Sim, é uma das melhores séries de thriller (ou horror) dos últimos tempos. Mas não, não é apenas isso. “Squid Game”, a série da Netflix, tem uma mensagem política importante. E há uma palavra para ela: desigualdade, seja social, económica, de género. Fechar os olhos a isso é perder parte do valor inequívoco desta série sul-coreana, com um argumento criativo, desafiante e que nos leva cada vez mais longe no caminho do horror, da ausência total de empatia, do egoísmo humano.

“Squid Game”, a série criada por criado por Hwang Dong-hyuk que se arrisca a ser em breve a série mais vista da Netflix de sempre, aponta os dedos aos esquecidos pela sociedade, à exploração pelos ricos e transformados em objetos para os seus mais distópicos prazeres. Mas mesmo entre os pobres e os miseráveis, há uma hierarquia. E no topo estão os homens, restando às mulheres terem de lutar a dobrar para sobreviver.

“Squid Game” parte de uma ideia louca: 456 participantes são convidados (sim, entram por sua livre vontade, mas podemos sempre discutir se há de facto liberdade na miséria humana) e são confrontados com a possibilidade de ganhar dinheiro, muito dinheiro, exibido de forma ostensiva perante os seus olhos, numa enorme bola de vidro onde caem notas de cada vez que os jogadores são ‘eliminados’. É preciso tornar esse dinheiro real, concreto, apesar de inacessível, para que não haja dúvidas – estão ou não dispostos a jogar a sua vida – a sua alma – para alcançar o prémio final?

No primeiro episódio, o personagem principal Seong Gi-hun (interpretado por Lee Jung-jae) explica que Squid Game era um jogo que as crianças de seu bairro brincavam, a partir de um desenho feito no chão em forma de lula. Essa explicação inicial não é inocente. O doentio desafio com que se vê confrontado consiste numa série de jogos que são inspirados em brincadeiras infantis, mas que se transformam em cenário de macabra matança. Jogo a jogo, mais se vão somando os corpos, ritualmente levados em caixões com laços rosa. Jogo a jogo, e nos intervalos em que partilham uma camarata, há espaço para que as personalidades e as histórias de um grupo desses jogadores sejam partilhadas com o espetador. Eles deixam de ser números, humanizam-se ou desumanizam-se porque há sempre a manipulação incutida de começarmos a ver que temos favoritos à vitória. Até que ponto nos tornamos então cúmplices desse mesmo jogo ou apostadores como os VIP, os homens ricos que pagam para assistir ao espetáculo, enquanto mandam piadas uns aos outros, numa abjeta ausência de valores?

Há mais do que violência nesta série, mas a violência é a que salta à vista: com sangue, vísceras, miolos a serem projetados no ar, numa impersonalidade dada pelo facto da morte chegar pela mão de funcionários de máscara, também eles sem nome, a cumprir ordens, a ganhar o seu dinheiro. E episódio a episódio a violência amplia-se porque se torna mais sádica, a um ponto que pensamos ‘não é possível ir mais longe’. Mas é. E nessa ampliação de violência também ressalta o melhor e o pior de cada jogador e os limites da ética e da humanidade. O que estamos dispostos a fazer para sobreviver?

Não vou escrever muito mais para não ser spoiler. Mas é uma grande série, que nos confronta com as nossas próprias escolhas; estamos ou não a jogar, ao sermos confrontados com o facto de que, no final, haverá apenas um e termos o nosso preferido? Resta-nos o alívio da série terminar com uma mensagem de esperança: o melhor dos homens em jogo ganha e a humanidade não está perdida. Ou será isso apenas uma distopia?

Palavras-chave

Mais no portal

Mais Notícias

Exame Informática TV 801: Tesla Model S Plaid , Galaxy S23 e Sonos One

Exame Informática TV 801: Tesla Model S Plaid , Galaxy S23 e Sonos One

Volt Live: Qual o aumento na conta da luz quando se carrega um carro elétrico em casa

Volt Live: Qual o aumento na conta da luz quando se carrega um carro elétrico em casa

Um passeio na floresta de W. B. Yeats

Um passeio na floresta de W. B. Yeats

Cenoura-brava: dormir e jantar sem sair do lugar

Cenoura-brava: dormir e jantar sem sair do lugar

Volkswagen ID. Buzz Pro em teste: Máquina de fazer sorrisos

Volkswagen ID. Buzz Pro em teste: Máquina de fazer sorrisos

Vencedores dos passatempos da edição n.º 223

Vencedores dos passatempos da edição n.º 223

Já começou a campanha eleitoral de 'Miúdos a Votos'!

Já começou a campanha eleitoral de 'Miúdos a Votos'!

Granado perfuma o Chiado

Granado perfuma o Chiado

O vídeo das férias de Catarina Furtado que nos faz sonhar

O vídeo das férias de Catarina Furtado que nos faz sonhar

Conselho Europeu reúne-se em Bruxelas com atenções na presença de Zelensky

Conselho Europeu reúne-se em Bruxelas com atenções na presença de Zelensky

Podem os fungos transformar-nos em zombies, como acontece na série

Podem os fungos transformar-nos em zombies, como acontece na série "The Last of Us"?

Montenegro verificou em Manteigas

Montenegro verificou em Manteigas "consequências da ineficácia do Governo"

Agenda para pais e filhos: o que fazer em fevereiro com os seus filhos

Agenda para pais e filhos: o que fazer em fevereiro com os seus filhos

Teletrabalho vai ser alargado a pais com filhos com doença oncológica

Teletrabalho vai ser alargado a pais com filhos com doença oncológica

Saiba como participar no casting para os novos “Morangos com Açúcar”

Saiba como participar no casting para os novos “Morangos com Açúcar”

Veja aqui como funciona o ChatGPT, o sistema de IA que está a impressionar o mundo

Veja aqui como funciona o ChatGPT, o sistema de IA que está a impressionar o mundo

A coleção vibrante primavera-verão 2023 de Alexis Mabille desfila em Paris

A coleção vibrante primavera-verão 2023 de Alexis Mabille desfila em Paris

Ambulâncias paradas em diversos pontos do país devido a dia de protesto - sindicato

Ambulâncias paradas em diversos pontos do país devido a dia de protesto - sindicato

Ex-jornalista Patrícia Gallo está divorciada de Pedro Sousa há um ano

Ex-jornalista Patrícia Gallo está divorciada de Pedro Sousa há um ano

Que Brasil é esse?, questiona Jonathas de Andrade em

Que Brasil é esse?, questiona Jonathas de Andrade em "Olho-Faísca", no MAAT

Cabaz de bens alimentares essenciais custa 30% do salário mínimo

Cabaz de bens alimentares essenciais custa 30% do salário mínimo

Governo admite problemas na operação da Transtejo/Soflusa mas diz estar a resolver questão

Governo admite problemas na operação da Transtejo/Soflusa mas diz estar a resolver questão

Em “Sangue Oculto”: Beni denuncia João por a ter raptado

Em “Sangue Oculto”: Beni denuncia João por a ter raptado

Já a pensar no Dia de Namorados?

Já a pensar no Dia de Namorados?

Afinal, há mais vida a sobreviver na escuridão dos oceanos do que se pensava

Afinal, há mais vida a sobreviver na escuridão dos oceanos do que se pensava

Conheça as empresas distinguidas nas 1000 PME

Conheça as empresas distinguidas nas 1000 PME

Quatro discos novos cheios de experiência

Quatro discos novos cheios de experiência

Meghan e Harry separados!

Meghan e Harry separados!

Novo presidente da Ordem dos Médicos do Centro defende recuperação das carreiras

Novo presidente da Ordem dos Médicos do Centro defende recuperação das carreiras

Liliana Campos é o novo rosto da linha Riche Crème da Yves Rocher

Liliana Campos é o novo rosto da linha Riche Crème da Yves Rocher

Chapéus há muitos. Estes 20 são bons para o sol de inverno

Chapéus há muitos. Estes 20 são bons para o sol de inverno

Volkswagen ID. Buzz Pro em teste: Máquina de fazer sorrisos

Volkswagen ID. Buzz Pro em teste: Máquina de fazer sorrisos

Tesla Model S Plaid em teste: Mostrar quem manda

Tesla Model S Plaid em teste: Mostrar quem manda

Quatro livros, muitas vozes da literatura em português

Quatro livros, muitas vozes da literatura em português

Sofá e pufe Loop, é mesmo divertido sentar

Sofá e pufe Loop, é mesmo divertido sentar

A nova e surpreendente contratação de Kate Middleton

A nova e surpreendente contratação de Kate Middleton

Lisboa começa a produzir unicórnios a partir de… hoje

Lisboa começa a produzir unicórnios a partir de… hoje

Para evento em Alicante, Letizia recupera vestido que estreou há um ano em Viena

Para evento em Alicante, Letizia recupera vestido que estreou há um ano em Viena

Leão (da Peugeot) cada vez mais verde

Leão (da Peugeot) cada vez mais verde

Não contem comigo!

Não contem comigo!

Conheça 26 modelos de mesas de apoio

Conheça 26 modelos de mesas de apoio

Downloads cósmicos

Downloads cósmicos