O fim de uma relação vem acompanhado de uma montanha-russa de emoções, com altos e baixos num curto período de tempo, que pode ser para lá de confuso. Assim sendo, não é surpresa que muitos casais tenham ‘recaídas’ no processo de separação.

Contudo, por vezes, é difícil explicar por que o fazemos. Um grupo de investigadores publicou um estudo na revista científica “Evolutionary Psychology”, que inclui dois estudos sobre como homens e mulheres diferem nas respetivas abordagens ao ‘sexo de separação’ — que surge definido como ter uma relação sexual com um ex nas duas semanas seguintes (ou antes) ao término  — e como se sentem quando tudo acaba.

Entenda as diferenças entre géneros

O primeiro estudo inquiriu 212 estudantes universitários sobre como se sentiam depois de terem ‘recaídas’. Em geral, as mulheres sentiam-se melhores em relação ao relacionamento, mas piores consigo mesmas. Já os homens sentiam-se melhor em relação a si próprios.

“Isto deve-se ao facto de as mulheres serem mais propensas do que os homens a expressar arrependimento por terem um encontro sexual casual, conforme documentado por estudos anteriores”, explica o Dr. T. Joel Wade, professor de Psicologia na Universidade de Bucknell University e co-autor do artigo, ao site Insider.

O segundo estudo pediu a um grupo de 292 estudantes universitários que escolhessem numa lista o que os motivou a ter sexo durante uma separação e classificar as razões. Segundo Wade, eles tendiam a fazê-lo por “motivos hedonistas” como, por exemplo, “quererem sentir-se bem, a oportunidade surgiu, tinham saudades de sexo e vontade de satisfazer necessidades”. Elas, por sua vez, tinham explicações mais relacionadas com o foro emocional.

Falta de representatividade

Uma das limitações dos dados foram os grupos amostrais usados para ambos os estudos. Tanto um como o outro era composto maioritariamente por pessoas brancas e heterossexuais. De acordo com Wade, uma das maiores questões por responder prende-se com as motivações de outras comunidades.

“Os dados não falar pelos indivíduos LGBTQ+, e os estudos nessa área têm de ser mais aprofundados. Penso que estudar esse comportamento pós-separação em pessoas ‘queer’ será uma via de investigação frutífera.”

Palavras-chave

Relacionados

Comportamento

9 coisas que acontecem ao corpo (e à mente) quando deixamos de fazer sexo

Do estado de espírito ao risco de doenças, a falta de sexo pode afetar ambos.

Lifestyle

Estudo revela quais são as músicas no Spotify mais escolhidas para o sexo

Estes são os temas mais escolhidos pelos casais para os momentos mais quentes.

Lifestyle

Eis o motivo pelo qual o sexo é mais prazeroso quando tem a bexiga cheia

Nunca reparou? Está na hora de experimentar. E esta é a explicação.

Mais no portal

Beleza e Saúde

COVID-19: usar duas máscaras protege-nos mais?

Algumas pessoas adotaram este método. Mas será que é necessário?

Lifestyle

Assine 9 revistas por apenas €9,90 por mês e garanta boa informação, em sua casa

Beleza e Saúde

Esperam-se menos nascimentos em 2021

Entenda o motivo.

Imagem de Sucesso

O fator essencial para construir uma Imagem de Sucesso em 2021

No novo episódio da rubrica Imagem de Sucesso, explico-vos como podem comunicar de forma assertiva através da vossa imagem e, assim, conquistar objetivos no novo ano.

Comportamento

Este truque curioso pode aliviar o stress durante o confinamento

Só precisa de um telemóvel ou computador - e deixá-lo fazer magia.

Moda

A psicologia por trás das cores românticas que vão estar em alta na primavera

Não só explicamos a origem da popularidade, como deixamos algumas sugestões de visuais para os dias mais quentes.

Beleza e Saúde

Pode haver uma inesperada cura para a acne

Pelo menos, para um dos tipos do problema. Saiba qual.

Moda

Revelado o próximo nome da alta-costura que irá colaborar com a H&M

Todos os anos, a gigante sueca lança uma coleção de edição limitada, que é fruto da colaboração com um estilista ou marca de renome.

Beleza e Saúde

3 acessórios para o cabelo que as mulheres nórdicas adoram

Estas sugestões são perfeitas para ter sempre no nécessaire e transformam qualquer visual num instante.

Beleza e Saúde

Saiba como manter um estilo de vida saudável em regime de teletrabalho

Aqui ficam seis sugestões para continuar a cuidar da sua saúde física e mental no novo confinamento.

15 Perguntas A...

Tânia Ribas de Oliveira: "O meu estilo é casual, confortável e descontraído"

Lançámos questionários com 15 perguntas a várias celebridades sobre temas como, por exemplo, estilo pessoal e rotinas de beleza. A apresentadora da RTP foi a primeira a aceitar o desafio.