Nós revelamos quais os melhores dias para ter mais prazer no sexo!


Dias mais propensos ao sexo? Não é absurdo, é hormonal. Obviamente que o desejo não é determinado unicamente por factores neuroquímicos mas estes influenciam o organismo e quanto melhor os conhecer, mais facilmente pode usar o ciclo sexual a seu favor.



O ciclo hormonal das mulheres influencia o seu estado de espírito ao longo do mês, nomeadamente o desejo sexual. Este facto parece estar relacionado com as necessidades de procriação da espécie já que o desejo aumenta por volta do 14.º dia, após o início do período menstrual (o meio do ciclo para as mulheres que têm um ciclo de 28 dias), que é exactamente quando ocorre a ovulação.



A explicação científica é que este fenómeno parece ocorrer para facilitar a gravidez, pois coincide com a altura em que a mulher está mais fértil. É nesse momento que a testosterona e o estrogénio aumentam contribuindo para intensificar o interesse sexual.



Mas não é só nesta altura que as hormonas têm o efeito de estimular o interesse pelo sexo oposto. Algumas mulheres podem ter um pico de desejo sexual no período pré-menstrual (imediatamente antes da menstruação) e outras durante a menstruação. Mesmo na menopausa, quando a actividade hormonal cessa, é possível sentir o desejo sexual aumentar, o que pode ser devido a factores psicológicos, por a mulher já não sentir receio de engravidar, por exemplo. Estas variantes tornam o tema complexo e nem sempre é fácil distinguir os factores biológicos dos psicológicos.



De manhã é que começa o dia

Se já acordou estremunhada com o seu parceiro cheio de vontade de ter sexo saiba que há razões biológicas para o fenómeno. Os níveis de testosterona (a hormona sexual masculina) são mais altos de manhã o que faz com que esta seja altura propícia para o sexo. Se homens e mulheres tivessem de coordenar horários biológicos, o ideal seria fazer amor pela manhã durante os dias da ovulação. Claro que isto iria limitar muito as respectivas agendas (além de ser restritivo e pouco espontâneo), e obviamente o desejo pode ser actualizado em alturas que não correspondam a picos hormonais. Afinal, o amor, como o Natal, é quando um homem e uma mulher quiserem. De qualquer modo, não custa apontar na agenda…





A (má) influência da pílula

É verdade que este anticoncepcional permite-nos desfrutar de uma vida sexual sem a preocupação de ficarmos grávidas, mas há um lado negativo (e perverso): podem afectar o desejo sexual.



Os efeitos da pílula na libido feminina são controversos e variam de pessoa para pessoa, mas é inegável que a acção das hormonas presentes nos anticoncepcionais tem, pelo menos teoricamente, o efeito de diminuir o impulso sexual nas mulheres devido à acção do estrogénio. Apesar desta hormona aumentar a lubrificação vaginal, é responsável pela produção de uma proteína denominada SHBG que reduz a quantidade de testosterona livre no sangue. E como esta é a hormona responsável pelo impulso sexual, a sua diminuição na corrente sanguínea significa que o desejo é menor.



E como se não bastasse, as pílulas costumam ainda ter a progesterona, uma hormona importante na gravidez mas que causa sonolência e perda de libido.



Mas nem tudo está perdido, algumas pílulas, no entanto, têm uma fórmula de progesterona que se assemelha à testosterona pelo que podem melhorar a libido.







ABC das hormonas

Eis algumas das hormonas que podem interferir na libido:



Estrogénio: é a hormona sexual feminina responsável pelas formas femininas, a pele brilhante e a lubrificação vaginal.



Endorfinas: são as chamadas hormonas do prazer que dão uma sensação de bem-estar e protegem da dor.


Testosterona: a hormona sexual predominante nos homens (mas também existente nas mulheres) aumenta o desejo sexual, influencia a agressividade e competitividade.
Dopamina: aumenta o impulso sexual em ambos os sexos e pode facilitar o orgasmo, embora nos homens também possa provocar ejaculação precoce



Fenietilamina: estimula o nosso lado apaixonado e romântico



Progesterona: reduz a testosterona e portanto reduz o impulso sexual, a mulher tende a ficar mais maternal, menos sensual e mais companheira



Prolactina: hormona estimulada na gravidez e na amamentação, reduz o impulso sexual das mulheres. Homens que tenham níveis muito altos dessa hormona também podem perder o desejo e ter quadros de impotência







Palavras-chave

Assine uma destas revistas e escolha um presente grátis. Estadas em hotéis, produtos de beleza e muitos outros. Aproveite. Assine aqui

Relacionados

Lifestyle

Qual é o signo que tem mais a ver consigo: Carneiro

Saiba qual é a atitude perante o sexo típica do seu signo e quais os melhores parceiros!

Comportamento

Testemunhos: os homens contam-nos que odeiam na cama

Na primeira pessoa, cinco homens confessam aquilo que mais detestam quando o assunto é sexo. Curiosa?

Comportamento

Sexo: "Porque não chego ao orgasmo?"

A psicóloga Sónia Parreira explica porque algumas mulheres não conseguem atingir o orgasmo.

Comportamento

A cada idade o seu prazer: aos 40 anos

Quando se entra nesta etapa, conhecemos melhor o nosso corpo e a forma de obter prazer. Mas pode ir ainda mais longe.

Comportamento

A cada idade o seu prazer: aos 30

Aos 30 anos está mais segura, mas esta é também uma altura de mudança. Saiba como desfrutar da sua sexualidade em pleno.

Comportamento

A cada idade o seu prazer: aos 20 anos

Tirar o máximo proveito do sexo em qualquer idade, experimentar as suas fantasias sexuais e dominar a etiqueta sexual são formas de superar tabus e aceitar, em pleno, o prazer do seu corpo.

Comportamento

O que é normal quando falamos de sexo?

Falhar um orgasmo em simultâneo, não chegar sequer a ter um ou recorrer à masturbação, são factos frequentes no amor. Tire as suas dúvidas e perceba que, afinal, não há nada de errado com a sua relação.

Comportamento

Casal: quebre a monotonia na cama

O desejo sexual é um ingrediente essencial para uma vida feliz a dois. O tempo desgasta-o, mas não desista: é possível trazer de volta o sexo à sua relação.

Comportamento

Sexo: Fantasia não é pecado

Imaginarem ser quem quiserem na cama é uma boa forma de se libertarem e terem mais prazer, sem em que nada ameace a intimidade do casal.

Comportamento

Como ter mais e melhor sexo!

Seja individualista no que se refere ao sexo. Não, não é só pensar no seu prazer, mas criar a sua própria forma de estar

Comportamento

5 jogos atrevidos para fazer a dois

Tente perder as inibições, esquecer o stresse do trabalho e não pense nos seus afazeres. Concentre-se, em exclusivo, no seu prazer.

Comportamento

Devemos ter sexo no primeiro encontro?

Será que um homem aprecia tanto a conquista, que se uma mulher 'cede' demasiado rápido, perde o interesse? Ou será que, pelo contrário, se o encontro até corre bem, acha uma hipocrisia da nossa parte quando se adia o inevitável?

Comportamento

Ideias para levar qualquer homem à loucura

Gosta de experimentar novos desafios, que estilhaçam a rotina, no que se refere a sexo? Então, inspire-se nas nossas ideias

Comportamento

5 ideias para quebrar a monotonia sexual

No universo do sexo, nem tudo foi explorado ou inventado. Há sempre coisas novas destinadas aos casais que desejam sair da rotina.

Comportamento

Os mitos do sexo anal

Afinal, o sexo anal dá ou não prazer à mulher? Quais os cuidados a ter? E as melhores posições?

Mais no portal

Celebridades

Princesa Diana terá feito pergunta que não agradou a Isabel II

Saiba de que se tratou!

Saúde

Esta especiaria parece ajudar a controlar a diabetes

E é consumida por muitos de nós!

Lifestyle

5 dicas para "desligar" quando está em teletrabalho

Por vezes, trabalhar em casa torna difícil estabelecer limites. Saiba como dar a volta ao problema.

Moda

É super fácil recriar estas fórmulas de visuais primaveris

Sim, já estamos a pensar na chegada dos dias mais quentes.

Celebridades

Chegou ao fim o casamento de Jason Momoa e Lisa Bonet

Após 16 anos.

Beleza

É assim que devemos aplicar o creme no rosto

Dermatologista alerta para um erro que cometemos frequentemente.

Pera Doce

Fizemos um 'Vampire Facial' para descobrir se as celebridades sabem ou não o que andam a fazer

E sim, parece que sabem!

Moda

Sofisticação e conforto: a Zara tem as calças perfeitas em saldos

Inspire-se com estas sugestões.

Comportamento

Como explicar aos mais novos o que é uma relação saudável

O psicólogo Richard Weissbourd afirma que devemos preparar as crianças para o amor, não só para o trabalho.

Beleza

10 ideias de styling para rabos-de-cavalo altos

Seja desgrenhado e solto ou apertado e elegante, este é o penteado perfeito para experimentar em qualquer ocasião.

Comportamento

8 sinais de que existe negligência emocional num relacionamento

De acordo com uma psicóloga.

Saúde

Com que frequência se deve dar banho a um recém-nascido?

Descubra ainda qual a altura ideal para o primeiro banho.