SEC_71877200.jpg

D.R.

O Tinder deu um grande passo no que diz respeito à segurança dos seus utilizadores.

A popular aplicação de encontros lançou uma nova funcionalidade chamada Traveller Alert, que informa os utilizadores da comunidade LGBTQ de possíveis perigos em países com leis homofóbicas ou transfóbicas. Em termos práticos, quando uma pessoa chega ao seu destino, o Traveller Alert reconhece a localização e o perfil não aparecerá automaticamente no Tinder nessa nação, sendo que o dono da conta pode escolher se continua oculto ou não. Isto oferece proteção de agressores que possam estar à procura de alvos nas redes sociais.

“Essencialmente, acreditamos que toda a gente deve poder amar quem quer – e almejamos refletir isso em tudo o que fazemos no Tinder,” disse Elie Seidman, CEO da empresa. “É impensável que, em 2019, ainda haja países com leis em vigor que privem as pessoas desse direito básico.”

Tinder-traveller-alert-phone.jpg

D.R.

Depois do sucesso do My Move, uma funcionalidade opcional que permite às mulheres enviarem mensagens às pessoas com quem fazem match‘ primeiro, o Tinder age assim no sentido de proteger os seus utilizadores da comunidade LGBTQ.

Recentemente, a app lançou uma opção de orientação sexual e identidade de gênero para oferecer uma experiência mais inclusiva, proporcionando oportunidades iguais e uma experiência mais específica.

“Servimos todas as comunidades, independentemente da sua identidade de género ou orientação sexual, e temos orgulho em oferecer funcionalidades que ajudam a mantê-las em segurança,” acrescentou Elie.

Tinder-LGBT.jpg

D.R.

Existem, pelo menos, 70 países em todo o mundo com leis que criminalizam as pessoas LGBTQ. O Tinder desenvolveu esta nova funcionalidade com base nos dados do último relatório internacional “State Sponsored Homophobia Report“, levado a cabo pela Associação Internacional de Gays e Lésbicas (ILGA, na sigla em inglês), para determinar em que países o alerta é necessário.

Já nas bancas!

Assine a ACTIVA e receba dois coffrets da Rituals Assine já

Relacionados

Bella Thorne assume que é pansexual "e não sabia"

A cantora e atriz explicou o conceito em 21 segundos.

Eis as 5 coisas de que as mulheres menos gostam nas relações sexuais

Os resultados dizem muito sobre as diferenças entre homens e mulheres.

As 10 ideias erradas mais comuns que as mulheres têm sobre sexo.. desmistificadas

Com a ajuda de especialistas na área.

Mais no portal

Brilho, brilho e mais brilho: o derradeiro shopping de réveillon

Esqueça o minimalisto. No ano novo, mais é mais.

Se não sabe o que calçar na noite da passagem de ano, estas sugestões são para si

Qual é o seu estilo?

Estes são os 10 filmes mais populares de 2019

Consegue adivinhar qual é o primeiro da lista?

5 pantufas fofinhas para aquecer o seu inverno

Não precisa de passar a estação com os pés frios com estas opções!

Por que 11 de dezembro é considerado o dia mais fértil do ano

A constatação é numérica!

Este movimento defende que não precisa de amar o seu corpo para o aceitar

Conheça o "body neutrality".

Restaurante da Semana: Visconti ou quando a 'dolce vita' se mudou para o Chiado

O Visconti mora no Chiado e tem uma carta deliciosa, bem ao estilo ...

A evolução dos visuais da Mulher-Maravilha ao longo dos anos

Uma heroína feminista para alguns e um símbolo de opressão para out...

Quem são as cinco únicas mulheres negras a vencerem o Miss Universo

O concurso demorou 25 anos para coroar Janelle Commissiong, a prime...

10 peças para rechear o seu armário com a cor de 2020

O azul clássico foi a escolha da Pantone.

Veja a receita destas bolachas de Natal saudáveis

A nutricionista Catarina Sofia Correia partilha esta receita delici...

ASSINE 1 ANO (12 edições) POR 30€ E RECEBA 30€ EM OFERTAS

Assine Já!