Casal.jpg

Urilux

Patrick, Cabeleireiro

As mulheres não conseguem dizer aos homens como se arranjarem, porque eles são muito críticos. Ou então desculpam-se com um ‘Ai o meu marido não gosta que eu use o cabelo curto’. Portanto, o meu conselho é que não se usem um ao outro como desculpa. Recentemente houve um retrocesso, é muito estranho: os homens mais novos são muito ditatoriais com elas. Em contrapartida, elas são incapazes de lhes dizer para se arranjarem mais… E deviam. Um conselho para elas: não deixem de se arranjar! As mulheres estão a aproveitar-se da crise para se desleixarem… E não é por falta de dinheiro: a falta de dinheiro não justifica usar leggings quando se tem celulite. Ou calçar aquelas botas de licra que se usaram há uns tempos… Estive quase a contratar um exorcista para livrar o mundo daquilo (risos). Portanto,não facilitem e não usem a crise como desculpa, porque o mundo não está fácil para as mulheres.

Inês Basek, proprietária de loja de lingerie*

Os homens continuam a comprar lingerie para as mulheres. O nosso conselho para os homens: levem a mulher… (risos). Eles não fazem a mínima ideia do que escolher. Dizem: ‘Ai o peito dela é mais ou menos como o seu…’ e não tem nada a ver. O nosso conselho para as mulheres: tenha o peito no sítio. Há mulheres que têm o peito descaído e acham que não há nada a fazer. Mas não têm de aceitar isso, há soutiens que levantam o peito e são sexy e divertidos. Outro conselho: seja mais original na escolha da lingerie. Se de manhã vestimos uma lingerie bonita, temos logo um dia melhor só pelo facto de termos um soutien cor-de-rosa… E os homens reparam muito. Elas dizem: ‘Ai o meu marido não liga nada ao que eu visto…’ Claro que não liga nada,  se o coitado vê sempre a mesma coisa… (risos).

* ‘Dama de Copas’

PAULA ALMEIDA, Agente imobiliária*

O meu conselho a um casal que vá comprar casa é que pensem no futuro e façam um bom negócio. Ou seja: não comprem uma casa para a vida, não vão à procura da casa dos vossos sonhos, da casa ideal. Procurem uma casa que seja acima de tudo um bom investimento. Daqui a algum tempo, podem ter de a vender ou arrendar. Há uns tempos, pensávamos em divórcio. Hoje em dia, temos muito mais situações de pessoas deslocadas para o estrangeiro. Claro que mulheres e homens continuam a querer coisas diferentes, e as exigências também mudam consoante a etapa da vida. Em geral, as mulheres são muito mais práticas, querem uma boa cozinha, locais de arrumação, e preferem ficar perto dos pais. Os homens querem boas garagens. Mas a decisão final continua a ser das mulheres.

*Imobiliária Veigas

MIGUEL MARQUES, Barman

Vai sair à noite? O meu conselho é: perceba primeiro o que quer nessa ocasião. Se é apenas um ‘one-night stand’ duvido que exista muita preocupação em saber quem tem pela frente, desde que seja bonito e tenha dois dedos de conversa. Mas se a intenção é conhecer o homem da sua vida, então é bom que tire férias pois isso poderá não acontecer na primeira noite. É óbvio que se estiver perante um psicopata, será difícil perceber que o homem é um perigoso predador. Mas se o homem for apenas um engatatão duvido que a mulher, ao fim de uma hora, já não o tenha entendido. Os homens decentes provavelmente não irão além da troca de um telefone ou de um convite a outro qualquer bar.

PEDRO CORREIA, Bancário

Descubra com quem está, financeiramente. Antes de partilhar contas, convém chegar a uma ideia concreta de quem temos ao lado. Existem sinais óbvios, tais como os contínuos esquecimentos da carteira em casa, cartões expirados ou com outro tipo de anomalias na altura do pagamento. É importante distinguir se esse alguém é trafulha ou ‘apenas’ descontrolado nos gastos. Nada como umas boas semanas em modo controladora para perceber qual o futuro que a aguarda, embora a paixão possa criar uma cegueira temporária e que deverá ter em conta se não quer surpresas desagradáveis. Numa relação saudável, é o momento que define quem paga a conta ou se deve ser partilhada.Quanto ao pagamento de contas, poderá abrir-se uma para o casal para onde são direcionadas todas as despesas, nomeadamente as mais importantes.

MARIA SANTOS, Agente de viagens

Não se fiquem pelos programas batidos: experimentem um programa a dois completamente diferente. Sugiro um ‘donkey trekking by the moon’ com cesta de piquenique gourmet, incluindo moet et chandon. Que poderá ser mais romântico do que nós os dois e um burro? Recomendamos ainda a vista da Albergaria Senhora do Monte, em Lisboa, ou do CS Vintage, no Pinhão. Dica: quando fizerem a marcação de férias, relembrem o hotel que precisam de uma cama ‘king size’ e avisem ainda que vão celebrar o vosso aniversário de casamento… Por norma, oferecem fruta e espumante no quarto à chegada!

PATRÍCIA REIS, Vendedora de bijuteria*

Os homens são um cliente muito fácil: são influenciáveis e aceitam bem sugestões, o que muitas vezes faz com que gastem mais do que inicialmente estipularam. O meu conselho para eles: surpreendam as mulheres e não sejam forretas. Todas as mulheres gostam de uma surpresa, de um mimo, e os homens não devem ter medo de arriscar. Lembro-me de uma situação no Natal. Um senhor queria levar uns brincos de 50€, mas eu queria que ele levasse os que custavam 100€. Dei-me por vencida, mas fiz um comentário do género, ‘Então leve esses e depois não se venha queixar de que a sua mulher o trocou por um homem mais generoso!’

O senhor levou os de 100€ e contou a todas as minhas colegas da loja que eu tinha feito pressão psicológica! Foi engraçado, mas temos que ter noção da forma como dizemos as coisas e perceber se o cliente vai aceitar bem as nossas brincadeiras.

*Pedra Dura

ISABEL FREITAS, Fisioterapeuta

O meu conselho principal é: esteja mais em sintonia com o seu corpo. Se não damos importância ao nosso corpo, o corpo de quem amamos também não é valorizado, e por isso não é bem tratado! Portanto, para casais felizes, corpos felizes e tranquilos. Hoje em dia ainda se pensa que a fisioterapia está apenas indicada para uma situação de doença. No entanto, deveria ter um lugar especial na nossa vida, tal como a visita ao médico de família, pelo menos uma vez por ano. A mulher é mais recetiva à massagem mas demora mais a decidir, porque tem menos tempo e vai por iniciativa própria. O homem só vai se 100 pessoas lhe disserem que os benefícios são maiores que os custos. Conclusão: invista no conhecimento do seu corpo pois só assim lhe podemos dar ouvidos e senti-lo para reagir e amar!

JAIME COSTA, Empregado de mesa

Uma saída a dois numas férias deve ser super-romântica. O meu conselho é: aproveitem as férias para colocarem em prática tudo o que não puderam fazer noutras alturas do ano. Aquela fantasia sexual, dormir ao relento numa praia, dançar até caírem na pista de dança, massagens, tudo são hipóteses apetecíveis.  As férias são também um excelente momento para fazerem uma análise do ano que passou e quais os objetivos para o próximo. Acabará por ser um bom assunto para falarem num jantar romântico. Embora lugar-comum, é sempre agradável trocar brilhozinhos nos olhos à luz de velas.

Relacionados

Comportamento

Poliamor: Como é viver o amor a três, a quatro...

E porque não a cinco? O movimento do poliamor resgata cada vez mais homens e mulheres a uma monogamia que dizem castradora. Descobrimos 3 histórias com um final em aberto... mas felizes.

Comportamento

Homens divorciados fingem mais orgasmos, diz sondagem

Numa pesquisa online, 25% dos homens admitiu tê-lo já feito. Cai por terra um velho mito associado às mulheres...

Comportamento

Inquérito revela que uma pessoa em sete não está com o amor da sua vida

Se acha que ainda não encontrou a alma gémea, não está só: há por aí muita gente que não vive com o seu verdadeiro amor.

Comportamento

Crónica: Há homens que são eternos meninos

A gíria 'és um menino!' aplica-se a muitos espécimes que conheço, com idade para ter juízo e usar 'as calças compridas'

Mais no portal

Imagem de Sucesso

As regras de estilo para escolher "looks" mais frescos sem descurar a elegância

Este é o tema do novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso.

Diz Quem Sabe

Ervilha amarela: uma nova alternativa aos alimentos de origem animal?

Um artigo de opinião assinado pela nutricionista Ana Leonor Perdigão.

Diz Quem Sabe

Tudo o que precisa de saber sobre a reabilitação oncológica

Um artigo de opinião assinado pelo médico Énio Pestana, do Hospital CUF Cascais, sobre este tipo de cuidados.

Saúde

Podcast: Sandra Gomes Silva responde às nossas questões sobre vegetarianismo

Os prós e os contras de um tipo de alimentação que leva em conta preocupações éticas e ambientais. Afinal, precisamos mesmo da carne para sermos saudáveis?

Saúde

O vegetarianismo melhora a vida sexual? Eis o que diz a Ciência

Não podemos subestimar o poder de uma dieta à base de plantas.

Mulheres Inspiradoras

Tem mesmo de conhecer estas ambientalistas portuguesas

Aqui ficam alguns exemplos de mulheres que renovam diariamente o compromisso de conservação e preservação ambiental.

Beleza

Conheça as grandes vantagens dos champôs sólidos

Preparámos também uma lista de produtos que pode incluir na sua rotina de cuidados capilares.

Nas Bancas

Como salvar as suas plantas

Na ACTIVA Verde, já em banca, os conselhos para escolher e cuidar das suas plantas.

Nas Bancas

Este casal mostra-nos como é viver "fora da rede"

Uma casa de madeira foi o início da mudança.

Nas Bancas

Receitas (de chef): desperdício zero

Sabia que está a deitar fora uma das melhores partes dos seus legumes?

Comportamento

A sustentabilidade chegou ao sexo

Conheça quatro formas de ajudar a salvar o planeta entre quatro paredes.