@ellegramm

Dá por si a ser assombrada pelos mesmos pensamentos negativos? Então, veio ao lugar certo.

“Pensamentos como estes podem ser como areia movediça”, afirma a psicóloga Marina Harrys no portal Psychology Today. “Quanto mais tentamos combatê-los, ignorá-los ou suprimi-los, mais eles nos engolem”, acrescenta.

A especialista passa a explicar que existe uma ferramenta na área da Psicologia chamada desfusão cognitiva que pode ajudar no sentido de ganhar uma distância muito necessária de pensamentos tóxicos. Originalmente desenvolvida pelo Dr. Aaron Beck, um psiquiatra americano conhecido como o ‘pai da terapia cognitiva’, e refinada pelo Dr. Steven Hayes, um psicólogo clínico americano, a técnica consiste em ver os pensamentos como aquilo que são: apenas pensamentos. 

“A nossa ansiedade leva-nos a pensar que esses pensamentos são reais. Na verdade, são apenas jorros de eletricidade disparados pelos nossos neurónios. É tão fácil ficarmos presos a eles, presumindo que representam a realidade. Mas isso não é nada benéfico”, diz Harrys.

De acordo com a psicóloga, a Ciência corrobora esta teoria. A defusão cognitiva pode reduzir o stress em geral, diminuir a autocrítica e aumentar a autocompaixão. Para além disso, permite-nos viver a vida, apesar dos pesares. 

Como começar a pô-la em prática? Aqui ficam três sugestões:

  1. Apenas repare no pensamento
    Em vez de dizer “Sou um fracasso”, diga “Estou a pensar que sou um fracasso”
  2. Pergunte-se: “Há quanto tempo tenho este pensamento?”
    Tem mesmo de continuar a acreditar nele só porque já o fez no passado?
  3. Trate os seus pensamentos como anúncios pop-up.
    Reconheça que teve o pensamento e depois foque-se naquilo que estava a fazer antes de ele surgir.

Palavras-chave

Assine a ACTIVA

Deixe-se inspirar, assine a ACTIVA, na sua versão em papel ou digital, a partir de €2,00 a edição. Saiba tudo aqui ASSINAR

Mais no portal

Comportamento

3 motivos para o sexo (por vezes) causar apego emocional

Eis a explicação de uma especialista, mestre em Sexologia.

Saúde

Os testes de ovulação valem mesmo a pena quando se tenta engravidar?

Esta é uma das formas de identificar o período fértil.

Beleza

O que há de novo na maquilhagem que vale a pena descobrir

Para os olhos, lábios e uma pele imaculada.

Celebridades

Ryan Reynolds afasta-se dos ecrãs

O ator anunciou uma pausa na carreira.

Beleza

Saiba como combater e prevenir a queda de cabelo sazonal

Um problema que é muito comum nesta altura do ano.

Beleza

7 passos para cuidar da pele antes de dormir

Uma rotina tão importante quanto a matinal.

Moda

4 peças em cabedal que são must-haves para o outono

E como usá-las.

Saúde

iMM-Laço Hub nasce como uma nova esperança na luta contra o cancro da mama

Com um laboratório focado na investigação em cancro da mama metastático e uma equipa especializada.

Moda

The Bra Stories: uma campanha pela luta contra o cancro da mama

Assinada pela C&A.

Moda

Andreia Dinis lança marca de roupa

Sugar n’Spice Concept é o novo projeto online da ariz.

Lifestyle

Neste hotel, a reserva de duas noites equivale à oferta da terceira

Aproveite uns dias relaxantes no campo.

Moda

À conversa com Diego Sebastian, criador da campanha 'Family Portraits' da Mango

Uma campanha não são apenas fotos bonitas dos produtos de uma marca. A mensagem é muito mais importante porque a forma como nos relacionamos com o mundo é essencialmente emocional. Daí ser curioso conversar com o homem que se esconde por detrás de uma das mais bem sucedidas campanhas da marca espanhola.