Quem nunca se sentiu mal com o próprio corpo que ponha a mão no ar! Hoje em dia, muito se ouve falar acerca de dietas milagrosas, cremes que eliminam a celulite ou de exercícios certos para diminuir gorduras localizadas. Tudo isto, claro, alimentado pelo facto de muitos quererem resultados rápidos e eficazes no menor espaço de tempo possível. Contudo, esta “urgência” pode surtir o efeito oposto ao pretendido.

As psicólogas Allison C. Kelly e Aleece Katan explicam que, por norma, as dietas seguem uma ordem. Primeiro, estamos totalmente motivadas: eliminamos o pão, comemos muitos legumes, mascamos uma pastilha para enganar a gula e apostamos numa maçã ao lanche, em vez de bolachas. Depois, chega a fase do “isto não faz mal de vez em quando“, sendo “isto” um bolo, um chocolate ou qualquer tipo de comida dita “menos saudável”. 

Após esta fase, começamos a pensar que mesmo a ocasional “batota” significa uma grande restrição à nossa alimentação. Afinal, só vivemos uma vez. Porém, começamos a sentir as roupas a apertar um pouco mais e a culpa apodera-se de nós. Além disto, no meio deste ciclo, há algo mais a acontecer: a comida tomou conta da nossa vida e parece que todo o nosso pensamento gira à volta daquilo que escolhemos colocar no prato.

As especialistas citam um estudo que pedia aos participantes que provassem 0, 1 ou 2 batidos e, em seguida, que degustassem quanto gelado quisessem. Os resultados? As pessoas sem uma dieta restrita que bebessem mais batidos tinham tendência a comer menos gelado e aquelas “obcecadas” com a alimentação a comer mais. A lógica? “Já que já estraguei a dieta com os batidos, não faz mal abusar também de gelado“.

No caso das pessoas sem restrições alimentares, beber um batido ou comer um gelado é algo dito normal, pelo que irão ingerir a quantidade que os satisfizer e não adotar uma postura de “desleixe”. Assim que estiverem saciados, param. Daí ser lógico que quanto mais batidos bebessem, mais cheios estariam, tendo menos espaço para o gelado.

Resumindo, comer de forma mais intuitiva tem resultados positivos a longo prazo, quer em termos nutritivos – já que vamos tentar “ouvir” aquilo que o nosso corpo realmente nos pede -, quer no que toca aos números da balança. Assim sendo, as especialistas dão alguns conselhos para que passe de uma mentalidade restritiva para este novo padrão, tais como forçar-se a quebrar hábitos, como não ingerir alimentos de certos grupos alimentares, ou estabelecer três refeições e três snacks por dia, de modo a não sentir que está a restringir algo.

Palavras-chave

Já nas bancas!

Assine a ACTIVA por 6 meses a partir de 10 euros Assine já

Mais no portal

Moda

Victoria's Secret vendida a fundo de investimento por quantia milionária

A Victoria's Secret voltará a ser uma empresa privada, com capital fechado.

Inspirações

Quem é a Carolina Deslandes? A cantora responde

Na #VozActiva deste mês.

Celebridades

Tudo o que Meghan vai poder voltar a usar ao deixar a casa real britânica

Unhas coloridas, vestidos curtos ou sandálias abertas são algumas das opções.

Celebridades

"O maior arrependimento da minha vida": é assim que Ben Affleck descreve o seu divórcio com Jennifer Garner

Jennifer Garner e Ben Affleck estão separados desde 2015.

Moda

Letizia usa capa oversize da Zara que é um must-have da estação

A rainha esteve presente na sede da UNICEF em Madrid.

Comportamento

Voz ACTIVA Podcast: Margarida Vieitez e Patrícia Matos revelam-nos o lado menos conhecido de 24 personalidades nacionais

As autoras do livro 'Sucesso Emocional' entrevistaram 24 personalidades para tentar compreender como gerem as emoções.

Celebridades

Aos 16 anos, Millie Bobby Brown faz desabafo sobre hipersexualização

A atriz de "Stranger Things" diz-se frustrada pelo tratamento que recebe da imprensa.

Moda

Meghan Markle e os seus sapatos feitos a partir de garrafas de água

Meghan tem privilegiado o uso de marcas de moda mais sustentáveis.

Moda

Disney lança coleção de vestidos de noiva inspirados nas princesas

É a primeira vez que a Disney faz uma parceria com a marca de vestidos Allure Bridal.

Celebridades

Nova Miss Alemanha tem 35 anos, é empresária e mãe

Leonie Charlotte von Hase foi a grande vencedora desta edição do concurso, que pretende acabar com os estereótipos.

Beleza e Saúde

Esta é a receita caseira perfeita (e deliciosa) para os lábios secos

Só vai precisar de três ingredientes!

Celebridades

Namorada de Al Pacino termina relação e diz que o ator é "velho" e "mesquinho"

Meital Dohan é 39 anos mais nova que Al Pacino.

Assine a ACTIVA por 6 meses a partir de 10 euros

Já nas bancas!

Assine já