Nas últimas semanas, tudo mudou – e muitos duvidam que o mundo volte a ser o mesmo, tal como o conhecíamos. 

Estamos apenas no terceiro mês de 2020 e os quatro continentes já combatem uma pandemia, a do novo coronavírus, que causa uma doença conhecida como COVID-19. A sua chegada ditou a implementação de medidas de contingência em várias nações, incluindo o distanciamento social e as quarentenas voluntárias.

Tudo mudou, mas o sentimento inato e involuntário do desejo sexual continua a existir; a única diferença é que agora está minado pelo medo de que a interação com outros seres humanos faça de nós os próximos portadores do vírus.

Já sabemos que devemos lavar as mãos frequentemente, evitar tocar no rosto, desinfetar o telemóvel e, se possível, ficar dentro de casa. Mas quais são as diretrizes para fazer amor?

A COVID-19 é sexualmente transmissível? 

“A COVID-19 em si não é uma doença sexualmente transmissível,” afirma o Dr. Muhammad Munir, do departamento de ciências biomédicas e da vida da Universidade de Lancaster, em Inglaterra, em declarações ao “The Guardian”.

Contudo, esta questão tem uma resposta mais complexa. “Como há um contacto muito próximo entre dois indivíduos durante o sexo, a possibilidade de alguém contrair o vírus de outra pessoa infetada é de quase 100%, especificamente devido aos beijos envolvidos,” acrescenta o especialista em doenças virais. 

De acordo com a Direção-Geral da Saúde, a COVID-19 transmite-se “através de gotículas libertadas pelo nariz ou boca quando tossimos ou espirramos, que podem atingir diretamente a boca, nariz e olhos de quem estiver próximo.”  Quando beijamos alguém, é praticamente impossível evitar o contacto com a saliva, portanto este pode ser um comportamento de alto risco.

O perigo não está só nos beijos

Outra coisa a ter em conta é que muitas pessoas não sabem que estão infetadas, visto que existem casos assintomáticos. Aliás, de acordo com um estudo recente da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, os portadores sem sintomas são responsáveis por dois terços das infecções.

Por conseguinte, é importante sublinhar que uma pessoa pode contrair o coronavírus, mesmo que não beije o seu parceiro sexual. “As mãos contaminadas são uma grande fonte de infeção,” explica o Dr. Munir. “Não é apenas o sexo em si – é qualquer contacto envolvido durante o ato.”

O namoro e os encontros românticos ocasionais também devem ser evitados até que a pandemia esteja sob controlo, uma vez que tendemos a ter mais contacto íntimo e prolongado com outras pessoas nesses momentos. “Podemos beijá-las, abraçá-la sou dar-lhes a mão durante algumas horas. Quanto maior for a duração do contato com alguém, maior será risco de transmissão,” adverte o virologista. 

Resumindo: embora o coronavírus não se transmita da mesma forma que DSTs como a clamídia e o herpes, isso não significa que o cenário atual de pandemia não inspire (muitos) cuidados no que ao sexo diz respeito, desde as trocas de carinhos até aos preliminares.

Palavras-chave

Tempos difíceis exigem a melhor informação

Tempos difíceis exigem a melhor informação É por isso que a Trust in News decidiu oferecer um pack mensal de revistas digitais a um preço simbólico: €9,90 por 9 revistas: VISÃO, VISÃO História, VISÃO Júnior, VISÃO Saúde, Jornal de Letras, Exame, Courrier Internacional,  Activa e Exame Informática. Para ler no seu smartphone, tablet ou computador, facilmente e em sua casa. Está garantida uma boa leitura para toda a família! #euleioemcasa Saiba mais

Relacionados

Beleza e Saúde

Coronavírus: Nasceu o primeiro bebé de uma mulher infetada

Entenda quais os cuidados que grávidas e recém-mamãs devem ter nesta altura.

Beleza e Saúde

Este mapa reúne todos os números oficiais atualizados sobre o novo coronavírus

Pode acompanhar o avanço do vírus em tempo real.

Beleza e Saúde

Diz quem sabe: cuidados a ter com o Coronavírus

A enfermeira Céline Machado explica.

Mais no portal

Celebridades

April Ivy: os desafios de lançar um novo single em quarentena

A Activa esteve à conversa com a artista, que acabou de divulgar a música mais especial até à data.

Celebridades

Mário Marta e Lura refletem sobre o sucesso de "Aguenta"

O videoclipe do tema, que assinala a primeira colaboração entre estes amigos de longa data, já soma um milhão de visualizações no YouTube.

Moda

33 saias para quando não tivermos apenas de nos preocupar com a "parte de cima"

Os modelos de tamanho midi plissados são a super-tendência para a estação primavera-verão

Moda

Kelly Bailey mostra as suas peças favoritas entre as novidades My Intimate Cantê

Não foi uma tarefa fácil, mas estas são as escolhas da atriz.

Celebridades

Kourtney Kardashian recebe elogios ao mostrar o corpo tal como é

A socialite mostra-se à vontade com as suas formas.

Lifestyle

Diz quem sabe: dicas para reorganizar as finanças em época de pandemia

Quando o inesperado acontece, há que saber adaptar-se.

Beleza e Saúde

Este é o tapete de ioga de que Meghan é fã

A falta de tempo já não é desculpa para não fazer exercício físico.

Moda

23 peças da Mango para usar em casa e mais tarde levar à rua

A marca espanhola reuniu um conjunto de peças para ficar em casa muito confortável.

Celebridades

William pondera retomar a carreira de piloto para ajudar na luta contra a Covid-19

O duque de Cambridge confessou que os acidentes que testemunhou como piloto o afetaram psicologicamente.

Celebridades

Quando Kate e Meghan tinham 12 anos, estas eram as músicas que estavam em número 1

Músicas que pode recordar durante esta quarentena.

Moda

As 7 peças que prometem dar luta ao pijama em tempos de quarentena

No novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso, conheça as peças de roupa essenciais para encarar o isolamento com estilo.

Lifestyle

Quarentena: 15 pessoas revelam os factos mais hilariantes que aprenderam sobre os parceiros

O período de isolamento está a ser bastante revelador.

€3,70 por edição + OFERTA  

Papel + Oferta

Papel + Oferta: €3,70 / edição