@amebeverly

Vivemos numa época de grandes lutas e mudanças. Ou, pelo menos, pequenos grandes passos para as atingir. Desde as preocupações ambientais à luta pela igualdade de género, é inegável o destaque dado a tantos temas que, durante muito tempo, apenas eram debatidos à mesa (e não em todas as mesas).

Neste sentido, é impossível ignorar a importância das redes sociais. Termos acesso praticamente ilimitado a plataformas como o Instagram, o Twitter, o Facebook – entre tantas outras – tanto pesa para o lado bom como para o lado mau da balança. Mas, no que toca aos assuntos que realmente importam, são, sem dúvida, uma das melhores (se não “a melhor”) formas de atingir grandes audiências.

Isto para dizer que são, sobretudo, as gerações mais jovens que fazem parte destas lutas – até porque acompanharam o aparecimento e crescimento de muitas destas plataformas. Ainda assim, continuam, em muitos temas – desde o emprego às relações -, a ser vistos como “crianças” e, frequentemente, “irresponsáveis” (de uma forma muito geral, claro, mas acontece).

Ora, a verdade é que não me choca absolutamente nada que um recente estudo realizado na América tenha mostrado que os casais mais jovens que sobem ao altar têm permanecido casados. Philip N. Cohen mostrou que as taxas de divórcio entre os mais novos são baixas – contra as expectativas de todos aqueles que, com certeza, os acharam “irresponsáveis” por dizer o “sim” tão cedo.

A explicação parece-me simples: a nossa geração assistiu à dominância dos divórcios entre os pais ou os tios. Tivemos tempo de perceber aquilo que não queríamos que acontecesse connosco. Por outro lado, e novamente, as redes sociais. O acesso a estas – e também a aplicações de encontros – permite-nos ir percebendo aquilo de que gostamos e aquilo que, definitivamente, não é para nós.

Conseguimos, hoje, conversar com alguém sem nunca ter estado presencialmente com a pessoa – e, depois, decidir se gostaríamos de a conhecer melhor ou não. Conseguimos marcar um encontro com alguém – e, depois, decidir se o queremos repetir ou não. Conseguimos, no fundo, de forma mais facilitada do que nunca, definir aquilo que pretendemos numa relação.

E isto leva-me à minha conclusão: quando os mais jovens escolhem manter uma relação com alguém, quando se comprometem, já tiveram, na maioria dos casos, experiências que as levaram a definir o tipo de relação que querem. Acredito que, quando fazemos um compromisso assim, é porque vemos no outro o potencial de nos tornar melhores, de nos fazer pessoas mais felizes.

Os ditos millenials sabem que ninguém é perfeito – mas também sabem que, para qualquer relação dar certo, é preciso aprender a navegar entre as águas mais agitadas, em vez de deixar o barco afundar. Somos mais resilientes, conscientes e responsáveis do que muitos mais velhos nos querem fazer parecer. Uma vez mais, generalizo – mas porque acredito verdadeiramente que somos uma maioria (ou então tenho a sorte de conhecer os millenials mais terra à terra de todos os millenials).

A nossa luta é constante – queremos provar que somos mais, que somos capazes, que não somos assim tão inconscientes e que podemos mudar o mundo aos poucos. Mas nem sempre nos dão o devido crédito. O lado bom é que evitamos aceitar um não e continuamos a lutar pelo que queremos e acreditamos. Que venham mais estudos, pesquisas que provem aquilo que valemos. Para já, estamos a vingar nas relações. E então?

Palavras-chave

Assine a ACTIVA e receba mais 6 meses grátis. Garanta uma boa leitura durante as suas férias e relaxe. Conheça todas as opções e não perca esta oportunidade. ASSINE AQUI

Mais no portal

Mais Notícias

A internacionalização como meta para os empresários

A internacionalização como meta para os empresários

Terapia do Humor

Terapia do Humor

A diversidade importa

A diversidade importa

Campanha de cereais de inverno foi a 2.ª pior dos últimos 105 anos

Campanha de cereais de inverno foi a 2.ª pior dos últimos 105 anos

Era uma vez uma maravilhosa preta da Guiné

Era uma vez uma maravilhosa preta da Guiné

Porque não gostamos do lucro (dos outros)?

Porque não gostamos do lucro (dos outros)?

Catarina Gouveia mostra o seu biquíni

Catarina Gouveia mostra o seu biquíni "favorito"

Plano mais barato da Netflix chega em 2023 e não vai permitir o download de séries

Plano mais barato da Netflix chega em 2023 e não vai permitir o download de séries

Samsung Galaxy Buds2 Pro em análise: Galáxia à parte

Samsung Galaxy Buds2 Pro em análise: Galáxia à parte

Ikea e Electrify America vão instalar 200 postos de carregamento rápido nos EUA

Ikea e Electrify America vão instalar 200 postos de carregamento rápido nos EUA

Solar Car Charging Palm, estações de carregamento alimentadas a energia solar

Solar Car Charging Palm, estações de carregamento alimentadas a energia solar

Municípios da serra da Estrela exigem estado de calamidade

Municípios da serra da Estrela exigem estado de calamidade

Livros-jogos para as férias

Livros-jogos para as férias

Choque e desespero em

Choque e desespero em "Quero É Viver": Irene e Olga trocam os bebés

Agenda para pais e filhos: agosto é tempo de diversão

Agenda para pais e filhos: agosto é tempo de diversão

1000 km (e um rally) com o Peugeot e-2008

1000 km (e um rally) com o Peugeot e-2008

O maior erro de Bill Gates e que ainda hoje o consome? Tablets

O maior erro de Bill Gates e que ainda hoje o consome? Tablets

"Crueldade sem limites": protestos e uma petição para acabar com a vacada tradicional da praia de Porto Dinheiro, na Lourinhã

Monkeypox: descoberto primeiro caso de transmissão de humanos para um animal de estimação

Monkeypox: descoberto primeiro caso de transmissão de humanos para um animal de estimação

A história do Ballett Gulbenkian

A história do Ballett Gulbenkian

17 fatos de banho que nunca saem de moda

17 fatos de banho que nunca saem de moda

American Airlines encomenda 20 aviões supersónicos à Boom Supersonic

American Airlines encomenda 20 aviões supersónicos à Boom Supersonic

No Guggenheim de Bilbau, Norman Foster montou uma homenagem aos automóveis. E o futuro, será sobre rodas?

No Guggenheim de Bilbau, Norman Foster montou uma homenagem aos automóveis. E o futuro, será sobre rodas?

A VISÃO Se7e desta semana – edição 1537

A VISÃO Se7e desta semana – edição 1537

Descoberta relação inesperada entre dois dos fatores que causam cancro com maior frequência

Descoberta relação inesperada entre dois dos fatores que causam cancro com maior frequência

Rui Maria Pêgo regressa à televisão portuguesa

Rui Maria Pêgo regressa à televisão portuguesa

JL 1350

JL 1350

Brain Snack: O que é a Síndrome de Ramsay Hunt, que paralisou Justin Bieber

Brain Snack: O que é a Síndrome de Ramsay Hunt, que paralisou Justin Bieber

As mordomas voltaram às ruas de Viana do Castelo carregadas de

As mordomas voltaram às ruas de Viana do Castelo carregadas de "emoção" e "chieira"

Eis algumas das melhores imagens das fotos das férias de Carolina e Rita Patrocínio

Eis algumas das melhores imagens das fotos das férias de Carolina e Rita Patrocínio

Oito novidades a não perder na Foz do Porto

Oito novidades a não perder na Foz do Porto

A polémica que rodeia a entrada da princesa Amalia da Holanda na faculdade

A polémica que rodeia a entrada da princesa Amalia da Holanda na faculdade

O

O "tubarão do imobiliário" na capa de Agosto da EXAME

Revelado nome carinhoso pelo qual os príncipes George, Charlotte e Louis tratam o avô, o príncipe Carlos

Revelado nome carinhoso pelo qual os príncipes George, Charlotte e Louis tratam o avô, o príncipe Carlos

Príncipe André e Sarah Ferguson envolvem-se em nova polémica

Príncipe André e Sarah Ferguson envolvem-se em nova polémica

Raquel André: Uma Língua Portuguesa afiada

Raquel André: Uma Língua Portuguesa afiada

Dívida cobrada pela Segurança Social atinge em 2021 valor mais baixo da década

Dívida cobrada pela Segurança Social atinge em 2021 valor mais baixo da década

Azul verão

Azul verão

Quem ganhou entradas para o Zoomarine?

Quem ganhou entradas para o Zoomarine?

De malas feitas

De malas feitas

Infantas Leonor e Sofia destacam-se com vestidos de estilos diferentes

Infantas Leonor e Sofia destacam-se com vestidos de estilos diferentes

Mais de 10 pastores da serra da Estrela recebem palha e ração a partir da próxima semana

Mais de 10 pastores da serra da Estrela recebem palha e ração a partir da próxima semana