@aimeesong

É muito provável que já tenha sido tomada por aquela vontade de querer estar com a pessoa amada mais do que que qualquer outra coisa. Mas sabia que essa sensação não vem do coração, como foi popularizado pelo folclore romântico, mas sim do cérebro?

Os seres humanos apaixonam-se uns pelos outros por uma série de razões, e o corpo reage de acordo com um cocktail de hormonas forte o suficiente para criar vícios. Este processo abrange três fases – paixão, atração e vinculação – e cada uma delas está associada a diferentes respostas hormonais. Entenda tudo o que acontece:

O sistema límbidico, relativo ao sistema do cérebro responsável pelas emoções e pelo comportamento social, funciona a todo o vapor. Esta fase corresponde à atração inicial que sentimos por alguém e, aqui, as hormonas-chave são o estrogénio e a testosterona. A noradrenalina, uma anfetamina natural que aumenta a experiência de alegria e reduz o apetite, também entra em jogo, sendo libertada nesta etapa e continuando presente na da atração.

Atração

Este estágio desencadeia várias respostas, a começar no sistema de recompensa cerebral. O amor despoleta um ciclo de feedback no circuito que processa a informação relacionada com a sensação de prazer ou de satisfação, levando-nos a querer mais. No que diz respeito a hormonas, o primeiro empurrão vem da adrenalina, que é a grande responsável pelos batimentos cardíacos acelerados, a boca seca e as mãos suadas que muitos experienciam quando ficam ‘caidinhos’ por alguém.

Estar apaixonado também leva o corpo a produzir dopamina, que causa uma sensação de bem-estar e sentimentos de prazer e felicidade. É por causa desta substância química neurotransmissora que ‘andamos nas nuvens’, sendo que os efeitos estimulantes no cérebro refletem-se num aumento de energia e do foco, e na sensação de menos fome. Quando não consegue parar de pensar na pessoa amada, a culpa é da serotonina. Um facto curioso: as mulheres tendem a produzir níveis ligeiramente mais altos de serotonina do que os homens quando se apaixonam.

É aqui que é estabelecido um compromisso mais duradouro. A ligação construída pelo casal determina se o relacionamento vai funcionar (ou não). A oxitocina, a hormona responsável pelo sentimento de conexão com as pessoas que nos são próximas, é essencial, tal como a vasopressina, que desempenha um papel fundamental nas preferências de parceiros e em promover relacionamentos saudáveis e duradouros.

Palavras-chave

Assine a ACTIVA

ASSINE AGORA A REVISTA ACTIVA COM OFERTA ISDIN. DEIXE-SE INSPIRAR. Saiba tudo aqui. ASSINAR

Mais no portal

Beleza

Outubro Rosa: como cuidar da pele, cabelo e unhas de pacientes oncológicos

Num mês em que se assinala o Mês de Prevenção para o Cancro da Mama, a La Roche-Posay reforça a importância em adequar os cuidados pessoais durante e após os tratamentos oncológicos.

Mulheres Inspiradoras

O novo álbum de Adele é uma verdadeira lição de crescimento pessoal

'30' está prestes a ser lançado e a artista incluiu nele várias fases que enfrentou recentemente, associadas ao divórcio de Simon Konecki.

Lifestyle

Vila do Conde recebe novo Mercadona

Este é o 26º supermercado da cadeia em Portugal.

Celebridades

Kate deslumbra ao apostar numa das maiores tendências da temporada

Veja um dos visuais mais recentes da duquesa de Cambridge.

Saúde

7 cuidados a ter com a nossa higiene íntima

Fique com alguns conselhos que ajudam as mulheres a prevenir o desconforto na zona íntima.

Lifestyle

Já é possivel encomendar de vários restaurantes e só pagar uma taxa de entrega

Conciliar gostos diferentes tornou-se de repente muito mais fácil.

Diz Quem Sabe

Intolerâncias alimentares e novos estilos de vida

Um artigo de opinião assinado pela Dra. Andreia Monteiro, médica especialista em imuno-hemoterapia, medicina antienvelhecimento e estética.

Lifestyle

Sugestões assustadoras para celebrar o Halloween

Temos de celebrar à altura, certo?

Moda

Tipia: a coleção de acessórios com letras que lembram as antigas Iluminuras

De assinatura Inês Telles.

Moda

Cachecóis Maxi: a aposta da Parfois para o inverno

Conheça algumas sugestões da marca.

Saúde

Devemos lavar os dentes antes ou depois do pequeno-almoço?

Entenda qual a prática mais benéfica.

Saúde

4 vilões na alimentação que pioram os sintomas da TPM

Saiba o que evitar nessa altura do mês.