O parto prematuro foi anteriormente associado a várias complicações a longo prazo como, por exemplo, problemas de comportamento e dificuldades de aprendizagem. Contudo, um estudo descobriu que certos traços de personalidade também são mais comummente encontrados em adultos que nasceram antes do previsto.

Uma equipa de investigadores britânicos comparou um grupo de 200 indivíduos que nasceram com muito baixo peso (menos de 1,5 kg) ou antes das 32 semanas de gestação com pessoas que nasceram a termo (entre a 39ª e a 41ª semana de gestação) e com um peso considerado normal. Todos os inquiridos tinham 26 anos na altura da investigação, que analisou os seus traços de personalidade, a probabilidade de correrem riscos e o Fenótipo Ampliado do Autismo.

Os cientistas concluíram que os participantes que nasceram pré-termo e com baixo peso eram menos engajados socialmente, maus comunicadores e preocupavam-se com mais facilidade. Para além disso, também tiveram pontuações mais baixas nos campos ‘probabilidade de correrem riscos’ e ‘afabilidade’ comparativamente ao outro grupo.

Como é óbvio, a personalidade de cada um de nós também é influenciada pelo ambiente que nos rodeia e experiências de vida da infância, bem como pela genética. Contudo, os autores deste estudo, publicado na revista científica “Archives of Disease in Childhood (Fetal & Neonatal Edition)” em 2015, acreditam que estes resultados podem explicar a maior taxa de dificuldades sociais para adultos que se enquadram no grupo dos prematuros.

“Se for identificado cedo, os pais podem receber ferramentas para desenvolverem as habilidades sociais dos filhos, de modo a ajudarem a compensar as características de personalidade socialmente retraídas”, afirmou um dos autores do estudo, o Professor Dieter Wolke, da Universidade de Warwick, num comunicado.

Palavras-chave

Relacionados

Beleza e Saúde

A importância da amamentação para o bebé prematuro

O Dia da Prematuridade assinala-se a 17 de novembro.

Lifestyle

Amor Num Lugar Estranho: como é ser mãe de um prematuro no outro lado do mundo

Se ter um bebé prematuro é sempre complicado, imagine o que é quando se está no Japão… Catarina Oliveira da Costa contou-nos como é ser mãe ‘lost in translation’ no outro lado do mundo.

Lifestyle

NYDUS: enfermagem ao domicílio para grávidas, mães e bebés

Este projeto de duas enfermeiras leva 20 anos de experiência no cuidado de grávidas, mães e bebés a sua casa.

Mais no portal

Beleza e Saúde

Cabelos: Risco ao meio ou de lado? A melhor opção para cada formato de rosto

A forma como reparte o cabelo pode mudar muito o seu visual - num cenário ideal, sempre para melhor. Saiba como valorizar o seu rosto.

Comportamento

5 formas de ultrapassar momentos menos bons

De acordo com vários especialistas.

Beleza e Saúde

O resultado de uma semana sem qualquer tipo de exercício físico

Para qualquer adepto de um estilo de vida ativo, estar parado é um verdadeiro desafio. E foi assim que encarei esta semana.

Lifestyle

Saiba como fazer a deliciosa salada de espinafres de Julie Deffense

Simples e deliciosa.

Beleza e Saúde

Chiara Ferragni mostra-nos como o azul com glitter resulta sempre para fazer os nossos olhos brilhar

A influencer criou novamente uma coleção com a Lancôme, em que o glitter é a aposta.

Moda

O vídeo que nos fala de Paris, de mulheres e do que acontece quando se trocam duas malas

Esta produção é uma viagem ao mundo das mulheres parisienses com toda a emoção e “joie de vivre” da cidade de Paris.

Beleza e Saúde

Não vai acreditar com que idade Halle Berry teve o primeiro orgasmo

A confissão da atriz veio surpreender o público.

Moda

Esta é a prova de que o 'nightwear' pode ser usado o dia todo

Seda, cetim ou caxemira?

Beleza e Saúde

Quando deve anunciar a gravidez?

A norma é que se ultrapasse a meta das 12 semanas. Mas será que é mesmo preciso?