@martamysakphoto

Culturalmente, a carne é vista há muito como um símbolo de domínio e virilidade. Mas será que as pessoas que consomem carne têm mesmo melhor sexo? Não de acordo com uma pesquisa recente. 

O site britânico de encontros Illicit Encounters fez um inquérito a 100 pessoas — 500 delas delas comiam carne e 500 eram vegetarianas (38% identificavam-se como vegans) — para determinar quem se diverte mais entre quatro paredes. De acordo com os resultados, 84% dos vegetarianos relataram satisfação com a vida sexual comparativamente a apenas 59% dos respondentes que consumiam produtos de origem animal (95% dos participantes vegan disseram que estavam satisfeitos).

As preferências alimentares também foram associadas à frequência das relações sexuais. Cinquenta e sete por cento dos vegetarianos disseram que tinham sexo entre três a quatro vezes por semana, enquanto 49% dos ‘comedores de carne’ afirmaram que tinham relações entre uma a duas vezes por semana.

As respostas também revelaram diferenças marcadas nas atitudes e gostos sexuais entre comedores de carne e vegetarianos, com os vegetarianos a sair por cima. Mas será que a ciência sustenta estas afirmações? Sim… e a vários níveis.

De acordo com o Departamento de Saúde do Minnesota, nos Estados Unidos, “a saúde sexual inclui dimensões emocionais, psicológicas, físicas, intelectuais e espirituais”. Hábitos que melhoram a saúde física e psicológica, por exemplo, também deveriam melhorar o sexo. Veja o que os cientistas têm a dizer sobre o assunto.

Dietas à base de plantas melhoram o humor

Um estudo de 2012 indica que “a restrição de carne, peixe e aves em omnívoros melhora o humor”. Os investigadores conduziram um ensaio clínico randomizado com 39 adultos e encontraram evidências de diferenças nas escalas de stress e estados de humor entre comedores de carne e comedores de plantas. A equipa concluiu que um ácido gordo polinsaturado chamado ácido araquidónico, presente nas gorduras animais, promove “mudanças no cérebro que podem perturbar o humor”.

Muitos alimentos vegetarianos como, por exemplo, a banana, a aveia e a couve, também contêm produtos químicos como melatonina, serotonina e triptofano, que conduzem ao sono e ao relaxamento. Por outro lado, um estudo de 2018 encontrou uma correlação entre dietas ricas em carnes processadas e a apneia do sono. De sublinhar que o sono e o relaxamento estão associados a um melhor humor, bem como a uma maior energia e resistência.

Dietas à base de plantas podem aumentar a resistência

Investigadores do Comité de Médicos pela Medicina Responsável indicaram que uma dieta vegana pode fazer muito pelo desempenho atlético, melhorando a saúde cardiovascular, reduzindo a pressão arterial e o colesterol, e promovendo a perda de peso. Embora não haja nenhuma referência direta sobre o desempenho sexual, a lista de benefícios atribuídos ao desempenho atlético também são benéficos para a saúde sexual, desempenho e confiança em geral.

Dietas à base de plantas podem proporcionar alívio a homens que sofrem de disfunção erétil

 

O urologista Aaron Spitz explica que uma das principais causas da disfunção eréctil é o fluxo sanguíneo inibido devido ao estreitamento das artérias. Como tal, sugere que uma mudança de estilo de vida, incluindo seguir uma dieta à base de vegetais e ter uma rotina de atividades físicas, pode fornecer alívio permanente.

Para provar a teoria, o médico fez uma experiência no documentário The Game Changers, na qual três atletas universitários de elite foram alimentados com carne e dietas à base de plantas em dois dias diferentes. Foi utilizado um dispositivo para monitorizar as ereções dos participantes enquanto dormiam. A dieta vegana resultou em frequência elevada, longevidade e ereções mais duras para os três desportistas.

Uma revisão de 2019 intitulada Plant-Based Diets for Cardiovascular Safety and Performance in Endurance Sports mostra que os elevados riscos cardiovasculares enfrentados por atletas de resistência, incluindo aterosclerose (placa acumulada dentro das artérias) e danos ao miocárdio (diminuição do fluxo sanguíneo para o coração) pode ser mitigado por uma dieta à base de plantas e sem laticínios, corroborando as alegações do Dr. Spitz.

Palavras-chave

Relacionados

Comportamento

As mulheres usam quatro técnicas específicas para aumentar o prazer durante o sexo

Um estudo recente pretende disponibilizar uma linguagem clara e que empodere as mulheres para tornarem o ato sexual mais satisfatório.

Comportamento

9 coisas que acontecem ao corpo (e à mente) quando deixamos de fazer sexo

Do estado de espírito ao risco de doenças, a falta de sexo pode afetar tanto o bem-estar físico quanto o emocional.

Comportamento

Temos mesmo de mudar a roupa de cama após cada relação sexual?

Saiba quantas vezes por semana é aconselhado lavar os lençóis, quer tenha tido relações sexuais ou não.

Mais no portal

Moda

Estas saias prometem fazer furor nas estações quentes

Apresentamos-lhe seis modelos que são ótimos investimentos tanto para a primavera como para o verão de 2021.

Lifestyle

Vamos falar sobre os deliciosos tacos japoneses do FishFish Sushi?

Às quartas-feiras, na compra de três tacos, o restaurante oferece um quarto. Uma oferta literalmente irresistível!

Body Shaper

O derradeiro plano para declarar guerra à celulite e à retenção de líquidos

O novo episódio da rubrica Body Shaper traz-lhe um plano de ataque, sublinhe-se, só com dicas caseiras.

Diz Quem Sabe

Questões a ponderar antes de avançar com uma mudança na vida profissional

A coach Lúcia Palma deixa alguns pontos a ter em conta antes de efetuar qualquer mudança neste campo.

Saúde

Os reajustes necessários para perder peso depois dos 40

Aconselhados por uma especialista.

Beleza

Base demasiado clara? Este truque do TikTok ajuda a resolver o problema

É bastante simples e económico.

Moda

Duvidamos que haja um vestido mais prático do que este

É só vestir e sair porta fora, sem pensar muito no styling.

Comportamento

Os 10 pilares de relacionamentos saudáveis

De acordo com um perito em relações amorosas, existem 10 alicerces de uma parceria que tendem a ser subestimados.

Celebridades

Ex-mulher de Travis Barker alega que o músico teve um caso com Kim Kardashian

Barker é o novo namorado de Kourtney Kardashian.

Diz Quem Sabe

O guia para criar uma selva urbana em casa

Um artigo de opinião assinado por José Luís Velasco, product manager da Gardenia, sobre os novos hábitos que se cultivaram e enraizaram em tempos de confinamento.

Comportamento

Como ser mais vulnerável num relacionamento (mesmo que isso a assuste)

O medo da rejeição faz-nos levantar a guarda e, por conseguinte, perdemos coisas boas como a intimidade e a conexão.

Diz Quem Sabe

O couro cabeludo também precisa de proteção solar

O Dr. Carlos Portinha, coordenador Clínico do Grupo Inspary, explica que o cancro da pele pode ser uma das consequências da exposição do couro cabeludo aos raios solares.