casal

casal

Thinkstock

Nasceram um para o outro ou é só fogo de palha? Acha que vai ficar com ele até ao fim da vida ou até ao próximo fim de semana? Saiba se ele tem todo o ar de quem é a escolha acertada ou não.

Sinais de que ele é um potencial sapo

  • Em vez de olhar para si, ele esvoaça os olhitos pelos quatro cantos da sala como se estivesse à procura de uma mosca que lhe fugiu ou à espera de outra pessoa.
  • Fala dele próprio incessantemente, ou, pior, das ex, ou, ainda pior, de assuntos que a põem automaticamente a ressonar. Se ele é um fanático por carros, motas ou dinheiro, e você prefere conversar sobre o último filme do Jacques Rivette, é melhor procurar outra pessoa.
  • A sua melhor amiga não o suporta. A culpa pode ser dela, mas geralmente as melhores amigas têm um faro apurado para aquilo que nos convém ou não.
  • Ele pergunta: “Vais comer isso tudo?” só porque você não encheu o prato de croquetes (é suposto ser uma piada).
  • Ficam imenso tempo calados e depois ele dá um enoooooorme suspiro. (Console-se: um enorme arroto era pior).
  • Ele marca um encontro para as 7 e chega alegremente às 8 e 15.
  • Ele marca um encontro consigo e depois aproveita para passar pelo supermercado porque lhe faltam iogurtes, e dá um saltinho ali à loja de desporto porque precisa de uns ténis, e “já que aqui estamos”, vai ali à secção de informática.
  • Farta-se de falar ao telemóvel enquanto está consigo.
  • Convida-a para sair e depois sugere pagarem tudo a meias. 
  • Fala muito perto da sua cara ao ponto de lhe conseguir ver os pontos negros, partículas de sopa no bigode e uma gotinha de suor a escorrer por trás da orelha.
  • Tem ar de quem não toma banho desde que D. Sebastião desapareceu em Alcácer Quibir.
  • Você é a última alínea na vida dele. Se lhe telefona só 10 minutos antes do filme começar, é sinal de que andou a correr a agenda e estava toda a gente de férias.

Sinais de que ele é um potencial príncipe

  • Há química. Mas cuidado que pode haver química sem príncipe e príncipe sem química, quer dizer, pode sentir-se atraída por ele mas depois a coisa não resultar.
  • Não tem aquele olhar de: “Vem cá jogar xadrez comigo a ver se me ganhas”, que é excitante mas não funciona a longo prazo. Jogos de poder separariam até Romeu e Julieta, se tivessem vivido o tempo suficiente para ter carro, filhos, casa e cartões de crédito.
  • Ele é simpático para a porteira, para a vizinha do 5º e para o cão do tio Alberto, não troça do empregado do restaurante chinês e não troça de si quando a ouve falar como um teletubbie ao bebé da sua melhor amiga.
  • Não espera um mês para lhe telefonar, principalmente se prometeu telefonar-lhe no dia seguinte.
  • Têm assunto de conversa, mesmo que seja sobre o Big Brother ou o Benfica.
  • Vê-se logo que alguém lhe ensinou boas maneiras.
  • Dá-se bem com a família: a dele e a sua. A não ser, coitado, que lhe tenha calhado em rifa a família Adams.
  • Riem-se das mesmas coisas. Não se entregue a um homem que não se ri (a não ser que seja o Ralph Fiennes) ou que se ri demais, ou que se ri nos sítios errados.
  • Têm o mesmo biorritmo. Se um adora ficar em casa ao Sábado à noite a ver a ‘Música no Coração’ e a comer tortelinnis e o outro prefere sair para dançar nas docas, ou são suficientemente maleáveis para conseguir um acordo ou vai haver muito tortelini atirado à parede.
  • Não tem hábitos que a irritam, como comer de boca aberta, falar o tempo todo ou dizer ‘portanto(s)’ a cada duas palavras.
  • Há qualquer coisa nele que lhe lembra alguém de quem você gostava muito.
  • Se ambos gostaram do ‘Senhor dos Anéis’, ambos ouvem Mozart e Moby, ambos detestam enchidos, será um bónus, embora não seja absolutamente necessário.
  • É suficientemente parecido consigo para haver pontos em comum, e suficientemente diferente para darem qualquer coisa um ao outro.

Relacionados

Comportamento

Nova moda: casais conhecem-se em quintas... a trabalhar no campo

Chegou o amor orgânico que põe casais a cavar lado a lado.

Comportamento

Karezza: como ter prazer sem atingir o orgasmo

Uma técnica chamada Karezza é reconhecida por especialistas por salvar problemas de disfunção sexual

Comportamento

Divórcio: homens e mulheres separam-se por motivos diferentes

Mulheres indicam falta de comunicação entre o casal, os homens dizem que o amor acabou...

Comportamento

Solidão a dois: por que nos sentimos sozinhos tendo uma relação?

Casamos ou namoramos para ter alguém, mas nem sempre estar acompanhado é... ter companhia. Como combater esta sensação de solidão?

Comportamento

12% das mulheres usam o telemóvel durante o sexo

Um estudo afirma que 12% das mães americanas estão ao telemóvel enquanto fazem sexo

Mais no portal

Imagem de Sucesso

As regras de estilo para escolher "looks" mais frescos sem descurar a elegância

Este é o tema do novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso.

Diz Quem Sabe

Ervilha amarela: uma nova alternativa aos alimentos de origem animal?

Um artigo de opinião assinado pela nutricionista Ana Leonor Perdigão.

Diz Quem Sabe

Tudo o que precisa de saber sobre a reabilitação oncológica

Um artigo de opinião assinado pelo médico Énio Pestana, do Hospital CUF Cascais, sobre este tipo de cuidados.

Saúde

Podcast: Sandra Gomes Silva responde às nossas questões sobre vegetarianismo

Os prós e os contras de um tipo de alimentação que leva em conta preocupações éticas e ambientais. Afinal, precisamos mesmo da carne para sermos saudáveis?

Saúde

O vegetarianismo melhora a vida sexual? Eis o que diz a Ciência

Não podemos subestimar o poder de uma dieta à base de plantas.

Mulheres Inspiradoras

Tem mesmo de conhecer estas ambientalistas portuguesas

Aqui ficam alguns exemplos de mulheres que renovam diariamente o compromisso de conservação e preservação ambiental.

Beleza

Conheça as grandes vantagens dos champôs sólidos

Preparámos também uma lista de produtos que pode incluir na sua rotina de cuidados capilares.

Nas Bancas

Como salvar as suas plantas

Na ACTIVA Verde, já em banca, os conselhos para escolher e cuidar das suas plantas.

Nas Bancas

Este casal mostra-nos como é viver "fora da rede"

Uma casa de madeira foi o início da mudança.

Nas Bancas

Receitas (de chef): desperdício zero

Sabia que está a deitar fora uma das melhores partes dos seus legumes?

Comportamento

A sustentabilidade chegou ao sexo

Conheça quatro formas de ajudar a salvar o planeta entre quatro paredes.