86518821.jpg

Há quem diga que eles são todos iguais. O que não é inteiramente verdade. Mas de A a Z, provamos que há algumas características comuns a todos (salvo honrosas excepções) os membros do sexo oposto…

– Atraso

É uma característica de todos os machos dignos desse nome a propensão para chegarem atrasados a tudo quanto é sítio, como se chegar a horas fosse sinónimo de estarem desesperados ou se o facto de terem de esperar cinco minutos fosse um rombo demasiado grande para a sua frágil autoestima. Tristemente, nada disto lhes passa pela cabeça. São atrasados basicamente porque são despassarados.

– Bigodes

Francamente. Bigodes? Mas bigodes têm os gatos, os ratos, e, deixa ver… os leões-marinhos, e mesmo assim, todos estes são subtis e graciosos e com uma função prática tal como avaliar o espaço e afastar moscas. Agora um tufo de pêlos com bocados de caldo verde a pender-lhe dos fios e sopa cristalizada e gordura de cabrito e pepitas de bife com batatas fritas que sobraram do almoço lá entranhados? Façam-nos um favor: tirem tudo. Imediatamente. Senão a gente nunca mais rapa o buço.

– Carros

Quanto mais pequeno o carro, mais furioso o espécime que vai lá dentro. É a síndroma fera enjaulada. Curiosamente, quem guia carrinhas também sofre da mesmo síndroma, porque geralmente são tipos que andam na estrada o dia todo e ficam descontrolados. Compensam aquilo que eles acham que é uma disfunção andando muito mais depressa do que o permitido. Aliás, todos os homens acham que as regras são para os outros, a começar pelas de trânsito, e parecem achar que a virilidade se mede pelo velocímetro. Curiosamente, quanto mais o velocímetro avança, mas a sua autoestima é frágil. Ah, também é muito macho ter uma mota que faça tracatracatracatac ensurdecedoramente meia-hora antes de arrancarem enquanto eles põem o capacete e arregaçam a manga e ajeitam o rabo de cavalo.

– Disfunção Eréctil

É aquilo de que os homens portugueses mais se queixam. Coitados. Quando no fundo, se eles baixarem a tampa da sanita, nos derem beijos apaixonados, nos levarem a jantar fora no Dia dos Namorados e não disserem que o Benfica é o maior amor da vida deles, a gente até já fica razoavelmente satisfeita

– Ex

Se foram eles a acabar com elas (nunca são, mas enfim…) é como se elas nunca tivessem existido. Se foram elas a acabar com eles, ficam a amá-las até ao fim da vida e mesmo quando são caçados por outra, no íntimo continuam a pensar que a Patrícia é que era o verdadeiro amor da vida dele.

– Futebol

Várias coisas há a dizer sobre o tema que mais interessa a 99% dos machos: 1) O futebol é o único desporto compatível com um verdadeiro Macho. Natação é um bocado gay, surf é para betos de Cascais, e basquete é para americanos com disfunção na tiróide. Enfim, râguebi, automobilismo e hóquei em patins (por causa do stick) são autorizados, mas nada que se compare a uma bela batalha no estádio. 2) Nunca passe pela frente de um televisor quando estão a dar um jogo. Nenhuma mulher sobreviveu para contar como foi. 3) Não se ponha a dizer que quer ir com ele ao Euro 2004. Só pode dizer que quer ir ver o ‘Lago dos Cisnes’ no próximo Natal pela Companhia de Ballet da Ucrânia. Uma mulher só pode praticar desportos em que não se sue e não se ganhe músculo nas pernas (eles acham que as bailarinas não suam, coitados…) como ballet, patinagem ou natação. 4) Ainda mais importante que o baptizado é a inscrição no Clube. Meio dia depois da sua filha nascer, ele há-de aparecer-lhe com o cartão de sócio dela, com a fotografia de lacinho cor de rosa na careca e tudo. 5) Facto estranhíssimo: o 1% de homens que não gostam de futebol tendem a ser ainda mais irritantes que os outros.

– Gravata

Não gostam e não querem, só usam no dia do casamento, e ninguém os convence como ficam lindos com aquilo atado ao pescoço. Enfim, aqui têm uma certa razão. Experimentem andar com uma coisa daquelas para verem como é desconfortável.

– Homossexual

É o grande fantasma da maioria dos homens. Pesam tudo o que fazem contra o parecer ou não parecer coisa de gay. Há uma data de coisas que eles acham que são gay. Vestir camisa cor de rosa é gay. Beber chá é gay. Ter um gato é gay. Pôr cremes na cara é gay. Usar algo mais no cabelo que não água e sabão, é gay. Ter as unhas limpas é gay. Almoçar no vegetariano em vez de comer bifanas em roulotes é gay. Beber água com gás em vez de uísque é gay. Passar a ferro é gay, aspirar é vagamente gay, estender a roupa é super-gay. Gostar de cinema francês é hiper-gay. Cumprimentar outros homens com beijos é demasiado gay para ser verdade. Enfim, dá uma enorme trabalheira e nenhuma mulher percebe porque é que eles perdem tanto tempo com isso.

– Ilusões

Têm várias: o tamanho conta, as mulheres gostam de homens suados e com ar de quem não se lava desde a batalha de Aljubarrota, o Ken andava mesmo com a Barbie, o lobo comeu mesmo o Capuchinho, quando as mulheres dizem ‘não’ é porque se estão a fazer difíceis, e um carro grande é uma poderosa arma de conquista.

– Joaquim

No tempo dos nosso pais e avós, os nomes de homem começavam quase todos com J. José, Joaquim, João, Júlio, Jaime. Seria uma coisa bíblica? Teria a ver com o alfabeto hebraico? Hoje os Josés e Joaquins estão em franca minoria em favor dos Tiagos, Diogos, Fábios, Afonsos e Salvadores, mas talvez voltem, qualquer dia. A gente cá os espera, aos Jaquinzinhos, com um pratinho de açorda a acompanhar…

– Kilt

Mais outro fantasma de todos os homens, tirando o Mel Gibson, o príncipe Carlos e os escoceses. Joelhos à mostra só podem ter a Brigitte Bardot, a Cláudia Schiffer e a Gisele Bundchen (conforme a geração).

-Lareira

Desperta-lhes fantasmas do tempo das cavernas em que ele era o terror dos mamutes. Não sei se já repararam num homem a acender uma lareira. Primeiro espera durante imenso tempo sentado atrás do jornal que alguém vá tratar do caso. Quando ninguém vai e ele se farta de estar ao frio, lá se levanta. Inspira fundo, levanta uns quantos galhos todos molhados, e farta-se de soprar uma data de guardanapos de papel por baixo dos galhos o que só enche a casa toda de fumo. A vizinha do lado telefona a saber se está tudo bem. Ele grita que quando for preciso chamar os bombeiros chama-os ele. Depois sopra ainda mais no fumo. Depois levanta-se e diz: ‘a culpa é tua que não telefonaste ao limpa-chaminés’, e torna a sentar-se por trás do jornal.

– Marido

Palavra que daqui a nada se arrisca a ficar só no Dicionário da Academia. Com a miserável ausência de maridos que grassa por esse mundo, a maioria dos mancebos casadoiros fica-se pela concubinagem. Parece que o facto de não haver papel como prova do crime torna a humilhação mais fácil de suportar. De repente, por volta dos 30 anos, passa-lhes uma coisa pela vista e casam com a primeira que entrar na sala.

– Não

Eles preferem dizer sim, sim, sim, e depois nunca mais telefonarem, ou andarem a engonhar dez anos no talvez, ou apostarem no ‘pode ser que’ até que ela se farte, e quando ela finalmente se farta, eles andam atrás infelicíssimos porque ela lhes deu com os pés e só então é que descobrem que a amam de paixão. Enfim, quando dizem não, geralmente é não mesmo. Até ao dia seguinte.

– Orgasmo

Se fizerem uma busca na internet, as dez primeiras entradas que encontram para ‘orgasmo’ são: uma sex shop; cursos de sensualidade, inclusive um livro com o estarrecedor título de ‘Extended Massive Orgasm’; Viagra; um site sobre ‘o Tao do Amor’, seja lá quem for o Tao; um portal que promete mostrar aos homens como é o orgasmo das mulheres e às mulheres como é o orgasmo dos homens, mas é melhor não averiguar porque deve ser aquele que mete o ecrã todo a tremer; e finalmente um sítio que anuncia ‘A Rosa leva um castigo extremo’?!. A explicação ainda é pior: “Rosa pode aguentar uma enorme carga eléctrica e leva choques sem dó enquanto permanece amarrada. Ela chama pelo samurai enquando está suspensa e tem um orgasmo explosivo…” Castigo? Choques? Samurai? E depois ainda se queixam que eles não sabem onde é o ponto G…

– Pão

Por que é que há tantos cacetes neste mundo? Onde estão os queques de chocolate? Por que é que, para onde quer que se olhe, há tanto homem feio e tão pouco homem bonito? Será o velho preconceito de achar que, se são bonitos, o mundo vai pensar que são gay? Mas não têm de ser aquele bonito-escorregadio, à Reynaldo Gianecchinni. Bastava que fossem lavadinhos, bem vestidos, de cabelo cortado, e pouco parecidos com o Tom Hanks quando fez de náufrago, e a gente já ficava contente…

– Quilos

Não ligam nenhuma. Comem pratadas de esparguete à Bolonhesa acompanhado de tâmaras com presunto e leite com chocolate na maior paz de espírito, benza-os Deus. Aliás, podem comer quase tudo que quase nada lhes faz mal, e portanto não percebem que se olhe para uma Bola de Berlim como o Leonardo DiCaprio olhava para a Kate Winslet no ‘Titanic’, e fartam-se de fazer comentários insensíveis como ‘Se te apetece, por que é que não comes?’ Deixem lá. Deus castiga e ainda hão-de reencarnar numa bola de celulite.

– Ressonar

Eles não têm culpa, mas pode ser motivo de divórcio. O mais estranho é que os mais estridentes são os que acreditam que dormem que nem um passarinho…

– Sedutor

Também podia estar sacana, é verdade. Aliás, muitas vezes as duas palavras andam a par.

– Tomates

Por que é que há tantos homens que já os perderam? Homem que é Homem sabe mudar um pneu, não trepa pelos cortinados da banheira se houver uma barata na casa de banho, é capaz de subir resolutamente até ao último degrau do escadote sem desatar a gritar ‘ai segura aí nisso que eu vou cair!’, paga a conta no restaurante (pelo menos nas primeiras saídas) em vez de fazer aquela cena de pagar a meias ou, pior, deixar que ela pague. Homem que é Homem carrega sacos de compras, muda as fraldas ao bebé (inclusive aquelas com cocó verde) e não se importa de ir ver a avó ao lar.

– Útil

Agora que já existem bancos de esperma, subimos nós com mais ligeireza ao escadote do que eles, não precisamos que nos paguem as contas, se quisermos um orgasmo podemos chamar pelo samurai, e até as crianças se educam sozinhas, expliquem lá para que serve um homem? Enfim, ou eles começam a aprender a lavar a loiça do jantar ou daqui a nada a gente prefere comprar um Ken ou um Action Man…

– Valsa

Expliquem-me lá: por que é que nenhum homem que não seja austríaco (e mesmo os austríacos, nos tempos que correm…) sabe dançar a valsa? Ou o tango, ou o cha-cha-cha, ou enfim, qualquer dança à face da Terra? Por que é que a maioria dos rapazes numa discoteca está encostadita à parede de copo na mão com um ar muito enfiado? Pronto, também podíamos falar aqui de V de vaselina, mas é melhor não pensarmos em coisas tristes.

– Wally

Onde está ele, que não o encontramos? Prometeram-nos um Príncipe desde que fizemos cinco anos. Prometeram-nos um Príncipe com a Bela Adormecida e a Branca de Neve. Foi preciso aparecer o Wally para percebermos finalmente que ele até pode existir, mas dá imenso trabalho a encontrar, e nunca está onde a gente espera.

– Xadrez

Também nos ensinaram que havia uma estratégia amorosa e nos instigaram a sermos rainhas e não peões. Estratégia? Mas eles nem sabem que o jogo começou…

– Y

O cromossoma diferença. Claro que a diferença é cada vez mais pequena, mas enfim, a gente vai fingindo que acredita…

– Zorro

É o que eles sempre quiseram ser, desde que se mascararam de capa e espada aos 5 anos (e durante todos os carnavais seguintes até fazerem 13). Todos os homens têm um Zorro dentro de si. É pena que a mesma coisa não aconteça com todas as mulheres… ter um ao seu lado, quero dizer.

Palavras-chave

Relacionados

Comportamento

O que não deve deixar de fazer depois de casar

Casar não deve ser um fim, mas uma continuação. Por que é que há-de deixar as coisas que lhe dão prazer só porque tem uma pessoa na sua vida? Seja feliz, e partilhe essa felicidade com ele

Comportamento

Como saber se ele está mesmo interessado em si?

Encontrou ontem à noite o homem da sua vida, mas esperou um, dois, quatro, dez dias, e ele não telefona. Afinal, o que é que se passa?

Comportamento

Por que é que nos apaixonamos por maus rapazes?

O que é que faz o encanto dos malvados? Fomos saber de onde nos vem essa atracção pelo abismo.

Comportamento

Os homens da nossa vida

Quem pensa que há só um, desengane-se. Quem pensa que não há nenhum, anime-se. Temos toneladas de homens na nossa vida, mas como não são aquele que subiu (ou vai subir, se Deus quiser) ao altar connosco, nem lhes ligamos o que merecem...

Comportamento

Casais 'explosivos': será esse o seu caso?

Um casal é mais do que a soma de duas pessoas, e algumas duplas podem ser mesmo explosivas. Será o seu caso?

Mais no portal

Comportamento

Existem cinco tipos de casais - e parece que apenas três deles são felizes

Veja que características têm os casais que conseguem gerir conflitos de uma forma saudável.

Beleza e Saúde

As velas são tóxicas?

Entenda os potenciais efeitos na saúde.

Lifestyle

6 lugares em Lisboa que irradiam o otimismo do Illuminating Yellow

O Pantone Color Institute elegeu este amarelo vibrante como uma das cores de 2021.

Beleza e Saúde

Emily Ratajkowski usou este creme para acalmar a pele na quarentena

Conheça o produto que se encontra em saldos.

Beleza e Saúde

Adora "Bridgerton"? Revelamos os segredos de beleza da série da Netflix

O responsável pelos cabelos e maquilhagens de toda a produção revelou como criou os "looks" das personagens.

Beleza e Saúde

COVID-19: 1 em cada 8 dos pacientes britânicos que regressam ao hospital morrem

Foram analisados dados de mais de 47 mil pessoas.

Celebridades

Sobrinho de Beyoncé terá divulgado vídeos íntimos da ex-namorada na internet

Julez Smith poderá estar em apuros com a lei. Solange e Beyoncé, a mãe e a tia do jovem, respetivamente, estarão furiosas.

Celebridades

Saiba o que Carolina Patrocínio lê durante o confinamento

Uma sugestão para ajudar a passar o tempo.

Comportamento

Afinal, quais são os segredos dos melhores profissionais?

Persistência é uma das características realçada pelas autoras de um livro que indica caminhos para o sucesso.

Moda

Estes 4 tipos de sapatos combinam na perfeição com "baggy jeans"

As calças de ganga oversized estão de volta - e vieram para ficar.

Beleza e Saúde

11 truques que irão revolucionar a forma como pinta as unhas em casa

Como e que nunca pensámos nisto antes?