iStock-1147404656 (1).jpg

iStock

A libido é algo difícil de medir. Isto porque muitos fatores, incluindo a saúde mental e estado da relação, determinam a nossa vontade (ou falta dela). Mas será que a alimentação também entra em jogo? A verdade é que é difícil encontrar elos entre o que está no prato e o desejo sexual.

“Do ponto de vista da medicina baseada em evidências, a maioria do que temos não é sólido,” afirma Dolores Lamb, vice-presidente de investigação de urologia no Centro Médico Weill Cornell, em Nova Iorque, e investigadora de motivação sexual e de alimentos afrodisíacos, à revista ‘Prevention’.

Seguir a dieta mediterrânica é a única forma cientificamente comprovada de fortalecer o desejo sexual através da comida, acrescenta o ginecologista Michael Krychman, que exerce na Califórnia e é também autor de um estudo recente sobre afrodisíacos naturais. O especialista faz referência a trabalhos que associam a dieta mediterrânica à função erétil melhorada nos homens e à libido mais forte nas mulheres – benefícios que, provavelmente, se prendem com o elo entre esta dieta e a melhoria da saúde, no geral.

Ainda assim, alguns estudos sugerem que certos alimentos têm mesmo poderes afrodisíacos. Embora não tenham o mesmo efeito do que outras formas comprovadas de aumentar a libido, como dedicar mais tempo nos preliminares, acrescentá-los à sua alimentação pode ter benefícios entre os lençóis.

Conheça alguns deles, abaixo.

1. Ostras

aphrodisiac-foods-oysters-1532452691.jpg

iStock

As ostras são associadas ao aumento do desejo sexual desde os tempos da Roma antiga. E a história tem um fundo de verdade. Para começar são ricas em zinco, que é essencial para o bom funcionamento do sistema reprodutor masculino, como indica um estudo publicado na revista ‘Scientific Reports‘ (2016). Além disso, uma investigação levada a cabo por George Fisher, professor de química na Universidade de Barry, na Florida, sugere que as ostras e outros moluscos bivalves contêm aminoácidos – especificamente ácido aspártico – que podem aumentar a função sexual. Trabalhos complementares concluem que este aminoácido pode aumentar a testosterona nos homens.

Dolores Lamb acrescenta que as ostras também têm um apelo que se prende com a textura, porque o seu aspeto molhado e escorregadio podem incentivar o desejo de beijar ou de experimentar sensações semelhantes.

2. Malagueta

aphrodisiac-foods-hot-peppers-1532452918.jpg

iStock

A capsaicina, o químico que dá às malaguetas a sua característica picante, foi associada à melhoria da saúde vascular e ao aumento da testosterona nos homens. Indiretamente, ambos podem melhorar o desejo e a função sexual.

Lamb diz que a experiência sensorial de comer pimenta – pela forma que desencadeia a liberação de substâncias químicas ligadas ao prazer, como as endorfinas – também pode contribuir para um aumento da libido.

3. Grão-de-bico

indian-cuisine-roasted-chickpeas-with-lime-and-royalty-free-image-936322850-1552055113.jpg

iStock

O grão-de-bico é rico em vitamina B6, que é essencial para um desejo sexual saudável e para aumentar a libido, diz Jessica Swift, dietista registada que exerce em Washington, D.C. Também pode a regular a produção de testosterona (vital para o desejo sexual) e dopamina (uma hormona que nos faz sentir bem).

4. abacate

theyre-high-in-the-healthy-kind-of-fats-royalty-free-image-694087276-1552058440.jpg

iStock

Os abacates são ricos em ácidos gordos, nomeadamente Ómega-3 e vitamina E, um nutriente essencial para a produção de hormonas e para a resposta sexual. Apenas um terço de um abacate contribui com cerca de 20 vitaminas e minerais que promovem uma boa saúde, no geral.

5. Gengibre

ginger-root-1532453837.jpg

iStock

Vários estudos associam uma variedade de gengibre africano à melhoria da função sexual e do desejo nos homens. Um desses estudos, publicado em 2010, concluiu que o gengibre pode ativar uma família de enzimas – conhecidas coletivamente como óxido nítrico sintase – que apoiam a função sexual. Outro estudo, este da África do Sul, associou o gengibre ao aumento da excitação e estimulação sexual em ratos.

Mas os benefícios do gengibre para a saúde não ficam por aí. A raiz também está ligada ao alivio das dores musculares e menstruais, redução do risco de doenças cardíacas e prevenção da obesidade e da diabetes.

Relacionados

Mais no portal

Moda

Conheça a Maria por trás da marca portuguesa de bodies Maria.Bodyline

A marca encantou várias "It-girls", incluindo a italiana Francesca ...

Beleza e Saúde

Diz quem sabe: Como comer de forma saudável fora de casa

Momentos esporádicos de diversão com família e amigos são desejávei...

Beleza e Saúde

6 maneiras simples de cortar calorias durante o dia

Pequenas mudanças na forma de comer e cozinhar vão diminuir a sua i...

Moda

Tezenis x Mr. Wonderful: é impossível resistir a estes pijamas!

Diversão e originalidade são as palavras de ordem nesta colaboração.

Celebridades

People's Choice Awards: Kim e Kourtney Kardashian protagonizam momento constrangedor na red carpet

Nas redes sociais, os fãs acusaram Kim de querer protagonismo.

Beleza e Saúde

Diz quem sabe: como incluir as casatanhas na alimentação?

Hoje é dia de São Martinho!

Comportamento

Crianças e higiene: 7 ideias para colocar em prática

Uma para cada dia da semana.

Beleza e Saúde

Atenção, fãs de Madonna: estes kits são perfeitos para recriar as maquilhagens da cantora

Trata-se de uma colaboração exclusiva com a Too Faced.

Moda

Vestidos de noiva: Inspiração anos 40 para as propostas de Gio Rodrigues

Um universo inspirado no filme 'Casablanca' dos anos 40.

Moda

Conheça as 30 peças da irreverente coleção de Luís Borges

Esta é uma marca de roupa e acessórios definida como cool, sport, c...

Beleza e Saúde

5 coisas que as mulheres devem saber sobre a saúde do coração

Cuidar da saúde do corpo e da mente é muito importante para manter ...

Tous
Moda

Joias: escolha a sua letra e crie o seu estilo