canadiana Leslie Beck, autora do livro ‘Healthy Eating Habits for Preteens and Teens’ (‘Hábitos Alimentares Saudáveis para Pré-Adolescentes e Adolescentes’). "Temos acesso a alimentos processados, com gorduras e açúcares, todos directamente publicitados para adolescentes". Mas ainda há esperança: "Os pais continuam a ter um papel importante na educação alimentar." Não podemos controlar o que comem na escola, mas podemos controlar o que comem em casa, oferecendo-lhes uma alimentação variada e rica em frutas e verduras.



4.Alerte a sua filha para que não aceite boleia de namorados alcoolizados



O principal’ assassino’ de raparigas não é nem a droga nem os psicopatas: são os namorados ao volante. Foi a conclusão do jornal inglês ‘Times’ e o perigo é tanto que os ingleses já fizeram uma campanha televisiva para alertar os jovens. ‘Não deixem que eles vos levem a casa’, aconselha a polícia. Todos os rapazes entre os 18 e os 20 se sentem imortais! Por isso, se tem filhas, é melhor ir buscá-las, dar-lhes dinheiro para um táxi, ou, se elas têm mais de 18 anos, dar-lhes a carta… É que o estudo também concluiu que as raparigas são muito mais responsáveis ao volante.



5. Ajude-o a tornar-se um bom gestor do seu dinheiro



Ganhar dinheiro dá aos adolescentes um sentimento de responsabilidade e auto-estima, concluiu a investigadora e economista americana Jeanette Tucker. Tomar conta de crianças, lavar o carro, dar explicações, descubra com eles o que podem fazer. Vá com o seu filho abrir-lhe uma conta no banco, explique-lhe como funciona e, em vez de lhe pagar tudo de mão beijada, habitue-o a saber como o mundo funciona, como se paga uma conta, quanto custa uma ligação à Internet.

Mais no portal

Diz Quem Sabe

Tudo o que precisa de saber sobre a reabilitação oncológica

Um artigo de opinião assinado pelo médico Énio Pestana, do Hospital CUF Cascais, sobre este tipo de cuidados.

Beleza

Conheça as grandes vantagens dos champôs sólidos

Preparámos também uma lista de produtos que pode incluir na sua rotina de cuidados capilares.

Nas Bancas

Como salvar as suas plantas

Na ACTIVA Verde, já em banca, os conselhos para escolher e cuidar das suas plantas.

Nas Bancas

Este casal mostra-nos como é viver "fora da rede"

Uma casa de madeira foi o início da mudança.

Nas Bancas

Receitas (de chef): desperdício zero

Sabia que está a deitar fora uma das melhores partes dos seus legumes?

Comportamento

A sustentabilidade chegou ao sexo

Conheça quatro formas de ajudar a salvar o planeta entre quatro paredes.

Moda

7 coleções que mostram que a moda sustentável é o estilo do futuro (a começar agora)

Coleções sustentáveis que são um “must-have” para receber o calor

Saúde

Experimentei um copo menstrual pela primeira vez - e foi assim que correu

Nunca é tarde para tomar uma decisão com impacto positivo no ambiente.

Beleza

Saiba como criar uma rotina de beleza mais sustentável

Pequenas mudanças de hábitos podem fazer uma grande diferença no compromisso com a sustentabilidade.

Lifestyle

Faça você mesma: receitas de detergentes ecológicos

Para além destas seis sugestões, partilhamos outros truques que podem ajudar o lar a ser mais "eco-friendly".

Nas Bancas

Activa Verde: é urgente mudar o futuro

Nas bancas!

Saúde

Como qualquer músculo, o cérebro tem de ser trabalhado: Sandra Martins explica-nos como

É possível ter um cérebro à prova de cansaço